Blog do Romilson Cuiabá, 21 de Setembro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Rondonópolis

Sobre crise na saúde, leitor defende Pátio e ataca Maggi

   A crise na saúde pública em Rondonópolis (a 198 km de Cuiabá) continua gerando polêmica. A matéria publicada pelo RDNews, "Pátio promete melhorar saúde", ganhou repercussão entre os internautas. Enquanto alguns leitores criticam a postura do prefeito Zé do Pátio (PMDB) e o acusam de negligência na administração da cidade, o leitor João do PT, morador de Cáceres (a 244 km de Cuiabá), sai em defesa do peemedebista. Para ele, o caos no atendimento público de saúde não é um problema isolado de um ou outro município, mas sim um reflexo da atual gestão estadual. Ele afirma em seu comentário que "o governo Blairo Maggi (...) abandonou a saúde pública no Estado, sem projeto de desenvolvimento, (...) sem planejamento algum para o setor".

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Obaoba | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 14h27
    0
    0

    Obaoba, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • adilson | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 22h21
    0
    0

    este nobre colega de caceres não pode falar o que não sabe, aqui em rondonópolis o que tá segurando a bomba é o regional, que atende toda região sul. Foi fechada a farmacia municipal de manipulação, o tempo de atendimento aumentou no PA por que tá diminuindo a qualidade de atendimento nos postos de saude dos bairros. Tá precisando do Ministerio publico, TCU, CGU verificarem o que ta sendo feito com os recursos que aqui chegam. falta administração, sobra politica. O coitado do ze do patio ainda não caiu a ficha que agora ele não é mais deputado e sim prefeito, não deixou ainda de discurso. quem viver verá o que vai virar rondonópolis, se assim continuar a administração.

  • João da Morte | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 22h17
    0
    0

    a vaidade do poder e os puxa sacos dão esse resultado a população, depois vem as eleições e o governador Blairo Maggi perde para senador e ai cai a ficha. Os pilares de qualquer administração pública é SAÚDE, SEGURANÇA E EDUCAÇÃO! Dar casas, fazer asfalto é bom, mas o velho Mato Grosso precisa é de Saúde, Segurança e Educação. É A POLITICA DE RESULTADOS, COMO DIZ O CAFÉ NO BULE AQUI EM CÁCERES! PRECISAMOS DE MUDANÇAS E CONCORDO PLENAMENTE QUE DEVEMOS TER PROJETOS PUBLICOS AUDACIOSOS COMO DIZ O CONTERRANEO

Cáceres

Deputado já se articula de olho na prefeitura em 2012

   As eleições gerais de 2010 ainda nem aconteceram e já tem político se articulando para o pleito de 2012, quando serão eleitos prefeitos e vereadores em todo o país. O deputado Antônio Brito (PMDB), que se efetivou na Assembleia na cadeira de Zé do Pátio (PMDB), eleito prefeito de Rondonópolis em 2008, se movimenta nos bastidores para disputar a Prefeitura de Cáceres. Mesmo assim, Brito nega e diz que ficou surpreso com o “clamor da sociedade”.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Orlandir CAvalcante | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 13h53
    0
    0

    Tem cada uma neste mundo da politica!!!!!!

Descontração

Em parceria com Negra Li, D´Black faz poesia em 1 Minuto

   Quando Vinícius Cardoso decidiu seguir a carreira artística, não esperava se transformar em um fenômeno musical. Cantor e ator brasileiro, suas influências musicais são o pop, a MPB e o soul. Adotando o apelido de D´Black, lançou seu primeiro álbum em 2005, mas "Soul Brasileiro" não ganhou muita atenção do público. O sucesso nacional veio com com o lançamento de seu segundo CD, "Sem Ar".

Postar um novo comentário

Palácio Paiaguás

Sucessor de Totó Parente assegura convênios de R$ 60 mi

   O novo secretário de Desenvolvimento do Centro-Oeste, do Ministério da Integração Nacional, Carlos Henrique Menezes Sobral, que desde o final do ano passado ocupa a cadeira deixada vaga com a saída do mato-grossense Totó Parente, confirmou que o governo estadual fechou convênios de cerca de R$ 60 milhões para investimentos na pavimentação asfáltica, equipamentos e em infraestrutura para 2010. Sobral se reuniu com o governador Blairo Maggi nesta terça (19) para discutir os projetos do ministério para 2010 e quais beneficiarão Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Ediomar Limper | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 15h49
    0
    0

    Quero parabenizar o Dr.Carlos Henrique Sobral,novo secretário do Centro Oeste,importante orgão do Ministerio da Integração,pela agilidade e presteza em vir a MT no mês de Janeiro,para iniciar a liberação de recursos federais para o nosso estado,tão carente de apoio.É assim que se trabalha.

Eleições 2010

Abicalil e Serys apoiam Silval e querem dobradinha com Maggi

Deputados Carlos Abicalil e senadora Serys Marly: confrontos internos   A senadora Serys Marly e o deputado federal e presidente estadual do PT Carlos Abicalil travam uma queda-de-braço interna por candidatura ao Senado, mas convergem quando o tema das discussões são as alianças majoritárias para o pleito de 3 de outubro. Os dois são favoráveis, por exemplo, à aliança com PR e PMDB. Nesse caso estão determinados a apoiar o peemedebista Silval Barbosa para governador e fazer "dobradinha" para o Senado com Blairo Maggi, mesmo se tratando de um líder político que enfrentou oposição dos petistas entre 2002 e 2008. Outra defesa em comum entre os grupos de Serys e Abicalil é quanto à composição para o Palácio Paiaguás. Entendem que o PT não deve pleitear candidatura de vice-governador mas, em moeda de troca, exige, mesmo sem definição de quem será candidato, apoio para o Senado.

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • Siqueira ou se não queira | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 08h45
    0
    0

    Siqueira ou se não queira, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Bonifacio | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 20h10
    0
    0

    Faço parte de uma gama de eleitores que sempre depositaram confiança na Sen. Serys, porém, chegou a hora dela deixar a fila andar, as mudanças em sua postura ideologica, as sucessivas mancadas no Senado, contratando servidor que mora no exterior, apoiando a eleição de jose sarney, convivendo com setores retrogados da politica brasileira, concordando e assinando atos nocivos a sociedade como integrante da mesa diretora do senado, abandonando a candidatura do proprio partido e apoiando sarney e aqui em Mato Grosso não tendo nenhum projeto de destaque para os municipios...Sen. Serys, talvez o poder tenha modificado seu modo de agir e esquecendo as raizes que sustentaram suas candidaturas anteriores, A Sra distanciou-se do povo, ninguem conseguiu nenhum contato neste 07 anos de seu mandato, em nenhuma vez convidou a militancia para discutir e avaliar a sua atuação, como tão bem fazia o Dep Gilney Viana, pois afinal o seu mandato é popular, foi eleita contra a vontade dos mandarins da politica e infelizmente decepcionou seus eleitores, como eu e muitos que acreditavam na guerreira que se tornou madame. Talvez tenha sido o clima de Brasilia, pois deixaste de visitar poconé, Livramento, Barão e outros mais da baixada cuiabana. È com muita tristeza que digo, se por acaso for candidata novamente a Senadora, com certeza o meu voto não terá, pode ser pouco, mas é consciente e nunca custou um centavo, sempre votei acreditando no discurso coerente que infelizmente...ficou no passado...que pena ex professora, até da sua classe esqueceu....Snif.Snif......

  • alexandre | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 19h00
    0
    0

    A cada dia que passa eu estou mais decepcionado que as atuações da senadora e do deputado, e muito bom que eles se unam com o candidato do governado e com o próprio governado na próxima eleição, assim, fica fácil todos afundam juntos, para quem foi oposição nas ultimas eleições agora já estão pretendendo estar todos juntos, que o povo aqui da região sul vai dar o troco para todos eles, pode esperar!!!!!.....

Palácio Paiaguás

Por cargos, "notáveis" do PMDB já têm lista para apresentar a Silval

Ex-deputado Nico Baracat   Há 20 anos sem conquistar a principal cadeira do Palácio Paiaguás e com sede de poder, peemedebistas liderados pelo cacique Carlos Bezerra já definiram ate uma lista de "notáveis" e filiados históricos para apresentar a Silval Barbosa, que assume a cadeira de governador a partir de 31 de março, com a renúncia de Blairo Maggi (PR). Por mais que o vice-governador tenha mandado recado, no sentido de assegurar que não aceita interferência do seu partido e de nenhuma outra legenda, as pressões por cargos aumentam. Como Silval ponderou, por outro lado, que é natural que o seu partido venha ocupar alguma secretaria, os filiados se animaram por espaço na máquina e se articulam nos bastidores.

Postar um novo comentário

Comentários (27)

  • Junior | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2010, 00h13
    0
    0

    Junior, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • anamariasousamelo | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 08h41
    0
    0

    Bezerra, se encherga deixa Sival em paz.

  • Ze Cuiabano | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 06h41
    0
    0

    Bezerra...cai fora...Mato Grosso nao te quer mais...desconfia...vai trabalhar...chega de mamar nas tetas do povo...chega me dar um calafrio quando penso que esse sujeito pode voltar a comandar MT...seu governo foi um desastre...um governo de perseguiçao...Sinval, mantenha a atual equipe de Secretariado.