Blog do Romilson Cuiabá, 06 de Junho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

RETROSPECTIVA

Mauro, Percival e Walace pagam contas e buscam elevar receita

  Fotos: Rodinei Crescêncio -- Mauro,  Percival e Walace assumiram missão de colocar casa em ordem Dos três prefeitos eleitos em 2012 para comandar as maiores cidades do Estado, Walace Guimarães (PMDB), que comanda Várzea Grande, é o que enfrentou missão mais árdua neste ano. Já Mauro Mendes (PSB) e Percival Muniz (PPS), que estão à frente de Cuiabá e de Rondonópolis, respectivamente, também tiveram que vencer obstáculos, herdando dívidas, mas em proporção menor que a pedreira encontrada pelo peemedebista.

  Logo no início da gestão, Walace  teve que encarar débito de R$ 35 milhões com o Instituto de Previdência de Várzea Grande (Previvag), necessário para tirar o nome da administração do Cadin. O valor total da dívida da cidade é de pouco mais de R$ 400 milhões. Walace renegociou também em 240 vezes,  R$ 140 milhões com o INSS e quase R$ 5 milhões de Pis/Pasep. Desde então, tenta colocar ordem na casa e garante que, agora, a administração tem gerência.

  Percival herdou de Ananias Filho (PR) débitos de R$ 42 milhões da Companhia de Desenvolvimento de Rondonópolis, a Coder e R$ 6 milhões do Instituto Municipal de Previdência Social dos Servidores de Rondonópolis (IMPRO) e o ServSaúde. Já Mauro iniciou a gestão com R$ 107 milhões para pagar.

  Dos três, Percival é o mais experiente, já tendo atuado como deputado e prefeito. Já Mauro está no primeiro mandato, tendo estreado na vida política com a missão espinhosa de colocar a Capital – sede da Copa de 2014 – nos trilhos. Os três têm perfis bem distintos, mas, em comum, Walace e Percival têm o fato de terem legislado juntos na Assembleia.

  Além disso, os dois aproveitaram o primeiro ano de gestão para tomar medidas impopulares, como o aumento IPTU. Assim, terão mais dinheiro em caixa para cumprir as promessas de campanha nos próximos três  anos de mandato. Mauro, por sua vez, bem que ensaiou elevar o imposto, mas decidiu postergar a majoração.

  Em comum,  os três gestores ainda  têm a briga incessante para reduzir a inadimplência. Com perfil empresarial, Mauro foi o primeiro a radicalizar com os devedores. Ele atuou em duas frentes opostas. De um lado,  realizou semanas da conciliação, facilitando o pagamento das dívidas por meio do corte de juros e multas, mas, por outro, em 16 de março,   anunciou que iria acionar os 500 maiores devedores na Justiça. Conforme último levantamento da Procuradoria, foram protocoladas 6.040 ações de execução, que correspondem a R$ 112,1 milhões  a serem recebidos. Neste ano, a Prefeitura de Cuiabá fez ainda a maior penhora da história, ao cobrar dívida de quase R$ 10 milhões do Banco do Brasil devido dívida de ISS.

  Em 7 de dezembro, Walace Guimarães anunciou medida similar. O peemdebista promete acionar cerca de 10 mil moradores que estão com IPTU atrasado. Embora a inadimplência seja alta, Walace conseguiu elevar as receitas – proveniente de tributos - da segunda maior cidade do Estado que pulou de R$ 49 milhões em 2012 para R$ 63 milhões neste ano, um aumento de 28,5%. Percival Muniz, por sua vez, garante que também vai utilizar a Justiça para cobrar débitos, mas em 2013, a inadimplência cresceu 6%.

Postar um novo comentário

RUMO À APOSENTADORIA

Ex-deputado vai "arrastado" pra sala

Por 05/06/2020, 20h:02 - Atualizado: 06h atrás

ellene lima 680

Aos 65 anos e já cansadão, Eliene Lima, que voltou à sala de aula após quase 30 anos de vida pública, estava indo arrastado para o IFMT, onde é lotado como professor de matemática, até antes da pandemia. 

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Juca | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 21h42
    5
    0

    Esse tem histórico de m...

  • Mário Figueiredo | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 21h31
    5
    0

    He Mato Grosso....mais um que se deu bem!!!!

  • José Eduardo | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 20h16
    5
    1

    Outro mestre da demagogia.

MORTE PREMATURA

1º exame em Adriano dá negativo para Covid-19

Por 05/06/2020, 12h:42 - Atualizado: 05/06/2020, 12h:45

adriano silva 680

O exame feito em Cáceres em Adriano Silva, que faleceu na última quarta (4), deu negativo para Covid-19.

Postar um novo comentário

PRECAUÇÃO

Governador deixa residência para fazer exame e nega viagem para SP

Por 05/06/2020, 11h:52 - Atualizado: 05/06/2020, 12h:26

mauro mendes 680

O governador Mauro Mendes, por meio da Secretaria de Comunicação, assegura que continua em casa e desmente a informação de que teria viajado a São Paulo, nesta madrugada, para continuar tratamento contra coronavírus no hospital Sírio-Libanês.

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • Mauro | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 21h39
    3
    1

    Num momento de dificuldades pelo qual todos nós estamos passando na minha opinião faz-se necessário todo órgão de impressa ter cuidado e checar primeiro a informação antes de divulgá-la, sob pena de produzir e publicar algo inverídico o que de nada contribui no momento atual

  • Eve | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 17h16
    22
    3

    Vocês publicaram que ele tinha viajado para Sao Paulo se tratar no Sírio. Qual é a noticia verdadeira ? Ou voces espalham FAKES NEWS?

  • fabinn | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 14h39
    30
    2

    Isso ai governador, não lhe desejo mal, porém, peço que mostre a qualidade dos hospitais públicos em Cuiabá. Por favor, não pensem errado sobre minha opinião, mas será que o governador iria para o Metropolitano? Santa Casa? Mostre que confia no serviço desses hospitais sr governador. Por favor, eu peço perdão pela fala, não desejo mal de ninguém, não estou usando a doença do governador, só uma curiosidade minha. Desejo melhoras ao nosso chefe de estado.

PROCESSO ELEITORAL

Mesmo sob pandemia, reitor da UFMT já convoca Colégio Eleitoral

Por 04/06/2020, 20h:43 - Atualizado: 04/06/2020, 20h:48

evandro ufmt 680

Mesmo com as atividades da UFMT suspensas por causa da pandemia, o reitor Evandro Soares da Silva, que já se movimenta pela recondução ao cargo, convocou reunião do Colégio Eleitoral Especial.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Antonio Carlos jaudy | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h47
    5
    1

    Quero saber quem disse que ele é candidato único? Quero saber se consulta a instituição se faz através de uma Live? Se esse pleito não tiver transparência, justiça e legalidade será motivo de demanda jurídica e responsabilização dos que não cumprirem os ditames legais. A professora Danieli Backes é também candidata e está muito bem cotada quero ver se o nome dela não irá constar da lista tríplice.

  • DANIELI BACKES | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h34
    3
    3

    Antônio, quem é você que fala em nome da UFMT? De onde parte sua informação de que os pre-candidatos retiraram sua candidatura? E esse consenso, foi construído como? Quando a comunidade interna da UFMT foi consultada a respeito?

  • DANIELI BACKES | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h30
    3
    1

    Antônio, esse consenso foi construído como? Quando a comunidade interna da UFMT foi consultada a respeito?

ANTES E DEPOIS

Prefeito de Cáceres agora elogia Adriano; pura falsidade assista

Por 04/06/2020, 15h:46 - Atualizado: 04/06/2020, 16h:43

francis maris 680

O prefeito de Cáceres Francis Maris, que desde a campanha de 2016 vinha fazendo ataques e denúncias contra Adriano Silva, gravou um vídeo, classificando o ex-adversário político de "líder", de "filho ilustre de Cáceres", para quem prestou grande serviço, seja junto à comunidade acadêmica, como professor e reitor da Unemat, seja pelos trabalhos prestados na região.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Claudomiro | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 19h00
    11
    2

    Politicamente nunca fui fã dos dois como politico, mas inoportuno e falso e esse comentário do rdnews.

  • O cara | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 17h04
    17
    1

    Adversário político não é inimigo pessoal. Cada comentário.

DESENVOLVIMENTO

Um pool de novas indústrias em Primavera; 7 anunciam fábricas

Por 04/06/2020, 12h:09 - Atualizado: 04/06/2020, 20h:57

primavera do leste vista a�rea 680

No ranking de quinta economia do Estado e com quase 100 mil habitantes, Primavera do Leste está recebendo sete novas indústrias, mesmo em meio à pandemia da Covid-19, agravada com crises sanitária e econômica em praticamente todo o mundo.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Reginaldo | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 22h03
    3
    0

    A posição geográfica, sócio econômica e malha viária já conta muito como grandes atrativo, mas isso não tira o mérito da administração local. Parabéns.

  • Francisco Assis roo | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 13h17
    15
    1

    é isso mesmo Léo busca emprego e renda para essa cidade bonita e pugante que vc está tendo a oportunidade de administrar não fica nessa só de fazer praça e coisa e tal igual um prefeito que eu conheço na nossa região

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2553