Blog do Romilson Cuiabá, 02 de Junho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Rumo às urnas

Wilson aposta na vitória de Aécio em Mato Grosso e diz que PT é freguês de caderneta

Por 19/05/2014, 17h:00 - Atualizado: 19/05/2014, 20h:33

O ex-prefeito de Cuiabá Wilson Santos, designado pela direção nacional do PSDB para ajudar na articulação do palanque do presidenciável Aécio Neves em Mato Grosso, aposta na vitória do tucano no Estado. A projeção está baseada nos resultados das últimas cinco eleições presidenciais, considerando que os petistas Lula e Dilma Rousseff, que comanda o país, nunca conseguiram maioria entre o eleitorado mato-grossense. “Ganhamos em 94, 98, 2002, 2006 e 2010 com José Serra e Geraldo Alckmin. Vamos vencer novamente. O PT é nosso freguês de caderneta”, avalia.

A convicção de Wilson contraria o resultado da pesquisa Mark,  divulgada pelo Rdnews na semana passada. O levantamento feito em 73 municípios indica que hoje, na modalidade estimulada, à reeleição de Dilma conta com apoio de 38,2% dos eleitores.  Aécio, por sua vez, tem 21% das intenções de voto. Já Eduardo Campos (PSB), por sua vez, aparece com 7%. O número de indecisos é expressivo, com 31,7%, por isso, o cenário ainda segue bastante indefinido no Estado.

Apesar das projeções contrárias, Wilson considera determinante para as sucessivas vitórias do PSDB em Mato Grosso a identificação do eleitorado com a ideologia social-democrata. Na sua avaliação, as políticas assistencialistas do governo federal se chocam com o perfil da população ligada ao agronegócio e que prosperou através do trabalho árduo.  “Os mato-grossenses não concordam com a maneira do PT governar. As urnas vão expressar a insatisfação com o atual modelo. Acredito na vitória aqui e em todo Centro-Oeste”, garante

Wilson também afirma que as ações do PSDB durante o governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (1994-2002), terão reflexo no resultado das eleições. Segundo o ex-prefeito, a principal realização foi o Plano Real que trouxe estabilidade econômica ao Brasil.          

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Heitor | Terça-Feira, 20 de Maio de 2014, 00h05
    3
    3

    PT vai perder em MT tão certo quanto 2+2=4, essa projeção é obvia...

  • juarez souza | Segunda-Feira, 19 de Maio de 2014, 23h47
    2
    1

    Pois é Felipe Matos, e nos perguntamos pq os dados não estão na matéria.. era só conferir as informações equivocadas do ws no site do tse, tão rápido e fácil, mas sempre baseiam no disse me disse! nada de checar

  • pedro | Segunda-Feira, 19 de Maio de 2014, 19h04
    2
    2

    pt e pmdb, disque iam fazer um governo otimo, ai depois que entram na maquina publica, dizem que não é bem assim, a historia é outra etcetc.....essa conversa fiada ja esta esgotando quem paga impostos.

FUTURA MESA DA ASSEMBLEIA

Botelho arrasta negociação para fechar chapa; 12 disputam 7 cargos

Por 01/06/2020, 18h:29 - Atualizado: 01/06/2020, 18h:35

eduardo botelho 680

Eduardo Botelho entra nos 10 últimos dias para a eleição da Mesa Diretora arrastando as negociações e tendo de conviver com queda-de-braço entre colegas por espaço. Há 12 deputados, metade da composição da Assembleia, disputando sete cargos na Mesa.

Postar um novo comentário

BOLSONARISTA

Ex-suplente "mordido" com Selma por criticar filho de Bolsonaro ouça

Por 01/06/2020, 15h:06 - Atualizado: 01/06/2020, 15h:26

beto possamai 680

O sojicultor de Sorriso, Beto Possamai (PSL), ainda não digeriu a cassação e, em especial, a falta de habilidade política da ex-senadora Selma Arruda, de quem foi primeiro-suplente e financiador milionário da campanha feita, em parte, com caixa 2.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • USIEL | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 19h16
    4
    9

    Eu não quero saber, mais de Shelma Arruda, nem do Piveta ou do Faváro, eu já tô na luta pela eleição para o Senado, do Julio José de Campos, o 251. O resto é resto..kkkk

  • marcos antonio de souza | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 15h41
    9
    2

    Verdade Beto Possamai, vc está corréto, a senadora na verdade realizou um festival de coisas erradas, sem pensar, sem analizar as consequencias, subiu muito pra cabeça, por algum instante se achou a dona do mundo, foi ao delirio, errou em tudo o que fez, e pricilpalmente esqueceu de ouvir os amigos e companeiros, foi um total descontrole em suas ações. A politica é feita de convesa, muita conversa, para o confronto nunca devemos ir, muito dialogo. Foi uma pena, quantas lutas por nada.... Disso tudo fica uma grande lição, nunca devemos humilhar nimguem, aqui se faz aqui se paga.....(sábio ditado popular)....

EMBATE EM VÁRZEA GRANDE

Jayme quer "esticar" mandato e Flávio fala em quebrar os Campos

Por 01/06/2020, 12h:13 - Atualizado: 01/06/2020, 18h:47

flavio vargas 680

Enquanto o senador Jayme Campos se movimenta em Brasília pela prorrogação de mandatos de prefeitos e vereadores, o que beneficiaria a esposa Lucimar com mais dois anos à frente do Paço Couto Magalhães, o empresário Flávio Vargas está em pré-campanha à sucessão em Várzea Grande.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • João Vacarias | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 15h54
    0
    0

    João Vacarias, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • max | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 14h45
    4
    13

    Agora VG é Flavio

  • Israel Borges | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 12h33
    16
    6

    vamos aguardar flavio so para ver a surra que voce vai tomar

PREOCUPAÇÃO

Pais e crianças pedindo esmolas logo cedo nos semáforos em Cuiabá

Por 31/05/2020, 22h:03 - Atualizado: 31/05/2020, 22h:06

sos 680

É de partir o coração a cena de crianças, logo cedo, por volta de 7 horas, inclusive acompanhadas e exploradas pelos pais, pedindo esmolas ou qualquer outro tipo de ajuda a motoristas nos semáforos em Cuiabá. Alguns são oriundos de outros países, como Venezuela.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • AMLID | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 12h58
    3
    1

    POIS É , AO CONTRÁRIO DE ALGUNS QUE PODEM USAR O CORONAVOUCHER!!! Nestes caso, só lhes resta pedir e certamente é melhor que roubar ou vender outros acessórios. No caso, seria profissão roubar, vender drogas...... Veja a situação "in loco" antes de emitir opiniões sem quaisquer humanidades.

  • Walter liz | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 09h49
    9
    2

    isso infelizmente virou " Profissão ", e as autoridades não se mexem para resolver

  • AMLID | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 08h16
    7
    3

    ONDE ESTÁ O INSTITUTO MAGGI E SEUS COLABORADORES. ACASO A FOME TEM NACIONALIDADE? TALVEZ ESTA POPULAÇÃO NÃO RENDA VOTOS. Talvez fosse o momento de menos marketing e mais atitudes. Se perdermos um minuto do nosso precioso tempo(assim falam alguns) e conversem com estas pessoas. Alguns possuem nível superior, são profissionais qualificados em seus países e aqui é uma população invisível, assim, como os haitianos e tantos outros. O que nos dá enjoo é saber que muito usam da miséria humana para se tornarem brilhantes marketeiros. FAÇAM E QUE A MÃO DIREITA O QUE A ESQUERDA NÃO VEJA!!!!!

IMPASSE

Entre reeleição e disputa ao Governo

Por 31/05/2020, 15h:40 - Atualizado: 31/05/2020, 15h:44

emanuel pinheiro 680

A sete meses de concluir o mandato, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (MDB) vive um impasse político, de olho no presente e pensando no futuro.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Povo otario | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 09h47
    2
    5

    Mané governador e vice Sinval...Riva e Pedro do Taques coordenador de campanha

  • servidora massacrada | Domingo, 31 de Maio de 2020, 21h28
    10
    1

    mil vezes o mané como governador do que esse atual que todo dia trama alguma coisa para retirar algum direito dos servidores publico. em 2022 só vou votar em quem tem compromisso com o servidor publico, chega de apanhar!

  • Maurício coophamil | Domingo, 31 de Maio de 2020, 20h57
    1
    2

    Maurício coophamil, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

FORA DA LISTA

Senador leva reclamação a ministro por constrangimento sofrido em MT

Por 30/05/2020, 21h:33 - Atualizado: 30/05/2020, 21h:40

carlos favaro 680

Inconformado por ter sido ignorado na solenidade da última quinta, em Rondonópolis, com a presença da ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos), o senador Carlos Fávaro levou o caso para Brasília.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Justiceiro | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 12h37
    1
    0

    Uai esse Brasil aceita tudo um cara que nem eleito foi conseguiram fazer uma gambiarra la em Brasília pra ele tampar a vaga que tomaram no tapetão! Eleitos foram Welington,Jaime Campos, mais esse elemento tá de brincadeira com o povo.

  • Professora | Domingo, 31 de Maio de 2020, 17h16
    10
    0

    Qua fo ganharuma eleição pode reclamar!

  • Ana Amélia | Domingo, 31 de Maio de 2020, 15h02
    21
    2

    kkkkkkkkkk senador do tapetãooooo tem que ser ignorado mesmo

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2550