Blog do Romilson Cuiabá, 29 de Maio DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

RETROSPECTIVA

Renovação, afastamento de Riva e CPIs movimentam AL em 2013

 Fotos: Rodinei Crescêncio -- Após Riva ser afastado pela Justiça, Romoaldo assume comando da Assembleia A composição da Assembleia mudou neste ano graças ao efeito provocado pelas eleições municipais de 2012. Três suplentes se tornaram titulares: Emanuel Pinheiro (PR), Alexandre César (PT) e Pedro Satélite (PSD). Eles passaram a legislar no lugar de Walace Guimarães e Nilson Santos, ambos do PMDB, eleitos prefeitos de Várzea Grande e Colíder, respectivamente, além de Percival Muniz (PPS),que comanda Rondonópolis. Além da dança das cadeiras, o Parlamento teve de enfrentar uma reviravolta provocada por decisão judicial que afastou da presidência José Riva (PSD).

  Empossado em fevereiro para comandar o Legislativo pela 6ª vez, ele ficou apenas 3 meses no posto e, em 7 de maio, a Terceira Câmara Cível o afastou ao julgar ação por improbidade administrativa, tendo determinado a devolução de R$ 2,6 milhões. Riva tentou voltar, mas os recursos foram negados. Desde então, o 1º vice-presidente e então líder do Governo, Romoaldo Júnior (PMDB), assumiu a presidência.

  Embora Romoaldo seja o presidente de direito, entretanto, Riva ainda tem forte influência no Legislativo e ajuda a organizar e decidir como a ordem do dia transcorrerá. Em julho de 2007, Romoaldo também protagonizou outro fato marcante no Parlamento: deixou a liderança após entrar em atrito com o chefe da Casa Civil Pedro Nadaf. À época,  alegou não conseguir trabalhar com secretário que, conforme o peemedebista,  mente e não dá respaldo para as demandas da Assembleia.

  A exemplo de Riva, Romoaldo não é mais o líder de direito, mas auxilia o interlocutor do governo no Parlamento, deputado Jota Barreto (PR) no diálogo com os parlamentares. Ambos penaram neste ano para conseguir obter quórum para apreciar projetos. Numa medida radical, Romoaldo teve que cortar os salários dos deputados, em 11 de dezembro, para conseguir obrigá-los a participar das sessões.

  Além do troca-troca no comando e liderança, 2013 também foi o ano das CPIs. O relatório da Comissão das PCHs, empacado desde 2011, enfim foi apreciado em 28 de novembro. No mês mesmo dia os parlamentares também votaram o parecer da CPI do MT Saúde, que foi instaurada em 2012 e concluiu os trabalhos em junho deste ano. Enquanto a primeira investigou irregularidades da construção de hidrelétricas, a segunda apurou a situação financeira, contábil e administrativa do plano destinado aos servidores públicos do Estado. Já a CPI das Telefonias, criada em março para apurar os problemas na prestação dos serviços das operadoras em Mato Grosso, não conseguiu ser concluída ainda.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Dornele$ | Quarta-Feira, 01 de Janeiro de 2014, 09h43
    0
    0

    Caro Cretino, assim aplica a você. Mais um demagogo de plantão, que se diz representante do povo. Pelas defesas apaixonadas deste ficha suja, tiro uma conclusão. O povo brasileiro é por demais hipócrita. Depois queremos reclamar de toda essa nossa situação. Infelizmente alguns poucos, pagam pela maioria, que se vendem no dia da eleição!

  • Dornele$ | Terça-Feira, 31 de Dezembro de 2013, 21h25
    0
    0

    Caro Cristino, deixa de ser cretino. Você é milha mulher? Paga as minhas contas? Deixa de ser hipócrita. Não defenda o que não tem defesa!

  • Adriano | Terça-Feira, 31 de Dezembro de 2013, 12h36
    0
    0

    Alguém pode me explicar porque o cara rouba, e depois mandam ele devolver o dinheiro e não é preso? Se fosse assim os ladrões de banco devolveriam o fruto do roubo e não precisariam ir para a cadeia. Qual a diferença de roubar uma instituição publica e uma privada?

PÓS-CASSAÇÃO

Ex-senadora agora monta escritório advocatício com 2 ex-assessores

Por 28/05/2020, 21h:55 - Atualizado: 08h atrás

selma arruda 680

Juíza aposentadora e senadora com mandato prematuramente cassado neste ano por crimes eleitorais, Selma Arruda ainda não conseguiu licença da Ordem para atuar como advogada.

Postar um novo comentário

EM RONDONÓPOLIS

Governo Bolsonaro ama índio, diz ministra em MT veja

Por 28/05/2020, 18h:44 - Atualizado: 28/05/2020, 18h:50

damares discurso 680

A ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos), com um cocar sobre a cabeça, arrancou aplausos em Rondonópolis nesta quinta ao dizer que estava ali realizando a maior obra do Governo Bolsonaro, que é cuidar de vidas.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Leonildo | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 21h09
    3
    2

    Que mentira!!!! E a boiada acredita....

  • Alberto | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 20h47
    3
    1

    Bolsonaro ama índio? Kkkkkk. Quem foi que disse que a cavalaria americana, ao contrário da nossa, foi competente ao exterminar os índios americanos.

EM RONDONÓPOLIS

Senador é ignorado e deixa ato constrangido

Por 28/05/2020, 13h:01 - Atualizado: 28/05/2020, 13h:09

damares favaro 680

O senador Carlos Fávaro (PSD) passou o maior constrangimento hoje, em Rondonópolis, durante ato de entrega de alimentos e máscaras faciais a povos indígenas com a presença da ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos)

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Cristiano | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 16h08
    7
    21

    Medeiros é o candidato do Bolsonaro ao senado!

  • Lourinil | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 15h56
    14
    32

    Ele estava no lugar errado. Nem senador é só está na cadeira pq fez manobras , o jeitinho para estar lá. O lugar é legalmente da juíza que foi tirada , na proxima eleição Coronel Fernanda a candidata do Presidente

  • Benedita | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 15h33
    12
    37

    Queria uma beira; si fu, o Medeiros veio foi junto com a comitiva; parabéns deputado José Medeiros, nosso futuro senador!

BATALHA JURÍDICA

Pedido de Albano para voltar ao TCE será julgado pelo Supremo na terça

Por 28/05/2020, 12h:28 - Atualizado: 28/05/2020, 12h:31

gilmar mendes 680

A Segunda Turma do Supremo julga na sessão da próxima terça (2 de junho), um agravo regimental do conselheiro Valter Albano, pleiteando retorno ao cargo. O pedido de HC chegou a entrar na pauta ontem, mas a presidente, ministra Cármen Lúcia, não o colocou em julgamento porque a sessão já havia extrapolado o prazo.

Postar um novo comentário

EM RONDONÓPOLIS

2 pré ao Senado disputam espaço em ato com ministra

Por 28/05/2020, 10h:30 - Atualizado: 28/05/2020, 10h:35

fernanda victorio galli 680

Rúbia Fernanda (de blusa rosa) e seu suplente da chapa ao Senado, Victorio Galli, aguardando chegada da ministra

Dois pré-candidatos à suplementar ao Senado, tenente-coronel Rúbia Fernanda (Patriota), e o deputado José Medeiros (Pode), participam do ato nesta manhã, na sede da Conab, em Rondonópolis, com a presença da ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos).

Postar um novo comentário

PREOCUPAÇÃO

Por questão de segurança, Michelle Bolsonaro cancela agenda em MT

Por 28/05/2020, 07h:07 - Atualizado: 28/05/2020, 07h:20

michelle bolsonaro 680

Por recomendação do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), a primeira-dama Michelle Bolsonaro cancelou sua participação no evento de entrega de cestas básicas para comunidades indígenas hoje, em Rondonópolis.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Elias | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 14h31
    6
    1

    Jedae, raça infame é a tua. Vira este disco. Todo mundo vê o que essa corja está fazendo para dedtruir o Brasil. Somente você e sua corja de mau caráter ainda defende estes milicianos. Pior, não tem a capacidade tem postar um comentário sem agredir petistas, disseminando ódio, espalhando peçonha. Gente gomo você são o câncer da sociedade e precisa ser extirpado com urgência.

  • Jedae | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 10h20
    5
    12

    Ver petistas, comunas e toda raça infame chorar, não tem preço. Bolsonaro, só precisa fazer duas coisas. Primeiro: Não deixar haver roubos em todos os níveis. Segundo: Nunca mais deixar o poder cair nas mãos dessa quadrilha, que se intitula progressistas. De quebra, limpar esse STF, repleto de corruptos e vendidos. Nem sei quem é pior. Se é o ex-carregador de malas do mula ou o ex do Temer, enterno vice da anta!!!!!!!!!

  • MOSSUETO | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 09h46
    9
    4

    Ridícula essa justificativa, o nosso País nunca teve esse tipo de ameaças, mas a falta de postura e respeito com os eleitores é que está gerando esse tipo de reação.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2548