Cidades

Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 19h:01 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

Saúde

Após greve de médicos, dentistas de Cuiabá ensaiam paralisação

   Com indicativo de greve há quatro meses, os 280 cirurgiões-dentistas da rede municipal de Cuiabá ameaçam paralisar as atividades a partir desta quarta (20). O presidente do Sindicato dos Odontologistas de Mato Grosso (Sinodonto), Gustavo Oliveira, convocou uma assembleia geral para esta terça (19), às 19h30, na sede da entidade, no bairro Jardim Cuiabá.

   Na pauta de reivindicações, consta a equiparação salarial com os médicos do PSMC e a aprovação do Plano de Cargos, Carreiras e Vencimentos (PCCV) da categoria. Atualmente, os cirurgiões-dentistas recebem R$ 842 por 20 horas de atividade. Os profissionais exigem que o valor suba para R$ 1,6 mil.

   A equiparação dos direitos entre dentistas e médicos é justificada pelo fato das duas profissões serem regidas pela mesma Lei Federal, a 3.999/61, que dispõe sobre os salários.

   Conforme Gustavo, durante a greve dos médicos, os cirurgiões-dentistas continuaram trabalhando por acreditar que as duas categorias seriam contempladas pelo mesmo PCCV. Pelo acordo firmado com o prefeito Wilson Santos (PSDB), os médicos terão aumento gradativo anual até 2014, ano em que os vencimentos devem alcançar R$ 3 mil.

   Durante uma reunião nesta terça, no Palácio Alencastro, o secretário-adjunto de Planejamento de Cuiabá, Renato Raul Spinelli, entregou a Gustavo a contraproposta da prefeitura. “Trata-se de uma tabela esdrúxula, com perdas para os funcionários mais antigos”, alerta. Os 280 cirurgiões-dentistas da prefeitura atendem em 10 clínicas odontológicas espalhadas pela cidade.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Luana | Sexta-Feira, 22 de Janeiro de 2010, 08h17
    0
    0

    Eu gostaria de ententer porque esta diferença com este salário nao se paga nem uma faculdade de odonto que ja está 1400 reais é um horrorrrrrrrrrrrr

  • Mônica | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2010, 09h07
    0
    0

    Os dentistas deveriam se unir as outras categorias como a enfermagem, psicologia, fisioterapia, e assim promover um movimento mais forte, pedindo melhorias salarias e tb de condições de trabalho a todos... Aposto que uma paralização geral, seria muito mais preocupante do que a greve dos médicos... Vamos nos unir!!!!

  • Rosangela | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 13h46
    0
    0

    sandalia da humildade no prefeito!!

  • Rogerio | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 13h46
    0
    0

    Dr.Gustavo, quero tornar o meu agradecimento publico. Realmente é uma vergonha para os cirurgiões dentistas trabalhar com uma remuneração tão baixa, desvaloriza o trabalho e o profissional. Esperavamos um presidente de punho forte para dar um basta nessa situação. E quanto ao prefeito se quiser se eleger em algum cargo vai ter que ser mais humano e humilde, a população esta sofrendo demais com tanto descaso.

  • rita | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 09h14
    0
    0

    TOMARA QUE A POPULAÇÃO LEMBRE DA SAUDE PUBLICA GRATITUITA AO VOTAR. É UMA VERGONHA!!! parabéns Dr. Gustavo pela força e coragem, se todos os representantes de classe tivesse essa determinação teriamos mto mais força e independencia junto ao poder publico. quem ganha é o povo!

  • Renato | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2010, 09h09
    0
    0

    E este é o prefeito que disse que tinha como lema de campanha SAÚDE, só não disse para quem seria a saúde e pelo jeito para quem precisa daqui a pouco ele manda chupar a manga.

  • João Francisco da Silva | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 23h24
    0
    0

    Se cada cirurgião dentista atender 30 cidadãos por semana serão 33.600 votos perdidos(em apenas 30 dias) senhor prefeito Wilson,imagine até outubro!!!!!!!!!!

  • Apoio aos dentistas | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 22h30
    0
    0

    Concordo com os companheiros! O poder público federal remunera no mínimo 4x mais do que a prefeitura. O estadual, 2,5x. Essa administração suga todo o sangue do profissional da saúde, gerando prejuízo a todos os usuários do sistema. fica a pergunta: será que o prefeito e seus secretários usufruem do sistema que eles mesmos administram???

  • maria | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 21h38
    0
    0

    É uma vergonha o salario dos profissionais de saude de Cuiaba, quem perde é a populaçao, pois os profissionais fingem que trabalham pq esse salario nao paga nem o curso na faculdade, o salario de dentista, enfermeira, nutricionista , todos da area de saude é uma vergonha, pra que fazer faculdade se tem assistente administrativo no estado que recebe quase que o dobro. O que acontece , profissionail trabalhando 2 a 3 x na semana 2 h e sempre com outros bicos. ACORDA PREFEITO....

Beco do Candeeiro só abrirá em abril

Carlina 400   A secretária municipal de Cultura, Esporte e Lazer, Carlina Jacob (foto), em visita ao Grupo Rdnews, revelou que a revitalização do Beco do  Candeeiro, que foi concluída em janeiro, será entregue à população em abril, nas comemorações dos 302 anos de...

Águas, expansão e investimentos

william figueiredo 400 aguas cuiaba curtinha   O diretor-geral da Águas Cuiabá, executivo William Figuereido (foto), disse, em visita à sede do Rdnews, quando aproveitou para conceder entrevista à tv web Rdtv, que a concessionária já distribui água para toda Cuiabá e que, em quase quatro anos...

Creci combate empresas irregulares

benedito odario 400 curtinha   O presidente do Conselho Regional de Corretores de Imóveis do Estado, Benedito Odário (foto), aproveitou a operação desenvolvida na quinta, com apoio da Polícia Civil e da Decon, para enfatizar que não dará trégua àquelas empresas que, irregularmente,...

Cuiabá paga fevereiro aos servidores

emanuel pinheiro 400   A Prefeitura de Cuiabá quitou nesta sexta (26), último dia útil do mês, a folha de fevereiro. Desde quando assumiu o Palácio Alencastro, em janeiro de 2017, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) tem conseguido pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado. Aliás, essa prioridade,...

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...