Cidades

Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 18h:58 | Atualizado: 18/02/2020, 19h:04

Invasão na UFMT

Estudantes protestam e pedem vigilante armado no entorno de hospital veterinário

Divulgação

Protesto em hospital veterin�rio da UFMT

Grupo protestou após duas invasões que ocorreram no Hospital Veterinário da UFMT em menos de 48 horas. Local foi revirado  e pertences ateados no chão

Um grupo de, aproximadamente 50 pessoas, entre estudantes e professores, do curso de Veterinária da UFMT realizou uma manifestação em frente à reitoria na tarde desta terça (18), após o Hospital Veterinário (Hovet) ter sofrido uma nova tentativa de invasão na noite de ontem (17). Os participantes reividicam pela contratação de um vigilante, que, armado, faça a segurança do local durante à noite. Veterinários estágiarios e residentes também participaram do protesto.

O centro cirúrgico do Hovet já havia sido "revirado" durante a invasão no domingo (16), móveis, equipamento e insumos da unidade médica foram danificados. Imagens mostraram materiais e itens pessoais dos médicos jogados no chão do local. 

Conforme a presidente do Centro Acadêmico de Medicina Veterinária, Helena Inês Santos Lima, há duas semanas, outros criminosos invadiram o setor de Equoterapia, furtaram cinco ventiladores e ração dos animais. Durante a invação, os suspeitos ainda tentaram levar um cavalo usado em tratamentos pelos estudantes. 

Hovet deve voltar a funcionar nesta quarta (19). Os atendimentos estavam suspensos desde a invasão. No entanto, procedimentos cirúrgicos, internações e plantão dos veterinários não serão retomados. Na noite de ontem (17), suspeitos tentaram invadir o local novamente, mas foram flagrados por estudantes que acionaram a Polícia Militar. 

"Como ocorreram os cortes de verba da UFMT, a água mineral dos setores está sendo comprada através de cota entre os pessoas", relatou Helena. 

A reitora da UFMT, Miryam Serra, chegou a falar com os manifestantes e informou que o fato dos seguranças que estavam de plantão na noite de ontem (17) não terem acionado a base da PM do bairro Boa Esperança será investigado. A possibilidade dos vigilantes armados serem mobilizados para o Hovet também está sendo analisada pela reitoria.  

Divulgação

Protesto em hospital veterin�rio da UFMT

Cerca de 50 universitário e professores protestaram pelas ruas do Campus da UFMT na tarde desta terça (18). Reitora prometeu avaliar segurança armado

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Pedrinho | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 21h43
    5
    0

    Não faz isso não, pois Polícia no campus acaba com a alegria da galera que gosta de fumar um paieiro.

  • Junior | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 21h39
    5
    0

    Não entendi também. São contra a PM no campus e querem segurança? Ministério da Saúde já fez esta advertência, mortadela demais faz mal a saúde kkkkkkk

  • Bugre | Terça-Feira, 18 de Fevereiro de 2020, 19h57
    6
    2

    Ué! Mas não são os mesmos estudantes que querem desarmar a polícia? Que são contra o porte armas? Que são a favor do aborto? Agora querem vigilância armada?! Esses petebas e suas sandices.

Vereadores de ROO e trocas de siglas

fabio cardozo 400 curtinha   Em Rondonópolis, praticamente a metade dos vereadores está aproveitando a janela, que se encerra neste sábado, para mudar de partido, e já com as atenções voltadas à reeleição. E, com a dança das cadeiras, o Solidariedade do prefeito Zé do...

Podemos absorve a turma do barulho

O Podemos conseguiu juntar no seu diretório em Cuiabá a turma do barulho. Dela fazem parte dois com mandatos cassados, Abílio Júnior, que perdeu a cadeira de vereador por quebra de decoro, e a senadora Selma Arruda, cassada por caixa 2 e abuso de poder econômico, mas que ainda continua no cargo. Selma impôs condições para seguir no partido. Chegou a negociar ida para o PSC. E ganhou a presidência municipal do Pode, forçando o...

Secretário, furtos e a incompetência

rodrigo metello 400 curtinha   O secretário de Transporte e Trânsito de Rondonópolis, Rodrigo Metello (foto), filiado ao MDB e pré-candidato a vereador, corre risco de ser acionado na Justiça por centenas de pessoas que tiveram motocicletas apreendidas e que depois acabaram furtadas do Pátio Rondon. O local...

Vereador na base e críticas a Leonardo

leonardo 400 curtinha   Chico 2000, vereador pela Capital, assegura que não procede a informação de que o seu Partido Liberal irá romper com o prefeito Emanuel, não o apoiando à reeleição. Segundo ele, foi Leonardo Oliveira (foto), que participou na quarta de uma reunião do...

Embates sobre a cadeira da discórdia

selma arruda curtinha 400   A cadeira da senadora Selma Arruda (foto), que está cassada há um ano mas, mesmo assim, continua no cargo, vem dividindo opinião de vários líderes políticos, uns torcendo logo para a Mesa do Senado decretar a vacância para Carlos Fávaro assumir a vaga, outros...

PL avisa Chico que não apoiará EP

chico 2000 curtinha   O vereador Chico 2000 (foto), único do PL na Câmara de Cuiabá e governista de carteirinha, se mostrou  desconfortável politicamente quando foi informado nesta quinta que a legenda liberal não vai apoiar a reeleição do prefeito Emanuel, do MDB. O partido é comandado no...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.