Blog do Romilson Cuiabá, 19 de Fevereiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Rumo a 2010

Dóia justifica que "a criatura não pode ser maior que o criador"

   O presidente do Detran, Teodoro Lopes, o Dóia, confirma a desistência em concorrer a uma cadeira na Assembleia Legislativa, caso seu padrinho político, o deputado estadual Mauro Savi (PR), recue da pré-candidatura a deputado federal. Por orientação do governador Blairo Maggi (PR), Savi deverá disputar apenas a reeleição. “Nunca a criatura pode ser maior que o criador. O que for bom para o grupo será bom para mim”, analisa Dóia.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • ezequias | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 22h06
    2
    2

    Lincoln Taques, se todo funcionário bom fosse igual esse Etevaldo o DETRAN estava perdido, ele é um falso moralista.... e nada mais, senta encima do rabo e fala mal do rabo dos outros...

  • manoel cuiabano | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 13h36
    1
    1

    BANDO DE PUXA SACOS ESSES COMENTARIOS FEITOS AI, VA AO DETRAN VER QUE BUROCRACIA PARA CONSEGUIR ALGO DE SEU INTERESSE, MESMO PAGANDO PARECE QUE VOCE ESTA PEDINDO FAVOR.

  • Diamantinense | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 11h45
    2
    0

    A população de Diamantino se alegra com a desistência do Doia, a terra aonde ele foi criado, pois na verdade ele não passaria de 300 votos. O apoio dele aqui é muito fraco e queimado: como diz o ditado "diga-me com quem tu andas, que eu te direi quem tu és. Parabéns Doia pela sua avaliação correta.

Várzea Grande

Jayme é condenado por improbidade

Justiça condena Jayme Campos por improbidade administrativa

   O senador Jayme Campos (DEM) foi condenado por ato de improbidade administrativa pelo juiz Rodrigo Roberto Curvo, que acatou a ação civil pública ajuizada pelo Ministério Público em 2004, quando o democrata era prefeito de Várzea Grande. Agora, Jayme terá de ressarcir ao erário todos os valores pagos a título de “pensão de mercê” ao ex-vereador João Simão de Arruda. Terá ainda que arcar com o pagamento de multa civil de cinco vezes o valor mensal que recebia na época em que foi aprovada a lei que instituiu a pensão.

Postar um novo comentário

Descontração

Gil manda "Aquele Abraço"

   Gilberto Gil ganhou fama como cantor, compositor e músico baiano, mas nunca deixou de participar da política nacional. O cantor se envolveu na luta contra a ditadura e encabeçou diversos projetos sociais, como o Nordeste Já (1985), no qual abraçou a causa da seca nordestina. Foi somente em 1989 que Gilberto decidiu mergulhar de vez na política e, mesmo em meio a gravações e espetáculos, elegeu-se vereador em Salvador, sua cidade natal, pelo Partido Verde (PV).

Postar um novo comentário

Resgate Histórico

Heronildes e Gastão Muller em solenidade na Assembleia

 
Heronildes de Araújo foi deputado estadual e prefeito de Barra do Garças. Ele faleceu junto com outras três pessoas numa explosão de um veículo Vectra em agosto de 1999, na BR-070, entre General Carneiro e Barra do Garças. O caso ganhou repercussão internacional. Pelo menos 27 Vectra tinham explodido em várias regiões do país. Essas explosões envolvendo veículo da General Motors levaram as comissões de Defesa do Consumidor e de Viação e Transporte da Câmara dos Deputados a aprovarem audiência conjunta para debaterem o assunto, a pedido da Associação Brasileira de Consumidores Automotivos, com sede em Cuiabá. Familiares de Heronildes Araújo ingressaram com ação na Justiça e conseguiram a condenação da GM a pagar indenização. Heronildes começou na vida pública como suplente e conseguiu fazer sua estreia como deputado na Legislatura que abrangeu o período de 1947 a 1951. Na imagem acima, durante uma solenidade na Assembleia, ele aparece ao lado do ex-senador Gastão Muller (ao centro), que foi deputado e prefeito de Várzea Grande e faleceu há 3 meses, aos 84 anos. Estão ainda na foto o jornalista Archimedes Pereira Lima e o ex-deputado e médico Joaquim Sucena.
Foto: Demóstenes Milhomem

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Julio J.Campos | Domingo, 28 de Fevereiro de 2010, 08h15
    0
    0

    Colaborando com a equipe cultural do RDNews, os tres ilustres cidadões Matogrossenses que estão nesta foto, são o Dr.Virgilio Alves Corrêa,ex-Dep.Est.Constituinte de 1946 e ex-Presidente da Ass.Legislativa de MT,foi tambem deputado federal de MT de l95l-l955.O outro é o Dr.Gabriel Múller,ex-Dep.Est,e ex-Prefeito de V.Grande, e o ex-Dep.Heronides de Araújo,que foi tambem Sec.Chefe da Casa Civil,e diretor-fundador da CEMAT(hoje Rede-Cemat).Pessoas dignas e honradas,merecedoras de serem lembradas pelo RDNews.

  • RUBENS MAURO | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 16h48
    0
    0

    Outros erros são de quem está do lado do Heronides é o grande mestre Gabriel Muller e o do lado esquerdo não recordo o nome, mas não é Arquimedes Lima.

  • Zilmara | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 21h40
    0
    0

    Parabéns ao site pela ilustração com fotos históricas de homens que fizeram diferença em Mato Grosso. O Sr. Heronides foi um grande homem que MT perdeu numa fatalidade sem explicação. Para compreendermos o presente é indispensável voltar os olhos para o passado. Mais uma vez, parabéns aos editores do site.

Rondonópolis

Pátio rasga o verbo contra Maggi

Pátio dispara críticas ao governo do Estado e reafirma apoio a Wilson

   Após declarar que não subirá no palanque do correligionário Silval Barbosa, vice-governador e pré-candidato ao Palácio Paiaguás, o prefeito rondonopolitano Zé Carlos do Pátio (PMDB) “rasgou o verbo” nesta quinta (14) contra o governador Blairo Maggi (PR). Em entrevista ao programa Revista da Cidade, apresentado por Agnelo Coberlino, da TV Rondon, afiliada do SBT, Pátio disse que o republicano virou as costas para Rondonópolis, apesar de ter base eleitoral e negócios no município.

Postar um novo comentário

Comentários (23)

  • joao | Sábado, 16 de Janeiro de 2010, 00h37
    0
    0

    Gente vcs tem q entender que a gestao da cidade 'e por conta do prefeito, o trabalho do governo e direcionar o dinheiro... esse ze se faz de coitado, ele nao sabe nada de administracao.. ele nunca erra.. tudo e culpa do governador.. sempre do governador... imagina se ele faz algo errado...

  • Rafael Amoedo | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 09h41
    0
    1

    Eu estive na Convençao do PMDB em Rondonopolis, em 2008. Tete Bezerra e a maioria dos candidatos à Vereadores queriam apoiar a reeleiçao de Adilton Sachetti. Porem, Patio numa manobra juridica, cancelou a Convenção e se sagrou candidato à Preeitura. Ele nunca respeitou o PMDB. Em 2002, foi o unico peemedebista que pediu votos a Lula e Maggi, traindo a sigla. Em 2006, idem, quando apoiou Serys ao Governo.

  • Marcio | Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2010, 08h56
    0
    0

    Marcio, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Estratégia

Governador avisa que não vai responder aos ataques de Jayme

Senador Jayme Campos   Blairo Maggi acompanhou todas as críticas disparadas por líderes do DEM (ex-PFL) e, a menos de 90 dias de renunciar ao mandato, decidiu que não vai respondê-las. Assim, entende que caciques políticos, como o senador Jayme Campos, vão cair no vazio e mesmice porque os ataques não terão a repercussão que estão esperando. O governador disse aos correligionários que é preferível ficar em silêncio do que responder as críticas para também não comprar briga com a bancada do DEM na Assembleia, representada por Dilceu Dal Bosco, Chica Nunes, Gilmar Fabris e José Domingos. Enquanto os irmãos Jayme e Júlio Campos levantam problemáticas administrativas da gestão Maggi, para desqualificar o governo, os deputados do mesmo DEM não entram na discussão, afinal, temem o risco de perder as várias indicações de cargos comissionados feitas na estrutura da máquina.

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Edmilson | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 23h45
    2
    0

    Vou aproveitar este espaço para um breve histórico de Acorizal. De 1982 para cá passaram pelo governo do estado de MT: Julio campos, Bezerra, Jaime, Dante 2 mandatos, todos vieram na cidade pedir votos e todos prometeram asfaltar a 010 e construir pontes, alem de nao cumprir suas promessas, nada fizeram pelo municipio e seu povo; foi preciso um migrante no governo do estado para realizar nosso sonho. O senador devia ficar quieto pois ainda mama nas tetas e o seu rabo é muito cumprido.Vais levar uma cacetada. CUIDADO COM A JUSTIÇA, ELA TARDA MAS UMA HORA VEM.

  • CHARLES | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 18h30
    1
    1

    NAO VAI RESPONDER POR QUE ?? SERÁ QUE NÃO TEM ARGUMENTOS ?? OU NAO AGUENTA O DEBATE ??

  • Zé bomba | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2010, 18h25
    2
    0

    Muito bem Governador Maggi o Sr é do bem , educado ,não deve responder esses ataques ,nós já conhecemos esses tipos de politicos ,eles fazem isso para tentar destruir e denegrir o seu governo fique tranquilo o povo graças a Deus já estão acostumado com essas baixarias de alguns politico do DEM e do PSDB .INVEJA MATA