Blog do Romilson Cuiabá, 13 de Julho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

UFMT

Em protesto, estudantes em greve ocupam reitoria da UFMT

Foto: estudantes de Comunicação Social   A greve dos estudantes da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) completou uma semana, nesta segunda (19), com a ocupação do prédio da reitoria. A manifestação durou ao menos cinco horas. Os ânimos dos estudantes só acalmaram quando eles receberam a confirmação de que a reitora Maria Lúcia Cavalli iria recebê-los durante à tarde para uma tentativa de conciliação. A reunião deveria ter ocorrido pela manhã, mas Cavalli preferiu conversar com alunos no Instituto de Ciências Humanas e Sociais (ICHS) a receber os manifestantes na reitoria, o que levou o grupo a ocupar o prédio da administração.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Aires | Segunda-Feira, 19 de Julho de 2010, 14h55
    0
    0

    Não estou totalmente por dentro do que se passa aí na UFMT, mas preciso discordar da opinião que compara o governo FHC com o governo LULA! Pelo amor de Deus, eu entrei na UFMT como acadêmico em 1988 (graduação em Geografia) em 1995 (pós-graduação em organização e produção do espaço geográfico); em 1996 entrei na UnB (Mestrado em Arquitetura e Urbanismo). Também entrei aqui na UFT (como professor efetivo) em 2004 e, agora em 2009 comecei meu Doutorado em Geografia na UFU. Portanto, estou mais ou menos por dentro da política educacional tanto do governo FHC como do governo LULA. Indicutivelmente, ser professor nas Universidades Federais que abriram no governo LULA é muito mais trabalhoso. Entramos na era do Toyotismo em que a produtividade é tudo! No entanto, o FHC não abriu uma Universidade qualquer, enquanto LULA (mesmo capengamente) abriu várias. Inclusive sou professor em uma delas. Desta forma, não há comparações entre o governo anterior e o atual de forma alguma.

  • Aldonso | Terça-Feira, 20 de Abril de 2010, 00h10
    0
    0

    Mais uma tentativa desesperada de golpismo, porque sabem que estamos na frente, em todas as pesquisas feitas, para a Reitoria. A comunidade universitária aprova a nossa administração e não serão meia-dúzia de baderneiros que não querem estudar, que vão conseguir nos intimidar. Vão ter que nos engolir.

  • Ricardo Gomes Sperandio | Terça-Feira, 20 de Abril de 2010, 00h08
    0
    0

    Ricardo Gomes Sperandio, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

RACHA

Serys manda Abicalil costurar crise e diz que não apoia gananciosos

    Um racha sem precedentes deve prejudicar a tentativa do deputado federal Carlos Abicalil de ir ao Senado e já tem  impactos na pré-candidatura à reeleição do governador Silval Barbosa (PMDB), que vê cerca de 48% dos petistas debandando para o grupo que apoia o seu adversário político Mauro Mendes (PSB), seguindo Serys que foi derrotada nas prévias neste domingo (18). “Agora temos duas candidaturas para discutir. Mendes também faz parte da aliança nacional e vou defender o seu nome internamente”, declarou. 

Postar um novo comentário

Comentários (15)

  • CLEITON ISIDORO | Terça-Feira, 20 de Abril de 2010, 10h56
    0
    0

    NÃO SOU FILIADO AO PT, MAS SE A SENADORA SERYS FOSSE A CANDIDATO TERIA O MEU VOTO, AGORA NÃO CONCORDO COM AS ATITUDE QUE ELA VEM TOMANDO, MUDANDO DE APOIO, ELA FOI MUITAS VEZES NA IMPRENSA DO NOSSO MUNICIPIO E REGIÃO DIZENDO QUE APOIARIA O CANDIDATO A GOVERNO DO PMDB. QUE COISA FEIA ELA MUDAR A SUA POSTURA. SERÁ QUE ESSE LADO O POVO DE MT NÃO HÁ CONHECIA?

  • Débora | Terça-Feira, 20 de Abril de 2010, 09h21
    0
    0

    Eu sou eleitora da Serys. Nem eu e nem minha família votará neste Carlos Abicalil que não pensou na possibilidade da reeleição do PT no senado, mas em si mesmo. Agora o partido corre risco de não ter representante no Senado.

  • Adilson Leal | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2010, 23h27
    0
    0

    Adilson Leal, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

RUMO ÀS URNAS

Senadora fica ao lado de Mendes e chama petista de "marginal"

Por 19/04/2010, 11h:16 - Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

   A senadora Serys Marly (PT), inconformada com a derrota nas prévias que definiu o nome do deputado Carlos Abicalil como pré-candidato do partido ao Senado, declarou em entrevista coletiva nesta segunda (19) que vai estar no palanque do empresário Mauro Mendes (PSB), pré-candidato ao Palácio Paiaguás. Ela cogita ainda apoiar o ex-procurador da República, Pedro Taques (PDT), que figura como um dos maiores adversários de Abicalil rumo ao Senado.

Postar um novo comentário

Comentários (39)

  • Zenildo petista triste | Quarta-Feira, 21 de Abril de 2010, 09h57
    0
    1

    O maior adversário dos petistas somos nós mesmo, o debate e a briga interna é bom deveria fazer crescer ainda mais o nosso partido.As mais variadas correntes existente no partido, faz com que cada militante encontre sua afinidade política e ideológica,coisa que não encontramos em nenhum partido existente no Brasil, É literalmente uma verdadeira academia de aprendizagem política. Vence sempre aquele que tiver mais força.Isso é a democracia. O grande problema existente entre essas duas liderança cabeças duras foi a falta de bom senso tanto da Serys quanto do Abicalil. Os tapetes coloridos palacianos transformaram as cabeças desses dois grupos cedentes por cargos públicos gordurosos. Uma coisa é certa nenhum deles conseguirá chegar sozinho a qualquer lugar. Então ai o partido deixa de crescer verdadeiramente o que é lamentável. Perderemos um deputado federal e uma senadora para nos representar em Brasília é uma pena. E o Ságuas também sairá prejudicado nessa pois esta pedindo a saída da senadora do partido, pra completar não conseguiremos eleger nenhum deputado estadual ou vereador nas futuras eleições. Seremos em MT apenas uma partido que transforma estudantes marxista em políticos cabeças duras, uma universidade, uma academiazinha medíocre e nada mais.

  • Paulo Rogério Barcelos Santiago Lima | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2010, 22h31
    0
    1

    Paulo Rogério Barcelos Santiago Lima, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • paulo sergio | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2010, 22h24
    0
    1

    paulo sergio, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

PARANATINGA

TSE determina saída de vereador cassado por compra de votos

   Um ano e meio após as eleições municipais, o TSE deu provimento ao recurso interposto pelo Ministério Público Eleitoral que pedia a reforma da decisão do TRE e o restabelecimento da decisão da 1ª instância judicial que cassou o diploma do vereador por Paranatinga, Marcello Dias Pereira. Com a decisão, o parlamentar deve ser afastado do cargo. A decisão monocrática é do ministro Félix Fischer.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Bianca | Terça-Feira, 20 de Abril de 2010, 10h52
    0
    1

    Tinhaé q cassar o Prefeito. Esse sim. Ptga não meresse esse povo!!!!

ARTICULAÇÃO

Após derrotar Serys nas prévias, Abicalil tenta evitar debandada

 Fernando Ordakowski

Postar um novo comentário

Comentários (29)

  • Fernando | Terça-Feira, 20 de Abril de 2010, 08h31
    0
    0

    Fernando, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Ademar | Terça-Feira, 20 de Abril de 2010, 07h40
    0
    0

    O Deputado Abicalil deveria ter pensado:O PT não vai conseguir eleger nem DEputado federal e muito menos senador e ainda causou um racha em seu partido.Sinceramente hein Dep. vc n tem respeito nem ao partido quanto mais com o povo,perdeu mais um voto...

  • Ademir Santo | Terça-Feira, 20 de Abril de 2010, 06h20
    0
    0

    Cai na real Abicallil, se num tem voto pra Senador, se tem voto pra deputado, e ainda leva outros consigo. Porém se insistir nessa de Senado, tua vai é enterrar o PT, e não vai eleger nem deputado estadual. Consulte a sua consciencia, senadora só a Serys, e olha que tem que fazer muito campanha.

CÂMARA FEDERAL

No desespero, Valtenir incentiva nomes a federal de outras siglas

Valtenir Pereira, deputado federal   O deputado Valtenir Pereira, presidente regional do PSB, tem demonstrado preocupação e, em algumas reuniões, até desespero por causa da falta de quadros capazes de reforçar as chapas proporcionais, principalmente para deputado federal, do Movimento Mato Grosso Muito Mais, que se afunila a quatro partidos (PSB, PDT, PPS e PV). Como o quociente eleitoral para a Câmara deve chegar a 196 mil por vaga, Valtenir sabe que sua própria reeleição corre perigo.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • aldir schneider | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2010, 11h05
    0
    0

    nom passado era bateau moche, agora é iate, avançou né?

  • antonio silva | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2010, 11h04
    0
    0

    mas mesmo com o "incentivo" do mauro mendes, o dep, nao vai?

  • Flávio | Segunda-Feira, 19 de Abril de 2010, 09h56
    0
    0

    O Valtenir tem se mostrado o político mais inabil do Estado. Era para ser Prefeito hoje, mas, depois de aceitar o convite para ser vice de WS, voltou atrás e rompeu o acordo. Depois de perder a oportunidade ser Prefeito de CUiabá, jogou fora a sua reeleição. Esse projeto que está sendo desenhado pelo Partido, com a sua aquiecencia, inviabiliza a sua reeleição. Portanto, deixou de ser Prefeito, e vai deixar de ser Deputado Federal. De quebra, vai perder o Partido pro Mauro.