Cidades

Sábado, 11 de Janeiro de 2020, 07h:25 | Atualizado: 11/01/2020, 10h:07

turismo

2ª quinzena de janeiro ainda tem preços promocionais; Rio e Nordeste em alta

Arquivo

Rio de Janeiro

Junto com Nordeste, Rio de Janeiro está entre os destinos mais procurados pelos turistas

Aqueles que decidiram viajar de última hora e aproveitar as férias ainda conseguem encontrar pacotes, com preços promocionais, para a segunda metade de janeiro, segundo o empresário e vice-presidente do Sindicato das Empresas de Turismo (Sindetur), Oiran Gutierrez.

Apesar das promoções, o preço costuma ser mais salgado em relação àquele que comprou com antecedência. Nesta época, Orian comenta que os destinos mais procurados são estados do Nordeste, como Bahia e Rio Grande do Norte, além do Rio de Janeiro. Por isso, os preços variam e podem alternar de R$ 1,5 a 3 mil por passagem, segundo consultas do em sites de companhias áreas.

Destinos internacionais também têm chamado atenção dos mato-grossenses para esse período de férias. A preferência é por países da própria América do Sul. O empresário aponta que houve crescimento na procura por viagens para a Argentina, Uruguai, Chile, Colômbia e destinos no Caribe.

O empresário vê com expectativa com a entrada de administradores da iniciativa privada no Aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande. “Com certeza, haverá investimentos e tenho convicção que se começa a operar vôos internacionais”, disse. Ele acredita que, com a abertura para países da América do Sul, por exemplo, possa baratear as passagens.

Comenta também que as perspectivas são “ótimas” para o mercado de viagens mato-grossense em 2020. Isto por que 2019 foi um ano reprimido e, neste ano, quase todos os feriados caem em um dia de semana. “Isso fortalece muito as vendas”, disse o empresário.

Em Cuiabá e Várzea Grande, por exemplo, serão 18 dias, sendo 8 que caem em uma segunda ou sexta. Somente um feriado, o da Proclamação da República, comemorado no dia 15 de novembro, será tido como “perdido”, pois cairá em um domingo. “Vai ser um ano muito bom para viajar. Não tenho a menor dúvida”, afirma.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Sem alarde, vereador muda de partido

viniciys clovito curtinha   De última hora e sem alarde, o vereador pela Capital Vinicyus Hugueney (foto) resolveu deixar o PP e se filiou ao Solidariedade. Com isso, o PP não se torna o único com a maior bancada. Está com três vereadores, assim como o PV e o PSDB. No SD, Vinicyus vai concorrer internamente com...

Irmão de Thelma na lista dos traidores

ronaldo pimentel 400 curtinha   Na carta aberta assinada por Ricardo Saad, que preside o PSDB cuiabano, ele reclama de dívidas milionárias herdadas de antecessores, inclusive dos R$ 4 milhões de pendências somente do pleito de 2016, e menciona, entre outras coisas, que "(...) há correligionários, que estavam...

A bronca de Saad com Wilson Santos

ricardo saad curtinha 400   O vereador Ricardo Saad (foto), presidente do PSDB da Capital, resolveu disparar a metralhadora verbal contra colegas tucanos. Sobre o ex-prefeito e hoje deputado Wilson Santos, considera que este nada fez para ajudar o partido a se reestruturar, visando as eleições de outubro. Mesmo sendo vice-presidente...

Janela tira muitos políticos do calvário

gilberto figueiredo curtinhas   O fechamento da janela partidária, que encerrou-se no último sábado, dia 4, marcou o fim de um longo calvário aos partidos, que tiveram que suportar em seus quadros políticos que não estavam mais de “alma”, mas somente de “corpo”. Na Câmara...

Só 2 vereadores não vão à reeleição

felipe wellaton curtinha 400   Apenas dois entre os 25 parlamentares cuiabanos não vão buscar a reeleição. O licenciado Gilberto Figueiredo, que trocou o PSB pelo DEM, quer concorrer a prefeito, assim como Felipe Wellaton (foto), que até trocou de partido, saindo do PV e agora no Cidadania. Pretende disputar...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

thiago muniz 400 curtinha   Dos 21 vereadores de Rondonópolis, somente quatro não vão à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (foto), agora no DEM, Hélio Pichioni (PSD), Jailson do Pesque-Pague e Rodrigo da Zaeli (ambos do PSDB). Eles garantem se tratar de um caminho sem volta. Destes, dois tentam...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.