Cidades

Segunda-Feira, 30 de Agosto de 2010, 18h:04 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:27

VÁRZEA GRANDE

Com medo de multa, candidatos já retiram placas das rotatórias

   Após a onda de publicidade feita pelos candidatos, a lei que proíbe o uso das placas e cavaletes de propaganda eleitoral em espaços públicos da cidade começou a mostrar resultado. A partir deste domingo (29), a Prefeitura de Várzea Grande passou a multar em R$ 5 mil os candidatos, partidos e coligações que infringirem a lei, matendo cavaletes, placas, faixas, cartazes, e banners nos canteiros e rotatórias. Nesta segunda (30) já foi possível notar que a maioria deles não se arriscou a expor os materiais.

   Os canteiros e a rotatória da avenida da FEB e da Ponte Sérgio Motta, locais mais explorados, estavam vazios. Apenas os candidatos à Câmara Federal Eliene Lima (PP) e Júlio Campos (DEM) tinham materiais de campanha nesses locais. Segundo a assessoria de imprensa da prefeitura, parte do material foi retirado pela secretaria de Infraestrutura, que ficou encarrgada da aplicação da legislação municipal.

   O município de Várzea Grande viveu uma verdadeira "epidemia" de cavaletes eleitorais após o atual prefeito de Cuiabá, Chico Galindo (PTB), ter sancionado uma lei proibindo a nova forma de campanha na Capital. Em decorrência disso, a propaganda migrou para a cidade vizinha, que acabou aprovando uma lei semelhante, sancionada pelo prefeito Murilo Domingos (PR). Conforme a lei 3.501/2010, fica proibida a colocação de placas, painéis ou qualquer tipo de publicidade em espaços públicos com finalidade de propaganda eleitoral.

   Os juízes eleitorais do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), Lídio Modesto Filho, Gonçalo Antunes de Barros Neto e Samir Hammond, são unânimes na posição de que a legislação assegura ao candidato o direito de se apresentar ao eleitor por meio dos instrumentos, o que inclui placas nas vias públicas. A Lei 9.50, de 1997, – conhecida como Lei das Eleições, garante ao candidato o direito de fazer uso dos instrumentos no período eleitoral, não restringindo o uso de cavaletes. O cidadão pode denunciar casos de propaganda irregular ao Ministério Público ou disque-denúncia do Tribunal Regional Eleitoral (0800 647 8191).

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • rodrigo rappel | Segunda-Feira, 30 de Agosto de 2010, 23h23
    0
    0

    A população agradece com a retirada de placas que causam poluição visual e que provocam acidentes pelas ruas. Vale lembra aos canditatos que não precisam encher as ruas de placas e propagandas,porque o povo sabe quem fez e quem não fez beneficio para população.

Elisângela conduz Secom da Câmara

elisangela tenorio 400 curtinha   A jornalista Elisângela Tenório (foto) está de volta ao comando da Comunicação Social da Câmara de Cuiabá. Ela ocupou o mesmo cargo na gestão Justino Malheiros, mas, na época, não teve à disposição estrutura para desevolver uma...

Logística em MT pra distribuir vacinas

mauro mendes 400 curtinha   O governo estadual já providenciou toda logística para levar as vacinas anti-Covid-19 aos municípios. O governador Mauro Mendes (foto) destaca que, em princípio, adquiriu 3,5 milhões de seringas. Os lotes de vacinas chegam a MT até a próxima quarta. Seguindo o Plano...

Emanuel no PTB e reeleição do filho

emanuelzinho 400   O PTB está sendo preparado para receber a filiação do prefeito Emanuel Pinheiro, que iniciou o segundo mandato em Cuiabá. Sem ambiente para seguir no MDB, onde passou a enfrentar resistência de toda a bancada do partido na Câmara Federal e na Assembleia, Emanuel recebeu convite de...

Ex-deputado "detona" Aliança por MT

victorio galli 400 curtinha   As deputadas federais Carla Zambelli e Bia Kicis, que estão na linha de frente pela criação do Aliança pelo Brasil, partido idealizado por Bolsonaro e ainda na fase de coleta de assinaturas para ser formalizado, foram informadas de que o ex-deputado federal Victório Galli...

Saúde em MT sob iminente colapso

Os números da pandemia da Covid-19 em MT são alarmantes. Entre sexta e este sábado foram registrados 1.050 novos casos de pessoas infectadas com o vírus e mais 21 mortes. Desde o início da pandemia, quase 5 mil mato-grossenses já morreram da doença. Em Cuiabá, o índice de ocupação de UTIs chega a 69%, superando o pior período da pandemia, registrado em agosto do ano passado. Em outras regiões do Estado, a...

Prefeito já teve 2 aliados executados

ze do patio 400 curtinha   O prefeito de terceiro mandato Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, já teve dois assessores próximos e de extrema confiança assassinados. Em setembro de 2012, João César Domingos, que era muito próximo de Pátio, havia atuado no Instituto de Pesquisa e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.