Blog do Romilson Cuiabá, 26 de Maio DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Vereadores por Cuiabá, pré-candidatos, já visitam interior para viabilizar "campanha"

Por 09/02/2014, 08h:06 - Atualizado: 09/02/2014, 16h:17

vereadores_candidatos_quadro.jpg

Os 4 pré-candidatos a vaga na Assembleia e Câmara Federal

Pelo menos quatro dos 25 vereadores da Capital são pré-candidatos a deputado estadual ou federal nas eleições de outubro e já começam a visitar municípios do interior em busca de apoio para viabilizar suas pré-candidaturas. Todos os vereadores-candidatos consultados pelo Rdnews dizem que vão focar a campanha na Baixada Cuiabana, devido aos escassos recursos ou porque sentem que no “interiorzão” os eleitores têm rejeição aos candidatos que vem de fora.

Na corrida por uma vaga na Assembleia ou na Câmara Federal, os vereadores e deputados têm grande vantagem em relação àqueles que não são detentores de mandato e aos que atuam no Poder Executivo. Diferentemente de um secretário de Estado ou do município, os vereadores não precisam renunciar ao mandato para encarar uma nova disputa eleitoral. Assim, eles podem usufruir do posto privilegiado para estarem em maior evidência.

Faissal Calil (PSB) é forte candidato a deputado federal, mas está na dependência do secretário de Governo, Fábio Garcia, que só assumirá a pré-candidatura no prazo limite para desincompatibilização do cargo, no final de março. Se o correligionário for candidato, Faissal abrirá mão, por ora, de buscar a ascensão na carreira política. Isso porque Fábio tem preferência dentro do grupo político, por ser o braço-direito e o candidato do prefeito, Mauro Mendes (PSB). Conforme já declararam integrantes do governo do socialista, em visita ao Grupo Rdnews, Mauro está dando todas as condições e incentivo para que Fábio concorra nestas eleições.

Mesmo diante da indefinição do secretário, Faissal não perde tempo e vislumbra em quais bandeiras a sua campanha estará pautada. Além de vereador, ele é advogado de carreira, foi assessor de gabinete de um desembargador no Tribunal de Justiça e é filho de professora. Por isso, uma de suas ideias de campanha é a defesa da redução da maioridade penal. Outra é por uma pena mais dura àqueles que cometem crimes contra escolas e professores. “Roubar uma residência não pode ser considerado no Código Penal, a mesma coisa que roubar uma escola. A escola é uma instituição sagrada e precisa de maior proteção e atenção”, frisa o vereador.

Além disso, Faissal defende uma distribuição mais justa do bolo tributário e a reforma da Constituição Federal, no que tange à escolha de ministros do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e Supremo Tribunal Federal (STF). Ele explica que essa escolha passa pela Presidência da República e que, por isso, o critério de escolha acaba sendo político. “Não deve haver interferência política e sim ser uma escolha do segmento, de operadores do direito que sejam togados”, avalia.

O petista Allan Kardec é outro vereador-candidato confirmado, mas diferente de Faissal o seu foco é na Assembleia. Allan é a aposta do PT para a manutenção do espaço da sigla no Legislativo estadual, já que Alexandre César decidiu não disputar a reeleição para investir na carreira acadêmica. O PT hoje tem duas cadeiras na Assembleia, a outra é ocupada por Ademir Brunetto.

Allan é professor universitário e do ensino médio, na área de Educação Física, por isso, a sua principal bandeira será a educação. E é aí que travará um forte debate. Além de defender a escola em tempo integral em todas as unidades do Estado, ele também é contrário à extinção da escola ciclada, tese que é defendida na Assembleia e que pode virar palanque eleitoral da oposição para atacar o Governo Silval Barbosa (PMDB).

Apesar de ser oposição ao prefeito, o partido de Allan faz parte do bloco governista na gestão Silval, e com conhecimento de causa ele já se prepara para sair em defesa do modelo da escola de ciclos. O petista explica que erroneamente o atual sistema educacional é classificado como um modelo onde não há reprovação e, por isso, é responsável pela formação de analfabetos funcionais, pela falência do ensino público e do fim do respeito dos alunos aos professores.

“Temos que quebrar este paradigma de que tem que haver a antiga palmatória. Hoje os professores têm que ter cacife para conquistar o aluno. A verdadeira escola ciclada é excelente. O que é ruim é a progressão automática, mas quando foi implantado este modelo havia a retenção no final dos ciclos, ou seja, a cada três séries”.

Juca do Guaraná Filho (PTdoB) também é um candidato de peso. Ele esteve em evidência no ano passado com a luta para acabar com o monopólio das funerárias em Cuiabá. Também defendeu a reivindicação da instalação de um crematório na Capital. Ele ressuscita o assunto neste início de ano legislativo, fazendo visitas in loco às prestadoras do serviço e ao diretor da Pax Nacional Prever.

Divulgação

7305_a_gr.jpg

Filha do deputado José Riva, Janaina, é a aposta do PSD nas eleições de outubro para deputada estadual

Além de tirar proveito de estar na mídia por conta da atuação como vereador, Juca também não perdeu tempo e já visitou o diretório da legenda em 14 municípios da Baixada, afim de buscar respaldo à sua candidatura. “As visitas não são para pedir votos porque não podemos fazer campanha extemporânea, mas para conhecer os presidentes e a realidade dos municípios”, pondera. Ele revela que vai “bater” bastante na questão da precariedade das estradas. “Há um descaso e um abandono geral das estradas. O que você mais vê quando está viajando pelo Estado é motorista com pneu furado”, ressalta.

Mario Nadaf  (PV) também começa a se articular e visitar os municípios. Nadaf também é um vereador considerado participativo e está à frente da Comissão de Reforma do Regimento Interno da Câmara. Dentre as facilidades que ele tem para trabalhar a pré-candidatura é que além de vereador, também é presidente do partido na Capital. Depois de dar início ao primeiro rodízio da história do PV no Legislativo cuiabano, que promete contemplar os três suplentes, Rogério Varanda, Zito Adrien e Aluízio Leite, ele ganhou grandes cabos-eleitorais, tendo em vista que os suplentes sonham em se efetivar na cadeira. 

Apesar de ser um bom nome, Toninho de Souza (PSD) diz que não é pré-candidato, porque não têm recursos financeiros para isso. O candidato do partido era João Emanuel, que após os escândalos da Operação Aprendiz teve a carreira “queimada”. Agora a sigla aposta na filha do deputado José Riva, Janaína Riva.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • Fora seus Ratos! | Terça-Feira, 01 de Março de 2016, 12h17
    1
    0

    Alan Kardec não faz 2mil votos para vereador na próxima. Na eleição passada ele teve muitos pontos a favor dele para se eleger. O PT estava na pasta da educação. A sua namorada era Superintendente de Infraestrutura escola, acabava priorizandorecrusos emergenciais para escolas em troca de apoio politico dos diretores de escolas. As empresas que realizava os serviços eram ligadas a ele e seu tio. Com a saida do PT do governo as coisas estão mudando. Em resumo esse vereador vai levar ferro nas eleições de 2016.

  • Aline Sampaio | Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2014, 17h21
    3
    4

    Allan Kardec, vc é sem dúvida alguma o nosso melhor nome... Gosto do trabalho do Mário Nadaf tmb. Parabéns ao RDNEWS sempre atentos aos movimentos de bastidores!!!

  • André Luiz | Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2014, 17h19
    3
    3

    Desses todos o único que tem trabalho comprovado e uma postura realmente de Parlamentar é o Vereador e Professor Universitário ALLAN KARDEC, meu colega de ETF/MT, têm meu voto!!!

ELEIÇÃO AO SENADO

Julinho prestes a jogar a toalha

Por 26/05/2020, 16h:59 - Atualizado: 06h atrás

Rodinei Crescêncio/Rdnews

julio campos 680

Julio Campos (DEM) não admite publicamente, mas, em conversa reservada com os mais próximos, já fala em jogar a tolha sobre eleição suplementar ao Senado.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Filpo | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 20h53
    0
    2

    Por duas razões o grupo de jc acha que ele não deve tirar o time de campo: primeiro é que ele está bem pontuado e, segundo, eles acham os principais competidores são relativamente fracos, irão dividir votos no nortão, e perderão nas principais das demais regiões para ele. São favas contadas.

  • Leonardo | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 18h42
    5
    1

    Tá igual o irmão dele, só monta em cavalo já arriado! Kkkkk

MESA DA ASSEMBLEIA

Negociação de Bezerra para Max abrir caminho à Janaina Riva

Por 26/05/2020, 10h:42 - Atualizado: 26/05/2020, 10h:47

carlos bezerra 680

O cacique do MDB, deputado Carlos Bezerra, entrou no circuito para convencer Max Russi (PSB) a desistir de vez da disputa à Primeira-Secretaria da próxima Mesa da Assembleia.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Lulu | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 18h26
    4
    2

    E José Riva volta a ser o ordenador de despesas da Casa Cidadã....

  • Critico | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 16h33
    1
    0

    Critico, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • DE OLHO | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 15h25
    11
    5

    O FRUTO NÃO CAI LONGE DO PÉ !! vejam quem é o pé da JANAINA.

ARTICULAÇÃO

A investida de um suplente para se tornar secretário de Estado

Por 25/05/2020, 18h:27 - Atualizado: 25/05/2020, 18h:30

oscar bezerra 680

Com a desistência de Faissal Calil do comando da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação e retorno à cadeira na Assembleia, o primeiro-suplente Oscar Bezerra perdeu espaço e ficou sem perspectiva para viabilizar sua candidatura a prefeito de Juara.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Roberto | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 09h06
    3
    5

    Efa Forte, comente sobre a gestão desta família aí em Juara. Luciane Bezerra fez um bom trabalho a frente da Prefeitura?

  • Efa Forte | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 07h53
    9
    1

    Esse cidadão acabou com a carreira política da sua esposa. Nem sei como consegui dormir. Agora quer ser prefeito novamente. É brincadeira esse nosso Mato Grosso. E ainda vai ganhar, pois são muito ricos.

  • Comentarista | Segunda-Feira, 25 de Maio de 2020, 19h13
    1
    3

    E eu achando que era o adjunto que queria ser

Rondonópolis

Vice nega elo com ex-filiado que denuncia prefeito e vereadores

Por 25/05/2020, 11h:32 - Atualizado: 25/05/2020, 11h:42

ubaldo vice-prefeito 680

O vice-prefeito de Rondonópolis, empresário Ubaldo Tolentino de Barros, que já está no quarto partido em menos de 10 anos de vida pública, tratou de se antecipar, aplicando "vacina" em si próprio,  sobre uma denúncia grave feita pelo radialista e apresentador de TV, Waldemir Costa, contra o prefeito Zé do Pátio e vereadores.

Postar um novo comentário

INSTITUTO FEDERAL

Na disputa à Reitoria, uma ameaça à hegemonia de um antigo grupo

Por 24/05/2020, 22h:39 - Atualizado: 25/05/2020, 07h:33

deiver alessandro ifmt 680

Apoiado pelas chamadas bases de servidores com sentimentos de mudanças, o professor Deiver Alessandro Teixeira, diretor-geral do Campus do IFMT Cuiabá Bela Vista, se tornou uma ameaça à hegemonia do grupo do reitor Willian de Paula, que comanda o Instituto Federal de Mato Grosso há mais de duas décadas, ainda da época da escola técnica e CEFET.

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • Giuliano Robledo | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 21h18
    0
    0

    Sempre ouvi falar muito bem do trabalho do Professor Deiver e da Equipe do Bela Vista e tenho comprovado toda a boa fama nas mídias e redes sociais e a notoriedade entre os colegas conhecidos. Parabéns Professor Deiver pela iniciativa de pré-candidatura!

  • Carlos Costa | Segunda-Feira, 25 de Maio de 2020, 23h55
    0
    0

    Carlos Costa, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • gislaine.costa2022 | Segunda-Feira, 25 de Maio de 2020, 22h38
    7
    3

    E vamos de Deiver! A eleição não será fácil. A máquina sempre jogou pesado nas eleições. Olhem as portarias. Tem remoção de servidor acontecendo mesmo com as atividades suspensas! Vamos ficar de olho.

EFEITO-PANDEMIA

Coronavírus vai matar reeleição de muitos prefeitos

Por 24/05/2020, 21h:27 - Atualizado: 24/05/2020, 22h:57

z� do patio 680

A Covid-19 deve matar o projeto de reeleição de muitos prefeitos, seja por causa de denúncias de irregularidades e má aplicação dos recursos à saúde, seja pela postura adotada em relação à pandemia. 

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2546