Blog do Romilson Cuiabá, 28 de Fevereiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Retrospectiva 2015

3 CPIs movimentaram a Assembleia em 2015; deputados vão investigar MPE - veja

Por 31/12/2015, 08h:05 - Atualizado: 02/01/2016, 08h:12

selo retrospectiva 2015

Quatro CPIs movimentaram a Assembleia em 2015.  Desde o início do ano, os deputados estaduais investigaram as Obras da Copa, a Renúncia e Sonegação Fiscal e as OSS. Em novembro, foi criada a CPI do MPE que começará a funcionar somente em fevereiro de 2016.

Em 04 de março, a Assembleia instalou a CPI das Obras da Copa para apurar irregularidades na execução da matriz de responsabilidade assumida pelo governo do Estado junto a Fifa e no VLT. A presidência ficou com Oscar Bezerra (PSB) e Mauro Savi (PR) assumiu a relatoria.

Mário Okamura

QUADRO CPIS AL

Na lista de depoentes constam figuras como o ex-governador Silval Barbosa (PMDB) e o ex-secretário de Estado Eder Moraes, presos por envolvimento em esquemas de corrupção. O relatório dos trabalhos deve ser concluído em março. A CPI da Renúncia e Sonegação Fiscal também foi instalada em 04 março para investigar supostas irregularidades na política estadual de incentivos fiscais, bem como a possível prática de sonegação fiscal em Mato Grosso.  Presidida por Zé do Pátio (Solidariedade), a  Comissão tem como relator o deputado Max Russi (PSB).

A CPI ainda terá três sub-relatorias, sendo elas a sub-relatoria das Cooperativas, do Incentivo Fiscal e do Regime Especial, tendo à frente os deputados Wancley Carvalho (PV), Gilmar Fabris (PSD) e Wilson Santos (PSDB), respectivamente. O relatório final também dever ser apresentado em março, conforme a presidência.

Já a CPI das OSS foi instalada em 26 de abril e tem por objetivo investigar  contratos entre o Governo e as Organizações Sociais de Saúde, assim como os repasses aos municípios. A Comissão é  presidida pelo deputado estadual Leonardo Albuquerque (PDT) e tem como relator Emanuel Pinheiro (PR).

Henry presta depoimento, ironiza apelido de "pai das OSS" e lembra que deputados estaduais têm parcela de culpa na implantação do modelo

Além de servidores da Secretária Estadual de Saúde, a CPI das OSS ouviu o depoimento do ex-titular da pasta e ex-deputado federal Pedro Henry, que foi condenado no escândalo do Mensalão.  Ainda foram realizadas visitas técnicas em diversas unidade hospitalares do Estado. O relatório deve ser concluído em maio.

CPI do MPE

Em 17 de novembro, a Assembleia instalou CPI para investigar supostos ilícitos na emissão e pagamento de cartas de crédito trabalhistas aos membros do Ministério Público Estadual (MPE). A presidência está sob responsabilidade de Max Russi (PSB) enquanto Leonardo Albuquerque (PDT) assumiu a relatoria. Os trabalhos iniciam somente em 2016.

A CPI enfrenta resistência dos integrantes do MPE. O procurador-geral de Justiça Paulo Prado chegou a declarar que não aceita ser investigado por deputados ficha-suja processados pela instituição.

Max assume presidência da CPI do MPE; Leonardo é confirmado como relator; Gilmar Fabris substitui Zé do Pátio na composição

Postar um novo comentário

EFEITO-SENADO

Leitão terá Doria de cabo eleitoral e tenta arrumar emprego pra Taques

Por 27/02/2020, 22h:22 - Atualizado: 04h atrás

joao doria 680

Nilson Leitão acionou alguns líderes nacionais do PSDB para reforçar sua pré-candidatura ao Senado e barrar a intenção de Pedro Taques de cruzar seu caminho.

Postar um novo comentário

TEMOR GERAL

Em Alto Taquari, um monitorado e milhares preocupados

Por 27/02/2020, 20h:49 - Atualizado: 06h atrás

alto taquari 680

Cravada na divisa de MT com Goiás, a pequena Alto Taquari vê parte de seus cerca de 12 mil moradores mudarem a rotina por causa do monitoramento de um de seus filhos, que pode estar com coronavírus.

Postar um novo comentário

SOB INVESTIGAÇÃO

Enquanto PSDB esperava Taques em ato, ele estava depondo no MPE

Por 27/02/2020, 18h:50 - Atualizado: 07h atrás

pedro taques 680

Pedro Taques tem muitas coisas para se preocupar do que a pré-candidatura ao Senado e seu futuro com ou sem o PSDB.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Davi | Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2020, 22h01
    4
    1

    O Pedro Taques de hoje é o Mauro Mendes daqui 2 anos - persona nom grata.

  • joao | Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2020, 19h13
    3
    4

    Parabéns PSDB pela decisão.

PETISMO RACHADO

Lúdio busca assinaturas para bater chapa com Barranco ao Senado

Por 27/02/2020, 18h:32 - Atualizado: 08h atrás

ludio cabral 680

Lúdio Cabral espalhou nos últimos dias que não tinha pretensão de concorrer ao Senado, mas destacou assessores e vários correligionários para o trabalho de coleta de assinaturas, com vistas a se inscrever amanhã.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Kleber Amorim | Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2020, 22h03
    4
    1

    Caro Romilson, não sei quem é tua fonte, mas infelizmente mais uma vez ela está equivocada. Lúdio em nenhum momento se colocou à frente para essa disputa. Ao contrário disso, várias tendências/coletivos do interior do Partido, assim como vários setores da sociedade, sindicatos, categorias, é, até mesmo outros líderes e partidos de centro e de esquerda entendem que o nome que reúne as melhores condições, neste momento, para enfrentar essa disputa com a direita conservadora, é o nome do companheiro Ludio. Portanto, não é o deputado que designou ninguém, nós nos achamos no direito, enquanto cidadãos e filiados, de propor o melhor nome para esse embate de características de disputa nacional. "O melhor candidato deve ser escolhido pela sua base, e não o contrário". A partir daí cabe à cúpula do Partido decidir o que realmente quer pra si, para seu futuro e da classe trabalhadora do estado. Grande abraço!

Após falta de luz, ausência de Taques vira piada: "cortou os fios"

Por 27/02/2020, 16h:00 - Atualizado: 07h atrás

Andhressa Barboza

cupula_psdb_680

A ausência do ex-governador Pedro Taques no evento, que marcou o lançamento de Nilson Leitão como pré-candidato ao Senado, gerou até piada interna.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • José Roberto | Quinta-Feira, 27 de Fevereiro de 2020, 18h01
    1
    6

    TA AI UM REPRESENTATIVIDADE QUE O NORTÃO PRECISA

Efeito-Senado

Com Fávaro, outros desembarques do PSD do Governo Mauro

Por 27/02/2020, 14h:35 - Atualizado: 27/02/2020, 16h:45

Alair Ribeiro

carlos favaro 680

Além de Carlos Fávaro, os principais indicados do PSD devem deixar o Governo Mauro Mendes.

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2499