Blog do Romilson Cuiabá, 03 de Julho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

RESGATE HISTÓRICO

Referência política e cultural, Maria Emília recebe homenagens

Maria Ponce de Arruda Muller faleceu em 2002, aos 104 anos. Era viúva do primeiro interventor de Mato Grosso, Júlio Muller, que também foi deputado federal. Ela entrou para a história como uma das personalidades-referências na política, educação e literatura. Neta de Generoso Ponce, Maria Muller conseguiu a proeza de vivenciar histórias de praticamente três séculos, pois nasceu em Cuiabá em 9 de dezembro de 1898 e passou pelos períodos de 1900 e início de 2000. Era filha do coronel João Pedro de Arruda e Adelina Ponce de Arruda. Começou a vida profissional como auxiliar de professora. Em abril de 1919, casou-se com Júlio Muller.


Mãe de sete filhos, 23 netos, 57 bisnetos e 5 tataranetos, Maria Muller recebeu diversas homenagens, dentro e fora do país. As imagens registram solenidades em que ela, aos 90 anos, entra no plenário da Assembleia Legislativa, sob sorriso do ex-governador Júlio Campos, para receber mais uma homenagem em sessão solene, sob olhar dos deputados e outras autoridades, como o neto Júlio Muller e o ex-senador Gastão Muller. Ela lançou diversas obras, uma delas a "Cuiabá ao Longo de 100 anos", publicado em 1994, quando já chegava aos 96 anos de idade. Foi a segunda mulher a tomar posse na Academia Mato-Grossense de Letras. Morreu há 8 anos.
Fotos: Demóstenes Milhomem

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Luciana Maciel de Lima | Sexta-Feira, 28 de Janeiro de 2011, 15h37
    0
    0

    Sr. Lauro Portela, Estou pasma com o seu depoimento. Por alguns momentos fiquei parada diante do computador sem saber se de tão infundado ele mereceria ou não uma resposta... então apesar de ter a convicção de que não vou mudar a sua opinião, já que a mesma não está fundamentada por fatos e sim por sentimentos mesquinhos de inveja e ignorância... resolvi lhe responder. É muito fácil insultar o que se inveja, ainda mais quando essa pessoa não está mais entre nós para se defender. (Se bem... que eu tenho a certeza de que se ela lesse isso daria boas rizadas... e diria uma frase que sempre repetia: "Quem fala de mim, quem fala. Quem fala de mim quem é... é algum chinelo velho que não me serve no pé!"). Como dizia Anatole France: "O nosso mal é julgar as pessoas pelo prazer ou pela dor que nos causam". No seu caso, é a dor da inveja e reconhecimento da superioridade do invejado. Tenho a certeza de que é apenas mais um João Ninguém, cheio de complexos e de sonhos perdidos. O senhor não conhece nada da história de Mato Grosso e com certeza não teve o privilégio e a oportunidade de conhecer a Dona Maria de Arruda Muller. Se a tivesse conhecido não teria a insensatez de fazer um comentário tão lamentável quanto este, deixando transparecer tamanha inveja e ignorância.

  • Lauro Portela | Quarta-Feira, 24 de Novembro de 2010, 08h50
    0
    0

    É engraçado como jornalistas utilizam certos termos. Comecemos pelo "resgate". É como se pudéssemos pegar um período do passo e trazê-lo de volta. Os físicos há anos tentam fazer isso, pederiam ensiná-los. Quem resgata é Bombeiro, Polícia do esquadrão anti-seqüestro, etc. O segundo é a idéia de que um indivíduo pode "entrar para a história", como se existisse um portão para tanto. Todos nós fazemos nossas histórias todos os dias e o máximo que pode ocorrer é que uma memória seja destacada e legitimada como verdadeira. A seleção de objetos que passariam a ser "monumentos-documentos" (por que em si mesmos dão a impressão de representar a história!) legitimariam essa seleção como verdadeiras: fotografias, objetos de valor, documentos, etc. A vida é bem mais complexa que isso, e entendo que a D. Maria de Arruda Müller deve ser melhor analisada, bem como o passado de seus familiares, cuja manutenção no poder foi garantida e legitimada por mortes, esquecimentos, exclusões e apoio incondicional a ditadores e regimes autoritários. Como se vê, os personagens que "entraram" para a história são mais complexos e menos angelicais do que supomos.

EM CUIABÁ

Rompido com prefeito Emanuel, vice tem toda equipe exonerada

Por 02/07/2020, 17h:45 - Atualizado: 02/07/2020, 18h:01

niuan ribeiro 680

O vice Niuan Ribeiro, que se tornou adversário político do prefeito da Capital Emanuel Pinheiro, ficou sem toda a estrutura de pessoal do gabinete.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Eduardo | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 00h12
    2
    3

    Funcionalismo público é um cancer. Uma demissão dessa em massa só prova que essas pessoas nem precisavam estar alí recebendo do nosso dinheiro. Isso que arrebenta nosso país, se a política não fosse gananciosa, a vida todos seria muito melhor.

  • jose luis | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 20h09
    10
    9

    GANANCI DE PODER E ESQUECEU COMPANHERISMO ISSO E RESULTADO DO NOBRE NIUAM ,MUDOU DE PARTIDO E AGORA COHE O RESULTADO,ESTAVA INDO BEM COMO VICE E SE ACHOU QUE TINHA ASAS PROPRIAS PARA DEOLAR NOVOS RUMOS ,SE FERRROU

  • Maria | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 19h55
    14
    11

    Prefeito da humanização? Mandou pessoas embora em meio de uma pandemia. Nao pensa nas pessoas? Isso nao é hora de fazer politica ... pisou na bola neneu do paleto

SEM CRISE

Cartório de Rondonópolis fecha junho com faturamento de R$ 2 mi

Por 02/07/2020, 12h:03 - Atualizado: 02/07/2020, 12h:07

cartorio primeiro oficio de rondonopolis 680

Mesmo com a pandemia, carimbos e assinaturas dos cerca de 250 cartórios extrajudiciais de Mato Grosso seguem engrenados como máquina de fabricar dinheiro. Mantêm alto faturamento.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Chirrão | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 12h42
    6
    2

    NÃO VENDAM SEUS VOTOS.....CORRUPTOS SÓ SOBREVIVEM ASSIM !!

NA PRISÃO

Conselheiro quis preservar o genro e se complicou

Por 01/07/2020, 21h:24 - Atualizado: 01/07/2020, 21h:27

waldri teis 680

Dos cinco conselheiros afastados do TCE-MT desde 2017, o que mais se mostrou fragilizado foi Waldir Teis, preso nesta terça por supostamente tentar ocultar provas. Entrou em processo de depressão. E passou a conviver com outros problemas de saúde, como da próstata. Recentemente ficou cerca de um mês no Paraná, em tratamento.

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Joao Luiz | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 19h11
    0
    0

    Joao Luiz, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • O atalaia | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 14h37
    0
    0

    O atalaia, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Márcio | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 12h55
    14
    0

    O que esperar dos conselheiros, indicados por políticos? veja quem está hoje lá e quem é o provável indicado. Os que estão lá, exceto os servidores de carreiras, sabem que honestidade, é um vocabulários que eles não conhecem. Esperar o que deles?

INFRAESTRUTURA

Governador autoriza licitar mais 2 trechos de rodovias e por 30 anos

Por 01/07/2020, 16h:54 - Atualizado: 01/07/2020, 17h:00

Mayke Toscano

mauro mendes 680

O governador Mauro Mendes autorizou ontem a Sinfra a abrir licitação para fazer concessão de mais dois trechos de rodovias estaduais. 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Reginaldo | Quarta-Feira, 01 de Julho de 2020, 21h18
    17
    0

    A jogada é a seguinte, a empresa vence que a licitação, que fez o estudo de viabilidade econômica, investe economizando o máximo possível, após a construção das praças de pedágio, faturam por um tempo e depois começa a postergar os investimentos que ela se comprometeu no contrato e o governo finge que nada acontece.

  • Amaral antunes | Quarta-Feira, 01 de Julho de 2020, 19h54
    25
    0

    O povo paga pra fazer. O povo paga pra usar. O governante terceiriza pra faturar e intitula-se gestor. Patifaria

HOMEM DE CONFIANÇA

Blairo triste com prisão de seu ex-secretário

Por 01/07/2020, 16h:10 - Atualizado: 01/07/2020, 21h:42

blairo maggi 680

A prisão hoje pela Polícia Federal de Waldir Julio Teis, investigado na operação Gerion e flagrado em ocultação de documentos, deixou o ex-governador e ex-senador Blairo Maggi extremamente triste, constrangido e preocupado.

Postar um novo comentário

Comentários (17)

  • Diogo Vargas | Sexta-Feira, 03 de Julho de 2020, 07h56
    0
    0

    Esse galego tem história no estado de Mato Grosso.

  • Luiz Dutra | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 19h18
    12
    2

    Deve estar com dissenteria, febre, e insonia total o sr.Blairo Maggi, pois o Conselheiro Waldir Teis, foi seu Secretpario de Fazenda, e montou todo esquema doBIC BNCO com relação as cartas de creditos, em parceria com Eder moraes. Se o Waldir resolver fazer delação premiada, o Blairo vai para a cadeia. Aguardem....

  • Heráclito | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 17h26
    9
    2

    Blairo triste com....Blairo triste com...Blairo triste com... Blairo triste com...É professor isso é lamentável.

NA RESERVA

Um olho à Câmara, outro no Senado

Por 01/07/2020, 11h:15 - Atualizado: 01/07/2020, 11h:20

gisela simona 680

Quem está empolgada com a possível candidatura de Emanuelzinho (PTB) a prefeito de Várzea Grande é a ex-superintendente do Procon de Mato Grosso, Gisela Simona (Pros).

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Josefina | Quinta-Feira, 02 de Julho de 2020, 19h25
    0
    1

    É melhor torcer e apoiar o Deputado Emanuelzinho para Prefeito de Varzea Grande, e assumir a sua vaga na Camara dos Deputado, doque ficar sonhando com o Senado Federal, se por acaso o Faváro não conseguir ficar lá até 2027 e houver uma nova eleição suplementar essa vaga não será de Gisela, mais sim do Julio Campos,Piveta,ou o proprio Carlos Faváro, que tem estrutura de partido e financeira para uma disputa majoritaria. Tenho dito..kkkm[

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2564