Cidades

Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2014, 08h:37 | Atualizado: 22/01/2014, 09h:39

Cuiabá é 29ª cidade mais violenta do mundo, diz estudo de ong mexicana

Com taxa de homicídio de 43,95 no ano passado, Cuiabá está em 29º lugar no ranking das cidades mais violentas do mundo. A pesquisa foi feita pela ONG Conselho Cidadão para a Segurança Pública e Justiça Penal, do México. Além da Capital mato-grossense, outras 15 cidades brasileiras aparecem na lista, classificando o país com o que possui o maior número de cidades entre as 50 mais violentas do mundo. 

Maceió (AL) está em 5º lugar, com taxa de 79,76 homicídios por 100 mil habitantes, sendo, entre as brasileiras, a mais violenta. Depois, em 7º lugar, aparece a Capital cearense Fortaleza, que tem uma taxa de homicídios de 72,81. João Pessoa (PB) está na nona colocação. Outros municípios brasileiros na lista são: Natal (RN) com 57,62; Salvador (BA) com 57,61; Vitória (ES) com 57,39; São Luís (MA) com 57,04; Belém (PA) com 48,23; Campina Grande (PB) com 46; Goiânia (GO) com 44,56; Manaus (AM) com 42,53; Recife (PE) com 36,82; Macapá (AP) com 36,59; Belo Horizonte  (MG) com 34,73; e Aracaju (SE) com 33,36. Já a cidade hondurenha de San Pedro Sula lidera o ranking como mais violenta. 

cidades - pesquisa - violencia

 

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Fabrício | Quarta-Feira, 10 de Junho de 2015, 22h27
    0
    0

    Nossa, não tem nenhum Europa e Ásia......só america......que vergonha

  • marcos | Quinta-Feira, 30 de Janeiro de 2014, 09h06
    0
    0

    A questão passa pela gestão pública, mas o principal é a nossa legislação, polícia prende e justiça solta, é a lei. Vejam a capivara daqueles que são pegos, vivem do crime. Para refrescar a memória de algun; no governo Dante era bem pior, nem viatura e nem gasolina a polícia tinha.

  • elias | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2014, 12h19
    0
    0

    essa situação começou na era maggi e ta se estendendo na era silval.........até quando vão brincar de fazer segurança publica?

  • Manuela Carvalho | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2014, 14h28
    2
    0

    A Segurança Pública em Mato Grosso, a muito tempo vem mal das pernas. Neste próprio site foi divulgado uma reportagem sobre a falta efetivo da Polícia Militar, na qual a defasagem é mais de 8.000 policiais, ou seja, a Instituição trabalha hoje com menos da metade do efetivo necessário, já que conta com aproximadamente 6000 policiais. Hoje, o que a Polícia Militar faz já podemos considerar como um milagre, considerando os seus recursos humanos, frente a toda criminalidade que assola o estado, como homicídios, roubos de carros, roubos a residências, as quais vem aterrorizando tanto Cuiabá e Várzea Grande, quase todos os dias você lê alguma reportagem sobre esses tipo de crime, os próprios crimes de assalto a banco no interior, etc... Enfim, enquanto a Segurança não for priorizada pelo Governo, nós, sociedade mato-grossense, estaremos reféns da criminalidade... Que Deus nos proteja!

  • elias | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2014, 10h36
    1
    0

    planejamento segurança publica, cade o planejamento, como disse o amigo internauta, isso começou na era maggi, e ta se estendendo na era silval.....vamso ter que esperar até agosto desde ano pra ter mais segurança publica? sim, por que os que passaram no concurso deagora, só vão sair pra rua como soldado em julho, agosto.... --e me digam senhores governantes, pra copa do mundo, o antes copa do mundo em cuiaba? a malandragem ta vindo e vem muito mais.....com a palavra o governador de mt.

  • marcos | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2014, 10h32
    2
    0

    troque o comandante geral da pmmt, esse cara não ta com nada......

  • pedro | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2014, 10h18
    1
    0

    entra governo sai governador de mt, e a falta de efetivo contribui pra isso, coloca policia na rua, falta comando, me desculpe, mas é minha opinião esse comandante geral da pmmt, pra mim não ta com nada......não tem garra, não tranmite segurança.....ta na hora de rever.........

  • pedro vasconcelos | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2014, 10h09
    1
    0

    ja pensou? muitos dizem que só o trabalho da policia em cuiaba não adianta, é verdade, mas no momento é isso que resolve, cuiaba, precisa de policia na rua, nos bairros, fazendo rondas...... ta cheio de oportunista do mundo do crime em cuiaba e varzea grande, a solução no momento é policia na rua,se não tem efetivo, peça ajuda, governantes, peçam auxilio ao exercito, a força de segurança, em cuiaba ja esta começando os drogados na rua outra vez........drogados roubam furtam pra comprar drogas.... não remedeiem, previnam, repido pagamos altos impostos e queremos o retorno...

  • Moreira | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2014, 09h48
    1
    0

    Apesar de achar que existem cidades muito mais violentas, e que não realizam estatísticas criminais, essa é uma triste notícia. Na era PT os índices de homicídios aumentaram muito em todo o País. Em Cuiabá, não é diferente. Também, vamos ser sinceros, um governo que não tem planejamento, isso desde a era Maggi-Lula, sob todos os aspectos, não é de se espantar que a nossa capital, outrora pacata, esteja neste ranking. O mais impressionante, é que cidades do nosso interior que antes não existia homicídios, agora já se torna corriqueiro, e é encarada pelo governo como normal.

  • Zé Poxoréo | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2014, 09h01
    1
    0

    É o tal do legado! Legado da dobradinha Lula e Dilma, Blairo Maggi e Silval Barbosa. Nós matogrossenses somos imensamente gratos por termos conseguido figurar em mais esse ranking.

Emanuel, feitos, paletó e a reeleição

emanuel pinheiro 400 curtinha   O núcleo de apoio estratégico do prefeito Emanuel Pinheiro (MDB) está empolgado com resultado de pesquisas realizadas tanto para avaliar como está indo a administração da Capital, pontuando pontos fracos e fortes, quanto sobre se há chance ou não de...

Deputada critica Bruno no Operário-VG

janaina riva 400 curtinha   Acostumada a enfrentar temas polêmicos, dentro e fora da seara política, Janaína Riva foi a única parlamentar a se manifestar publicamente sobre a decisão do Operário de Várzea Grande de contratar o goleiro Bruno, condenado a 20 anos por matar e ocultar o corpo da...

Espólio político de Selma que não virá

otaviano pivetta 400 curtinha   O vice-governador e pré-candidato ao Senado, Otaviano Pivetta (foto), tem encampado um equivocado entusiasmo sobre possível espólio político de Selma Arruda. Mas a tendência, se insistir nessa tese, é de amargar uma tremenda frustração. Pivetta tem dito aos...

Beto decide em maio quem vai apoiar

beto farias 400 curtinha   O prefeito barra-garcense e empresário Beto Farias (foto), que conclui neste ano o segundo mandato consecutivo, não sabe ainda quem apoiar à sucessão municipal. E só tomará uma decisão em maio, já faltando dois meses para as convenções. Até...

Lucas impõe regras pra cortar energia

luiz binotti 400 curtinha   Em Lucas do Rio Verde, a Energisa está proibida de interromper o fornecimento de energia elétrica, mesmo por inadimplência, sem informar ao consumidor, por escrito e com antecedência de 15 dias, sobre a suspensão dos serviços. O projeto aprovado pelos vereadores se transformou na...

Cidinho declina do convite à suplência

cidinho 400 curtinha   O ex-senador e empresário Cidinho Santos (foto), do PL, declinou do convite para compor uma das suplências da chapa ao Senado de Otaviano Pivetta (PDT). Em princípio, ele havia aceitado ser o primeiro-suplente. Mas questões empresariais não permitem que neste ano Cidinho concorra a cargo...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.