Blog do Romilson Cuiabá, 25 de Fevereiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

PALÁCIO PAIAGUÁS

Transferência de votos de Maggi e Lula para Silval preocupa oposição

   Dois dados da pesquisa Ibope, que foi apresentada nesta sexta por Wilson Santos e Jayme Campos, trouxaram preocupação ao grupo oposicionista que se uniu na corrida ao governo do Estado. Um deles aponta que 77% dos eleitores mato-grossenses disseram que votariam num candidato apoiado pelo governador Blairo Maggi. Nesse caso, o peemedebista Silval Barbosa ficaria com esse bônus. Além do mais, ainda tem a vantagem de concorrer à sucessão estadual com a máquina pública a seu favor. Silval toma posse no lugar de Maggi no próximo dia 31 e vai conduzir um orçamento de quase R$ 8 bilhões distribuídos em 22 secretárias, vários órgãos, empresas e autarquias que empregam quase 80 mil servidores.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • ze das couves | Sábado, 13 de Março de 2010, 17h40
    0
    0

    me parece , eu não lembro bem,nas duas eleiçoes do prefeito wilson ,o lula e o maggi parece que apoiaram o alexandre e o mauro ou não foi...

  • milton | Sábado, 13 de Março de 2010, 15h56
    0
    0

    Pelo que conheço as ações dos Democratas, desde quando eram pefelistas, eles tem sido um fiel amantes do poder. Portanto, se as pesquisas indicam que Maggi e Lula tranferem votos ao Silval, podem ter certeza que o grupo de Jaime vai se unir com Silval nestas eleições. Eles preferem "mamar nas tetas do Estado" do que ficar chupando dedo. Nesta situação, WS já foi pro belelé. É melhor ele não renunciar e ficar mesmo na prefeitura de Cuiabá e deixar a Copa de 2014 para outros...

  • Antonio Silva | Sábado, 13 de Março de 2010, 10h44
    0
    0

    Primeiro eu gostaria de parabenizar o nobre amigo internauta José Olimpio de Guiratinga, foi muito lúcido inteligente e com conhecimento de causa, já não posso dizer o mesmo para o Edilson de Roo que quer transferir a incopetencia do seu prefeito para o Governador Blairo, meu amigo a cidade quem cuida é o prefeito, agora se ele não tem competencia para buscar recusos em suas bases, é porque é muito ruim e não tem credibilidade, vamos ser realista mew ,,tenha dó...vai puxar o saco desses mentirososs la na china...é por pensamentos e atitudes como a sua que Cuiabá e Rondonoipolis vivem um caosssss.

Defensoria Pública

Corregedor apura denúncia; Djalma diz desconhecer o caso

Djalma Sabo Mendes e André Luiz Prieto   O corregedor-geral da Defensoria Pública de Mato Grosso, André Luiz Prieto, estipulou um prazo que termina em 2 de abril para que a servidora M. C. S. G. M. M., lotada na Defensoria Pública de Rondonópolis com cargo de assessora de imprensa e que supostamente reside em Cuiabá, dê explicações acerca da veracidade do fato de não comparecer ao seu local de trabalho, conforme denunciado à Corregedoria. Prieto instaurou uma sindicância, publicada no Diário Oficial de 2 de março, para apurar as supostas irregularidades.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Camila | Domingo, 14 de Março de 2010, 16h54
    0
    0

    MUITA ÁGUA AINDA DEVE ROLAR EMBAIXO DA PONTE NA DEFENSORIA PÚBLICA DO ESTADO. ENGRAÇADO É VER ANDRÉ PIETRO BUSCANDO IRREGULARIDADE, O POVO NÃO TEM MEMÓRIA TÃO CURTA QUANTO O SENHOR PENSA. ALIÁS NÃO FOI O TAL MORALISTA MANCHETE DE ALGUNS JORNAIS EM UM PASSADO NÃO TÃO DISTANTE POR TER COMETIDO CRIME AMBIENTAL????

  • Sonia Silva | Sábado, 13 de Março de 2010, 14h06
    0
    0

    O Dr André Prieto está apenas cumprindo o papel de Corregedor, função de corrigir eventuais irregularidades na área adminsitrativa, bem como na conduta dos Defensores. Sabemos da conduta ilibada do Dr Djalma, este que assumiu uma Defensoria sucateada com o "Trem da Alegria a todo vapor". Preza pela moralidade, transparência e respeita o herário público.

  • Jose | Sexta-Feira, 12 de Março de 2010, 17h21
    0
    0

    Com a entrada do Dr. Djalma a defensoria está entrando nos eixos. Pq até recentemente era o samba do criolo doido

TRIBUNAL DE JUSTIÇA

Lessa confirma indícios de propina em suposto esquema

   O ex-presidente do Tribunal de Justiça Paulo Lessa revelou que a auditoria encomendada por ele apontou a existência de indícios de direcionamento de processos dentro da instituição. O suposto esquema ocorreria por meio do Departamento Judiciário Auxiliar e da Informática, com ajuda de servidores do TJ. “Na época acreditávamos que com a informatização isso seria impossível, mas na auditoria que encomendei detectamos sérios indícios”, relatou o desembargador que anunciou sua aposentadoria. Neste caso, uma sucessão de "coincidências" ocorreriam para que os processos fossem encaminhados a determinados magistrados. 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Ademyr César | Sexta-Feira, 12 de Março de 2010, 22h27
    0
    0

    Dr. Paulo Lessa, Dep. Roberto Jeferson e Juiz Leopoldino do Amaral. Ah!!! se houvessem mais pessoas desse jeito, com coragem de botar a boca no trombone e denunciar todas as falcatruas de pessoas hipócritas que se dizem probos, com certeza a corrupção diminuiriam bastante. Mas, cuidado Paulo Lessa, reforce a sua segurança, você viu o que aconteceu com o Leopoldino Amaral. Interesses de pessoas de poder estão sendo contrariados. Não se deixe intimidar, tem que denunciar mesmo. Acho que todos tiveram conhecimento das denúncias escritas e assinadas pelo finado Leopoldino Amaral, e todos sabem também porque ele foi assassinado, e ainda todos deduzem quem foram os supostos mandantes, porém tudo foi abafado e acabou em pizza. Que Deus o proteja e te dê vida longa para denunciar o que acontece nos bastidores do judiciário.

  • amorim | Sexta-Feira, 12 de Março de 2010, 14h33
    0
    0

    Acho que tem muita coisinhas também no TRE!!! uma perguntinha aos senhores magistrodos, "a quem interesa esse lenga lenga de nova eleição em leverger?" o povo de minha terra não merece o que esta acontecendo, é brincadeira esse tribunal.

SAÚDE

Membros da CPI visitam hospitais no interior e preparam relatório

   Membros da CPI da Saúde, presidida pelo deputado Sérgio Ricardo (PR), vão visitar o Hospital Regional de Cárceres nesta sexta (12). Acompanhados de uma equipe técnica eles querem identificar os principais problemas do local, a exemplo do que já foi feito em outras unidades de saúde como os Pronto-Socorros de Cuiabá e Várzea Grande, além dos hospitais Geral e Júlio Müller. Eles programam também inspeções nos hospitais regionais de Rondonópolis no dia 19, em Colíder, no dia 26, e em Sorriso no dia 09 de abril.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Rosineire | Sexta-Feira, 12 de Março de 2010, 11h44
    0
    0

    Eu concordo com um dos comentários de que o Éder faria uma grande diferença da SECRETARIA DE JUSTIÇA E SEGURANÇA PÚBLICA, com o seu jeito de fazer gestão (forte, decisivo e com uma linha mais dura na cobrança do que é de direito), pois é o perfil dele. Faça isso Silval, e vc vai sentir a diferença.

PALÁCIO PAIAGUÁS

PP recua e coronel Maia assume Meio Ambiente; Vitto é mantido

 Fernando Ordakowski

Apesar do esgaste, Geraldo de Vitto continua no staff e Maia sai da Casa Militar para conduzir a área ambiental

Postar um novo comentário

Comentários (51)

  • Setor florestal | Terça-Feira, 16 de Março de 2010, 23h08
    0
    0

    Essa escolha é da voto para o adversário.. Wilson Santos vem ai..

  • Leila | Terça-Feira, 16 de Março de 2010, 23h06
    0
    0

    Todos Sabemos que o Maia é escolha do Blairo.. Se o Silval acatar.. pode acreditar, não vai ser o nosso governador, pode pagar pra ver...

  • Alexandre | Segunda-Feira, 15 de Março de 2010, 20h59
    0
    0

    Cade o PP?? O Deputado Riva foi sempre um critico ferenho do setor ambiental. Agora q tem a chance de fazerem a diferença, se acovardam e desistem da indicação para Secretaria de Meio Ambiente por considerarem uma área "problematica". O que podemos esperar de um politico (Dep. Riva)que foge da raia pq uma área tem problemas, não seria de mais hombridade assumir os riscos?? Criticar é facil, Fazer é que a diferença.

INFRAESTRUTURA

Em Sapezal, Maggi recebe Dilma e Dnit para "grupo de trabalho"

Luiz Pagot, diretor-geral do Dnit   Num intervalo de cinco dias, entre sábado e terça (13 a 17), o governador Blairo Maggi vai visitar seis municípios para lançar e inaugurar obras e participar de reuniões políticas. Uma das mais importantes está prevista para domingo pela manhã, em Sapezal, quando Maggi vai receber diretores do Departamento Nacional de Infraestrutura (Dnit), inclusive com possibilidade de estar presente a ministra-chefe da Casa Civil Dilma Rousseff, pré-candidata do PT à sucessão presidencial. Maggi está a 19 dias de renunciar ao mandato para concorrer ao Senado.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Heródoto | Sexta-Feira, 12 de Março de 2010, 12h52
    0
    0

    A Ferronorte que tem projeto desde principios da década de 1960, passando por presidentes arrojados que construiram Paulo Afonso, Rio-Niterói, Itaipu, Tucurui, Terminal do Tietê, Rodoviária de Cuiabá, milhões de casas pelo BNH, ponte Rodoferroviária SP/MS só chegou até Alto Araguaia, imaginem se o governo do PT vai construir ferrovia, se nunca construiu nenhuma obra, nem mesmo de pequeno porte. Só falácia de fome zero e aviltamento ao contribuinte (pagador de impostos) cada vez mais.

  • Mario | Sexta-Feira, 12 de Março de 2010, 12h13
    0
    0

    O Blairo deveria assumir o comando do PAC, pois para substituir a competente DILMA só uma pessoa do porte do nosso governador teria condição de dar sequencia em tão audacioso plano de crescimento.

  • silvio maia almeida | Sexta-Feira, 12 de Março de 2010, 12h03
    0
    0

    silvio maia almeida, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário