Cidades

Sábado, 25 de Janeiro de 2020, 09h:57 | Atualizado: 25/01/2020, 09h:59

força da natureza

Chuvas intensas geram danos e prefeitos decretam situação de emergência, em MT

Divulgação

 Ponte caida Nova Bandeirantes

Chuvas no início dessse ano provocaram queda de ponte na cidade de Nova Bandeirantes

Chuvas intensas no interior de Mato Grosso têm causado estragos e danos, destruindo casas e pontes, que causam isolamento de pessoas em áreas rurais. Pelo menos, três municípios já decretaram situação de emergência: Alto Taquari, Juruena e Nova Bandeirantes. As prefeituras destacam que, sozinhas, não conseguem solucionar todos os danos.

Em Alto Taquari (a 487km de Cuiabá), a chuva forte do dia 16 de janeiro causou a destruição e o destelhamento de casas, além de queda de árvores. Os mais atingidos são as pessoas de baixa renda, destaca decreto assinado pelo prefeito Fabio Mauri (PSDB). "As consequências deste desastre natural, resultaram em grandes danos materiais e ambientais", traz publicação do ato na última sexta (17).

O decreto garante também o conserto de casas destelhadas às famílias de baixa renda. Para isso, eles devem procurar a secretaria municipal de Assistência Social para solicitar o amparo. Depois, servidores irão apresentar orçamentos para reforma das casas e, em seguida, realizar os devidos consertos.

A condição das estradas vicinais de Juruena (a 881km de Cuiabá) foi destacada para decretar emergência no município. Segundo a publicação, as chuvas intensas vêm desde dezembro do ano passado. O solo ainda encontra-se totalmente encharcado. "Muitas pontes acabaram rodando, tornando precária e interrompida a trafegabilidade nas estradas”.

No decreto, a prefeita destaca que fez todos os esforços para diminuir os impactos. Mas, como Juruena possui muitos assentamentos, comunidades, fazendas, sítios e chácaras ligados por longas estradas rurais, a prefeitura não consegue resolver todos os problemas. "Dificuldades persistiram, exaurindo toda a capacidade operativa e financeira do Município", disse.

O entrou em contato com a prefeita de Juruena, Sandra Josy (PROS), que informa que a situação do município já voltou a sua tranquilidade. Comentou, em seguida, que não iria comentar o decreto.

Nova Bandeirantes (a 1 mil km de Cuiabá) também destacou a destruição de estradas, atoleiros e queda de pontes para decretar emergência. A consequência é isolamento de comunidades rurais, além de prejuízos para a área agrícola e bovina. O decreto relata dificuldade de transporte de pessoas e pacientes para unidades de saúde.

Reportagem do já destacou que moradores da cidade publicaram fotos e vídeos de estradas alagadas ou tomadas pela lama. Segundo o prefeito Valdir Pereira (PSB), pessoas já foram socorridas e medidas paliativas já foram tomadas. Espera também o reconhecimento do decreto pelo Governo Federal para liberar recursos, que deverão ser usados para construção de pontes. A expectativa, porém, é que isso ocorra em cerca de 15 dias.

Como medidas, Juruena e Nova Bandeirantes dispensaram licitação para contratos de bens para responder aos danos causados pela chuva. Autoriza a desapropriação em propriedades particulares em áreas de risco intensificado de desastre. Convoca ainda voluntários para ajudar na campanha de arrecadação de recursos, como roupas e alimentos, para as famílias afetadas.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Presidente do TJ-MT assume Codepre

carlos alberto tj 400 curtinha   O presidente do TJ-MT Carlos Alberto (foto) foi eleito presidente do Colégio de Presidentes dos Tribunais de Justiça (Codepre) do país. O cargo alça o membro de MT à liderança de discussões nacionais importantes. Dentre as atribuições do colégio...

Brecha pra futuro cassado ir à Justiça

kero kero curtinha 400   Wilson Kero-Kero (foto), ex-SD (socialista) que foi para ex-PSL (direita), anunciou ida para Podemos, mas permanecerá no partido direitista, é o relator do processo de cassação do colega Abílio Júnior, na CCJ da Câmara de Cuiabá. Na Comissão de Ética o...

Filho de Taborelli assume vaga em VG

Willy taborelli _ curtinha400   O pai coronel Taborelli está fora de combate, mas o filho Willy (PSC), suplente de vereador, vai assumir cadeira na Câmara de VG a partir de 2 de março. Vai atuar na vaga do correligionário Miguel Baracat, que se licencia para fazer tratamento de saúde. O filho do polêmico...

Sem acordo para ter apoio de Selma

otaviano pivetta 400 curtinha   O empresário e vice-governador Otaviano Pivetta, pré-candidato ao Senado, disse que, de fato, recebeu convite para se filiar ao Podemos, inclusive do deputado Medeiros, um de seus prováveis adversários nas urnas de abril, mas que segue firme no PDT. Destaca ser um admirador do senador...

Na expectativa para disputar Senado

nelson barbudo 400 curtinha   Se o TRE flexibilizar a data de filiação para quem quer concorrer ao Senado, na eleição suplementar de abril, a inflação de candidatos tende a ser ainda maior. Entrariam no páreo, além dos 10 que já se dizem pré-candidatos, o ex-governador Pedro...

Conflito armado entre Ulysses e Elizeu

ulysses moraes curtinha   Já está dando confusão no PSL/DC o acórdão feito entre os deputados estaduais Ulysses (foto) e Elizeu. O primeiro confidenciou a amigos que não pretende apoiar a possível candidatura de Elizeu ao Senado, na eleição suplementar, marcada para abril. A considerar...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.