Blog do Romilson Cuiabá, 04 de Junho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Resgate Histórico

Solenidade em 82 junta Djalma, Ferraz e Thieres

  Ex-deputados participam de uma discussão na sala da presidência da Assembleia, no prédio da Barão de Melgaço, onde hoje funciona a Câmara Municipal de Cuiabá. A foto é de 1982. Nela aparecem o então deputado Djalma Rocha (com as mãos no bolso), que se aposentou como conselheiro do Tribunal de Contas do Estado, Benedito Alves Ferraz, que foi deputado de duas legislaturas e presidiu a Assembleia, e o ex-deputado Thieres Ferreira (de óculos), da região de Guiratinga (Sul). Hoje todos estão aposentados e fora da vida pública.
Foto: Demóstenes Milhomem

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • poconeano | Terça-Feira, 23 de Fevereiro de 2010, 07h23
    0
    0

    O sr. Djalma Carneiro da Rocha ja faleceu...

  • Felizardo Soares | Sábado, 02 de Janeiro de 2010, 22h08
    0
    0

    O nome do presidente da Assembleia nesta foto e o Deputado Benedito Alves Ferraz e nao Teresino como voces o colocaram... - Resposta - Obrigado, Felizardo, pela correção. O equívoco já foi desfeito no texto. Atenciosamente - Romilson Dourado

Rumo a 2010

Silval crê em transferência de votos de Maggi

 Fernando Ordakowski 
 
Pré-candidato ao Senado, Blairo Maggi renuncia ao Paiaguás no final de março e Silval Barbosa, que conduzirá o Estado, espera contar com o efeito da transferência de votos para aumentar a chance de conquistar a cadeira
 

Postar um novo comentário

Comentários (16)

  • Ari Bonilha | Segunda-Feira, 04 de Janeiro de 2010, 09h15
    0
    0

    Esse tal de Germano duvida da mensagem de algumas pessoas, colocando a suspeita de que são de pessoas previamente concatenadas para falar bem do Vice Governador Silval. Quem garante que o tal Germano também não é um agente da tucanagem? Aqui em nossa região, o Silval tem credibilidade e eu diria que ele já decolou. O tucanato teve seus momentos de glória no Estado, mas Wilson Santos, tem má repercussão devido sua gestão cheia de mentiras em Cuiabá. Aliás o Wilson Santos está muito mais pra galinho de terreiro mal cuidado do que pra tucano de alta linhagem!

  • Germano Souza Cruz | Domingo, 03 de Janeiro de 2010, 05h14
    0
    0

    É conversa fiada dizer que alguém consegue transferir todos os votos obtidos numa eleição à outro, ainda mais quando deixou de trabalhar na maioria das regiões do estado. Silval Barbosa não tem votos nem para voltar a ser deputado, pois deixou muito a desejar em sua região, lá poucos votos ainda mantem na eleição passada. Esse candidato, com certeza, mantem toda sua tropa em serviço quando se trata de levantar seu nome, vejam como exemplo os comentários acima, que são todos de pessoas íntimas, ligadas à Silval que falam bem dele, e ninguém mais, o que é fácil concluir à simples leitura, já que tais comentários mencionam fatos aleatórios e condizentes com algo que diz respeito à personalidade de Silval Barbosa, e não sobre algo que ele realmente fizera. São comentários ensaidos por uma única pessoa com nomes diferentes, vejam bem: "Essa dobradinha Maggi/Silval está dando certo..."; "No interior acredito que o Blairo vai transferir votos para o Silval..."; "Poucos politicos tem a seriedade de Silval..." E tem outra, se Brairo não conseguiu transferir votos para seu candidato em seu "curral eleitoral"(Rondonopolis), é lógico que não transferirá em outras cidades. MORAL DA HISTÓRIA = Silval não decola nem com o governo empenhando pesado em sua campanha".

  • mayume antonietti | Sábado, 02 de Janeiro de 2010, 21h29
    0
    0

    Essa dobradinha Maggi/Silval está dando muito certo na administração do nosso Estado, com certeza o comando passar na mão do Silval Barbosa a tendencia é melhorar muito mais, até porque Silval está pegando o estado em crescimento e com o controle das finanças, diferentemente quando Maggi pegou.

Articulação

Henry adia licença; Daltro continua no staff

    Pedro Henry (PP) decidiu empurrar para abril o seu pedido de licença por quatro meses do cargo de deputado federal. Com isso, o primeiro suplente Chico Daltro, que já tinha limpado as gavetas para deixar a secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia com vistas a estrear na Câmara, pediu ao governador Blairo Maggi para prosseguir no primeiro escalão. Quem se vê frustrada com essa decisão de Daltro é sua adjunta Adriana Correira da Costa Monteiro, que iria assumir o comando da pasta por alguns dias. Daltro sairá do governo junto com o próprio Maggi, que renunciará em 31 de março para concorrer à vaga de senador.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Hailton César | Terça-Feira, 05 de Janeiro de 2010, 10h23
    0
    0

    Francamente,quanto a situação da SECITEC na possibilidade da então Sec. Adjunta ter sido quase substituida pelo Secretário Chico Daltro,FALA SÉRIO. Acredito na visão políca do Secretario numa melhor indicação para substituí-lo,com perfil de um verdadeiro Gestor com interesses voltados a beneficiar à Secretaria,e que também certamente terá uma postura ética tanto profissional,quanto à pessoal diante de todos que ali visita e trabalha. *Estamos de olho*

  • Carlos Antunes | Sábado, 02 de Janeiro de 2010, 09h49
    0
    0

    A adjunta Adriana Leão é muito mal educada e prepotente, menos ruim para os funcionários, a mesma esperar um pouquinho mais, apesar de ser comadre de JAYME CAMPOS, a mesma não é querida por quase ninguém na SECITEC, faça uma pesquisa lá ROMILSON, e verão se é verdade ou não?

  • D.MARIA | Sábado, 02 de Janeiro de 2010, 03h42
    0
    0

    Desta vez sua adjunta Adriana ficou somente na vontade, fingida, só quer tirar proveito... desta vez vc deu uma dentro Daltro.

Vale a Pena Acessar

Blog de Ester propaga divisão de conhecimento

   Falando de tudo um pouco, o blog Saber É Bom Demais vai conquistando, aos poucos, espaço na internet. O blog começou como um hobby para a paranaense Ester Hafemann. Esposa e mãe, a blogueira decidiu largar a advocacia e se dedicar aos filhos. Quando eles cresceram, Ester se viu com tempo livre e, ao invés de voltar para a rotina de escritório e fóruns, resolveu começar o projeto de um blog para falar das coisas que gosta.

Postar um novo comentário

Confronto

Português não aceita Ezequiel na disputa a deputado; briga por candidatura racha PP

  O deputado Airton Rondina, o Português, trava uma "guerra" dentro do PP contra Ezequiel Ângelo da Fonseca, que deixou o PR em setembro e voltou a se filiar na legenda progressista para ser candidato a deputado estadual, a convite dos caciques do partido, deputados José Riva e Pedro Henry. Português não aceita a pré-candidatura de Ezequiel, hoje secretário-adjunto de Infraestrutura Escolar do governo Blairo Maggi. Trata-se de uma briga paroquial. Ambos possuem base eleitoral em dois municípios vizinhos do Oeste mato-grossense. Português foi prefeito de Araputanga, enquanto Ezequiel comandou Reserva do Cabaçal e presidiu a Associação Mato-Grossense dos Municípios (AMM).

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Milton Marques Silva | Sábado, 02 de Janeiro de 2010, 10h27
    1
    1

    Deputado Português tem como nata a sua candidatura. Só deixa de ser se for um "verdadeiro português" em se deixar levar por interesses de Pedro Henry. Assim como também considero como legítima o interesse de Ezequiel em disputar uma vaga na AL. Ezequiel que deixou o PP e foi para o PPS (PR) e agora retornou ao PP, demonstrar nessa vulnerabilidade partidária que só tem olhado para seu lado pessoal. Cargos e mais cargos que ocupou, usando "sabiamente" o seu partido e suas lideranças e depois vira as costas como se nada valesse. Mas quem tem companheiro como Henry, manias pega e se torna comuns.

  • Aliomar | Sexta-Feira, 01 de Janeiro de 2010, 21h19
    2
    0

    Prof. Ezequiel é uma pessoa simples, honesta e por onde passa deixa uma legião de amigos. Precisamos de pessoas deste porte no parlamento.

  • Roberto Carlos de Carvalho | Sexta-Feira, 01 de Janeiro de 2010, 18h04
    2
    0

    dep Portugues, como quer reileçao,vc nao tem mas a mesma base na regiao,no seu municipio de Araputanga,vc conseguiu racha o partido perdendo o apio do atual prefeito que vc apoiava,na regiao nao tem mas o mesmo respaldo, o melhor e a segunda alternativa ante que seja tarde, Riva nos te adimiramos e respeitamos por ter essa visao e fazer essa intervençao, pois em nossa regiao o melhor nome p dep e Ezqueel Fonsenca, companheiro toda hora

Palácio Paiaguás

Jayme e Wilson afinam discurso de oposição

Fernando Ordakowski
 

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Flávio Martins Gomes | Segunda-Feira, 04 de Janeiro de 2010, 13h43
    0
    0

    Grande prefeito que Cuiabá ja teve e ninquem nunca encontrará outro, wilson vamos lá MATO GROSSO precisa de vc, vamos acabar com essa maracutaia do Governo MAGGI que so atrasa MATO GROSSO. Famosa musica do nosso Grande e ilustre Amigo DANTE DE OLIVERA. VAI MATO GROSSO SEGUE ADIANTE É HORA DA VIRADA.. VAMOS WILSON CONFIAMOS EM VC. É HORA DA VIRADA..

  • Samir Sebastião da Costa Ribeiro | Sábado, 02 de Janeiro de 2010, 18h31
    0
    0

    Wilson Santos tem costume de trair mesmo heim!!!!! Wilson tem que ser verdadeiro e não pode deixar companheiros para trás ou trair. E eu soubesse desse estilo antes nunca teria te apoiado para prefeito em 2008. Por isso o segundo turno a vossa excelência perdeu o meu apoio. O senhor terá que pagar todas as suas dívidas para voltar a pedir votos e apoio. Só assim o senhor poderá ter apoios perdidos.

  • Antonio Marcos | Sábado, 02 de Janeiro de 2010, 09h55
    0
    0

    Jayme Campos - teria como explicar seu patrimônio??? Wilson Santos teria como explicar seu patrimônio??? Wilson sempre pixou a família Campos, tendo declarado certa feita que jamais subiria em palanque com Júlio Campos irmão de Jayma - em 1998 traiu Dante e foi para o palanque com Júlio. Jayme precisa apresentar para população de MT prestação de contas de sua atuação no Senado, pois já se vão 4 anos e cade algum projeto de destaque. Fica essa policagem barata. O POVO precisa rever sua memória. Toda essa "conspiração" tem o endereço do Poder e das benécias deste. Toda familia Campos tem um empreguinho no governo. Jayme sempre foi aliado de primeiro minuto com Blairo, de repente, bandeia-se para Wilson. É MEU POVO, O CARÁTER É ALGO MUITO SÉRIO.