Blog do Romilson Cuiabá, 19 de Novembro DE 2019 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Palácio Alencastro

Sílvio deve substituir Celcita; PP quer a vaga


Sílvio Fidélis e o seu chefe Chico Galindo posam para fotografia na entrega de Título de Cidadão Mato-Grossense
Foto: Ronaldo Mazza

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • maria padilha | Sexta-Feira, 10 de Setembro de 2010, 10h28
    0
    0

    Deveria ter assumido há muito tempo. Assim teriamos mais avanços na politica de assistencia social do municipio

  • Alex VieRa | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 22h12
    0
    0

    Otima escolha , silvio é competente, ajudará e mt a populaçao cuiabana. Otima indicacao.

Várzea Grande

Secretária reage a Sérgio e nega caos no PS

Deputado Sérgio Ricardo, presidente da CPI da Saúde    A secretária de Saúde de Várzea Grande Jaqueline Guimarães reagiu às acusações do presidente da CPI da Saúde, deputado Sérgio Ricardo (PR), e afirma desconhecer o caos vivido pelo Pronto-Socorro Municipal do maior município de Mato Grosso. Segundo ela, da primeira vez que Sérgio visitou a unidade na condição de presidente da Comissão não fez qualquer reclamação ou descrição de problemas, entre eles de falta de estrutura e de equipamentos.

Postar um novo comentário

Divergências

Henry vê manobra de Riva e Eliene, suspende eleição no PP e rejeita apoiar Wilson e Jayme

    Os deputados José Riva e Pedro Henry, principais caciques políticos do PP no Estado, continuam em rota de colisão nos debates internos. Apesar de não admitirem publicamente o clima de racha, ambos não chegam a um acordo sobre quem o partido deva apoiar para governador e senador. Presidente da Assembleia, Riva se mostra simpático a uma coligação com o DEM do senador Jayme Campos, de quem é amigo há vários anos. Jayme, por sua vez, se não consolidar sua candidatura ao Palácio Paiaguás, sinaliza para apoio ao prefeito tucano Wilson Santos. Já Henry deixa claro que não apóia nem Jayme e muito menos Wilson. O deputado federal está costurando junto à direção nacional para o PP fechar aliança com o PMDB do vice-governador Silval Barbosa, que assume a administração estadual em 31 de março.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • André | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 19h43
    0
    0

    Realmente Jota Ribeiro, até que se prove, todos são inocentes, inclusive VOCÊ.

  • Antônio Carlos | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 16h01
    0
    0

    Fico triste em ler este tipo de noticias, estes dois parlamentares tem dezenas de processos na justiça e ainda comanda um partido politico de renome nacional. é complicado ter que conviver com este tipo de politico. um é acusado de fazer parte do mensalão outro é acusado de disviar dinheiro da assembleia. que lideranças tem o PP no estado heimmmmmmmmmmmmmm. o lugar destes dois é no pascoal ramos.

  • aroldo | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 14h37
    0
    0

    é isso ai henry, cuidado com riva esse é traíra mesmo tá sempre querendo levar vantagem

  • vilmar | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 14h22
    1
    0

    O nome já diz tudo, “partido”, ou seja, dividido, então, normal as idéias dos membros se divergirem, mas, no meu ponto de vista, neste caso específico, a orientação do Presidente da AL prevalecera.

  • Marcos | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 13h41
    0
    1

    Entre RIVA e HENRY!!! Nossa! Dramática a situação do PP em Mato Grosso! Essa dupla é de dar inveja até em Paulo Maluf, que por sinal é o fundador desta sigla tão progressista! O pior de tudo é que esses dois figurinhas carimbadas devem se reeleger em 2010! Realmente tem eleitor pra tudo!! Depois não reclamem da corrupção, da saúde, da educação, da segurança pública.... e por aí vai.. afinal cada um tem o representante que merece!

  • jota ribeiro | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 13h24
    0
    0

    caro plinio o henry é o do mensalão e o riva não é os do 100 processos de corrupção , se ta de brincadeira né rapaz

  • Edinaldo Franca | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 13h19
    0
    0

    SE RIVA SE BANDEAR PARA O LADO DE WILSON SANTOS É BOM ELE POR A BARBA DE MOLHO , PORQUE JÁ COMBALIDO PO TANTOS PROBLEMAS, TALVEZ ESTEJA CAUSANDO O MAIOR DE SUA VIDA! SEM APOIO DO GOVERNO RIVA CORRE O RISCO ATE MESMO DE NAO SR CANDIDATO NEM A DEPUTADO. ABRA O OLHO RIVA!!!

  • benedito kleber dos santos figueiredo | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 12h55
    0
    0

    Acho incrivel o incansavel DEPUTADO RIVA, armar a cama para outros se deitarem, ATE QUANDO prepararemos a ^Ata^ para outros assinarem, vamos analisar aqui quem tem a maior base ELEITORAL, de que vale as visitas constantes em todos os cantos deste Estado, Ora Pois.........

  • PLÍNIO MARQUES | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 09h13
    0
    0

    Esse Henrri não era aquele do mensalão? aquele que quase foi cassado, ele tá cheio de moral para tomar decisões, fiquem de olho neste sujeitinho.

  • MEDEROVSK | Quinta-Feira, 31 de Dezembro de 2009, 08h09
    0
    0

    QUE LIDERANÇA FANTÁSTICA...QUE TRIO HEIN?

Debate interno

Valmórbida deve deixar Secom; Osmar prepara campanhas

Osmar Carvalho, secretário de Comunicação do Estado    O novo secretário estadual de Comunicação, jornalista Osmar Carvalho, não conseguiu reunir toda a sua equipe para uma reunião geral para estabelecer metas rumo a 2010, ano eleitoral que deve trazer muita dor de cabeça para a área de comunicação do Palácio Paiaguás. Osmar entra no primeiro escalão já preparado para assessorar mais o hoje vice Silval Barbosa, que assume o governo no lugar de Blairo Maggi a partir de 31 de março. Enquanto Silval, no cargo de chefe do Executivo, buscará a reeleição, Maggi vai tentar o Senado. Osmar diz que pretende reunir os assessores dentro dos próximos 15 dias.

Postar um novo comentário

Várzea Grande

Presidente da CPI detecta caos no PS

Presidente da CPI denuncia caos no PS-VG e defende intervenção

    O deputado Sérgio Ricardo (PR), presidente da CPI da Saúde, fez uma visita surpresa nesta quarta (30) à tarde no Pronto-Socorro Municipal de Várzea Grande e encontrou um ambiente tenso, marcado por revolta e indignação tanto de pacientes quanto dos próprios funcionários da unidade. "Numa enfermaria tinha sete pessoas precisando de cirurgia ortopédica e nenhuma esperança para serem atendidas", diz o parlamentar. Ele conta que ficou surpreso com tanto descaso à saúde pública. Detectou falta de estrutura. Faltam maca, cadeiras e há salas sem ar-condicionado. "Isso é falta de gestão. O que vi causa revolta", diz Sérgio, ao lembrar que em todo o Estado cerca de duas mil pessoas estão na fila para serem submetidas à cirurgia ortopédica pelo SUS.

Postar um novo comentário

Descontração

Sucesso das discotecas em 1970, As Frenéticas cantam Dancin' Days

   Durante a década de 1970, um grupo musical feminino, formado por 6 vocalistas, ocupou as discotecas de todo o país. As integrantes, que começaram como garçonetes da discoteca "Frenetic Dancing Days", do produtor Nelson Motta, se tornaram a febre das noites cariocas. Sandra Pêra, Leilóca, Lidoka, Regina, Edir e Dulcilene seduziam o público com o bom humor e a letra de suas músicas.

Postar um novo comentário