Cidades

Sábado, 03 de Agosto de 2019, 08h:00 | Atualizado: 03/08/2019, 10h:37

CASAMENTO SOCIAL

Cadeirante se encanta por voluntária, se declara e os 2 se casam neste sábado

Arquivo Pessoal

Cleber de Almeida Cardoso e Rosangela de Souza Silva

Cleber, que levou tiros em festa e virou cadeirante, e Rosangela: o amor veio aos poucos

Em meados do ano passado, o cadeirante Cléber de Almeida, 35 anos, estava no Lar São Francisco, em Cuiabá, quando recebeu a visita de estudantes de Enfermagem de uma universidade particular da Capital. Entre os alunos, estava a recepcionista Rosangela de Souza, 43.

Cléber acredita que foi amor à primeira vista. “Quando nos vimos, nossos olhos brilharam”. Para Rosangela, porém, o sentimento por ele surgiu posteriormente. “Com o passar do tempo”, explica.

Durante semanas, a recepcionista e os colegas de turma fizeram atendimentos aos moradores do lar, destinado a pessoas com alguma deficiência física. Rosangela comenta que se emocionou ao conhecer a história do futuro marido. Ele levou dois tiros, na testa e no pescoço, há 11 anos, em uma festa em Várzea Grande. Um dos disparos atingiu a coluna cervical dele, que ficou tetraplégico – o quadro de saúde do cadeirante melhorou e ele tem mais movimentos no corpo.

O Lar São Francisco é a residência de Cleber desde maio de 2018, após o pai dele, que era o principal responsável pelos cuidados com o filho, desenvolver problemas de saúde e ficar impossibilitado de auxiliá-lo.

“Como meu pai não conseguia mais me ajudar, procurei um lugar para morar e descobri o Lar São Francisco. Percebi que minha vida seria melhor aqui, porque teria acompanhamento profissional e a ajuda necessária no meu dia a dia”, comenta Cléber, que vive com um salário mínimo todos os meses concedido por meio do Benefício assistencial à pessoa com deficiência (BPC).

Quero cuidar dele e amá-lo. O Cleber é um homem incrível. Eu só agradeço a Deus ter colocado ele em minha vida. Ele é muito carinhoso e se preocupa comigo

Rosangela, noiva

A batalha de Cleber pela vida foi um dos principais fatores para que Rosangela se apaixonasse. “A história dele é muito inspiradora”, comenta. O contato entre eles era quase diário, mas se limitava a uma relação entre voluntária de Enfermagem e paciente.

A recepcionista e então estudante de Enfermagem – ela irá colar grau neste mês – conta que se surpreendeu com o primeiro convite para sair, semanas após conhecer o cadeirante. “A gente conversava muito e, certa vez, o Cléber me chamou para um encontro. Fiquei surpresa. Não sabia o que fazer, mas acabei aceitando”, relembra Rosangela.

Arquivo Pessoal

Cleber de Almeida Cardoso e Rosangela de Souza Silva

Uma selfie dos "pombinhos": ahhh o amor!!!

“Eu peguei o telefone, liguei para ela e chamei para sair. No primeiro encontro, já nos beijamos. Achava que não era algo sério, mas foi se tornando”, relata Cleber.

Depois de diversos encontros, eles começaram a namorar. Atualmente, a relação tem dez meses. Em fevereiro, ele a pediu em casamento. “Como ela é evangélica, sei que o casamento é considerado algo importante”, diz o rapaz.

Rosangela, que é mãe de quatro filhos, conta que, a princípio, ficou reticente. Mas aceitou o pedido de casamento. “Eu amo muito o Cleber, então não tinha motivos para não aceitar”, comenta.

A união

O enlace matrimonial de Rosangela e Cleber acontecerá neste sábado (3), no casamento social de Cuiabá. O evento será realizado no Hotel Fazenda Mato Grosso e oficializará a união de 300 casais – o número total é em alusão aos 300 anos da Capital mato-grossense, comemorados neste ano.

O casamento social é coordenado pela Secretaria de Assistência Social. Segundo a Prefeitura, ele foi idealizado pela primeira-dama Márcia Pinheiro. Os custos do evento são pagos por empresas privadas.

No primeiro encontro, já nos beijamos. Achava que não era algo sério, mas foi se tornando

Cléber, o noivo

Para Cleber, o casamento será um momento importante. “O plano inicial era casarmos em novembro, mas quando soubemos do casamento social, logo nos inscrevemos, até mesmo para economizar”, explica o rapaz.

Depois da cerimônia, os dois planejam morar juntos, na residência em que Rosangela mora com três filhos, no bairro CPA 4. “Ele acha que a deficiência dele pode ser um problema para mim. Mas isso não é dificuldade nenhuma. Cuido dele por amor”, diz Rosangela.

"Quero cuidar dele e amá-lo. O Cleber é um homem incrível. Eu só agradeço a Deus ter colocado ele em minha vida. Ele é muito carinhoso e se preocupa comigo”, acrescenta a recepcionista.

Depois da união, Cleber planeja concluir o ensino médio - ele estudou até o nono ano do ensino fundamental -, por meio do programa Educação de Jovens e Adultos (EJA). “O meu maior desejo é poder trabalhar. Quero encontrar uma empresa que possa me contratar, porque quero construir uma vida tranquila ao lado da minha companheira”, diz.

Rosangela acredita que, juntos, ela e o futuro marido irão superar as dificuldades que surgirem. “Quero que a gente dê muito certo. Quero que a gente fique junto até a velhice. Até que a morte nos separe”.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Eva do Carmo Oliveira | Terça-Feira, 06 de Agosto de 2019, 08h11
    0
    0

    Que lindo,Deus abençoe a união de vcs

Matéria(s) relacionada(s):

Professor terá desempenho avaliado

marioneide 400 curtinha   Professores da rede pública estadual agora vão passar por avaliação de desempenho tanto para fins de progressão funcional quanto para atender a uma série de novas exigências. A secretária de Educação, professora Marioneide Kliemaschewsk (foto), já...

O pinóquio de antes, o aliado de hoje

wilson santos 400 curtinha   Wilson Santos (foto), hoje deputado pelo quarto mandato, está levando porrete de todo lado pela decisão de entrar na base do Governo Mauro Mendes, seu então adversário político dos últimos 15 anos. Ambos, que se enfrentaram nas urnas duas vezes, uma a prefeito e outra para...

França, convite do Pode e suspense

roberto franca 400 curtinha   Roberto França (foto), que exerceu vários mandatos eletivos, entre eles de vereador e de prefeito de Cuiabá, ficou empolgado com o convite para se filiar ao Podemos, inclusive com abertura para concorrer novamente ao Palácio Alencastro. Para evitar conflitos, antes de fazê-lo, o...

Neurilan critica Pivetta e faz campanha

otaviano pivetta 400 curtinha   Em discurso em Tangará da Serra, num evento promovido pela AMM que serviu de palanque eleitoral, Neurilan Fraga disparou críticas ao vice-governador Pivetta (foto), que também pretende concorrer ao Senado. Disse que Pivetta não aceita nem discutir o valor repassado hoje aos...

Evento da AMM para pré-candidatura

neurilan fraga 400   Neurilan Fraga (foto), que aproveita o trunfo de presidente da AMM para tentar projeção política, insiste na pré-candidatura ao Senado, mesmo com a filiação oficial ao PL fora do prazo exigido pela legislação, o que ensejará no indeferimento do registro. E...

Selma, carreata e "ciúmes políticos"

selma arruda 400 curtinha   Quem vê Selma Arruda (foto), senadora cassada por crimes eleitorais, e o ex-senador e federal José Medeiros afinados no Podemos, nem imagina que no pleito de 2018 ela optou por distanciá-lo motivada simplesmente por "ciúmes políticos". Selma carregava o slogan de "Senadora de Bolsonaro"....

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Sobre a senadora Selma Arruda, que teve mandato cassado por caixa 2 e abuso de poder econômico, você acha que ela foi...

ingênua

corrupta

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.