Cidades

Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 11h:10 | Atualizado: 20/08/2019, 15h:29

Fake Delivery

Das buscas na mansão de Rosa Neide à prisão do ex-adjunto - veja fotos e vídeo

Os dois principais alvos da Operação Fake Delivery desencadeada pela Delegacia Fazendária (Defaz), da Polícia Civil, nesta manhã (19), são a deputada federal Rosa Neide (PT) e o ex-adjunto dela, Francisvaldo Pereira de Assunção.

Francisvaldo era adjunto de Rosa Neide, em 2014, quando ela era secretária de Estado de Educação, na gestão de Silval Barbosa, ano de compra de materiais escolares para alunos indígenas, que não teriam sido, na totalidade, entregues, conforme investigação da Defaz. Atualmente, ele é assessor parlamentar do deputado estadual Valdir Barranco, também petista.

Galeria: Fake Delivery

Nesta manhã, a deputada Rosa Neide acordou com a Polícia Civil em sua casa, uma mansão no condomínio alphaville. No processo de investigação, testemunhas afirmaram que ela deu a ordem para a compra dos materiais. Por meio de nota, a parlamentar diz que não é investigada e se coloca a disposição da polícia.

Já Francisvaldo foi preso em um posto da PRF, que, dando apoio à Polícia Civil, cumpriu o mandado de prisão contra ele na BR-364, em Diamantino (a 219 km de Cuiabá), nesta manhã, por volta de 7h45. Seguia em um Renault Fluence, placas de Cuiabá. Ele relatou que seguia para Nortelândia e levaria o pai a exames.

No final da manhã, equipe de delegados deu uma coletiva à imprensa, para falar sobre as investigações. Reiteraram que Rosa Neide era a secretária à época e teria sido quem determinou a compra dos materiais.

O delegado Luiz Henrique Damasceno ponderou ser cedo para dizer se a deputada tem envolvimento direto com o esquema, mas afirmou que há contradições no depoimento dado pela parlamentar com relação ao recebimento dos materiais.

Veja vídeo do momento da prisão do ex-adjunto de Rosa Neide

                            

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • CHIRRÃO | Terça-Feira, 20 de Agosto de 2019, 09h50
    1
    0

    CHIRRÃO, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Cleide | Terça-Feira, 20 de Agosto de 2019, 07h11
    6
    1

    Maria, é sempre assim? Não consegue provar que não roubou, então, ataca quem prende? Você deveria questionar é como uma professora socialista vive numa mansão.

  • Rico | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 19h24
    15
    3

    Na outra encarnação quero ser professor filiar no PT para morar num condomínio luxuoso

  • Luciano | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 17h21
    11
    3

    Maria, você ainda não deve ter entendido que a prerrogativa de foro é apenas para Crimes ocorridos no decorre do mandato ou em sua função, os mal Feitos cometidos por ela são da época da Seduc.

  • Maria | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 14h32
    1
    1

    Maria , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Maria | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 14h00
    11
    19

    Uma deputada federal com prerrogativa de foro sofreu busca e apreensão decretada por um juiz de piso? Tem ou não tem abuso de autoridade neste país? Ou esta ação é midiática?

  • Maria | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 13h50
    6
    22

    Uma deputada federal com prerrogativa de foro sofreu busca e apreensão decretada por um juiz de piso? Tem ou não tem abuso de autoridade neste país? Ou esta ação é midiática?

  • Ricardo | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 12h59
    30
    7

    Os Partidos dos Trambiqueiros moram em Condomínio Luxuosos e os famintos em Minha Casa minha Favela.

  • elipe | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 12h52
    19
    5

    pois é....quem diria???

  • norma | Segunda-Feira, 19 de Agosto de 2019, 11h57
    34
    7

    PT chic no urtimo, alphaville para todos professores já!

Galvan vai deixar PDT e ir pra o PRTB

antonio galvan 400 curtinha   Embora não tenha perdido de vistas o Aliança pelo Brasil, partido que está sendo criado por Bolsonaro, Antonio Galvan (foto), presidente da Aprosoja e que acabou levado à frigideira dentro do PDT em meio ao embate por tentativa de candidatura ao Senado, se mostra disposto a ingressar no...

"Pátio igual gato, comendo e miando"

jose medeiros 400 curtinha   O deputado José Medeiros (Podemos), vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara, disse que o prefeito Zé do Pátio, de Rondonópolis, está parecendo gato, comendo e miando, pois recebe recursos federais, inclusive de programas habitacionais e, mesmo assim, ainda alardeia nos...

Adair lançará ex-vice em Alto Paraguai

adair 400 curtinha   O ex-prefeito de Alto Paraguai, advogado emedebista Adair José Alves Moreira (foto), não vai disputar novamente, apesar da insistência do seu grupo. A tendência é de apoiar o seu ex-vice Luiz Figueiredo, com quem administrou a cidade de 2013 a 2016. Luiz também é do MDB e...

Deputado bolsonarista critica prefeito

claudinei deputado curtinha 400   O deputado Claudinei Lopes (foto), morador em Rondonópolis, ficou na bronca com o discurso populista do prefeito Zé do Pátio, para quem o povo nordestino votou em massa no PT e que não tem conseguido construir mais casas populares porque, diferente dos governos petistas, o presidente...

Sem Senado e tudo pela Mesa da AL

max russi curtinha 400   Presidente regional do PSB-MT, o deputado Max Russi (foto) tem participado das discussões para definição de candidaturas ao Senado, na suplementar de abril, mas não mais como pré-candidato. Seu desafio é outro. A prioridade é a busca da reeleição como...

Lúdio desiste e PT perde com Barranco

ludio cabral 400 curtinha   O deputado Lúdio Cabral (foto) estava se movimentando para tentar convencer o PT a lançá-lo ao Senado, por aclamação, e ainda instigar o diretório estadual a buscar recursos junto à Nacional para a campanha. Mas o tiro saiu pela culatra. O guru do partido no Estado,...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.