Cidades

Terça-Feira, 25 de Fevereiro de 2014, 13h:31 | Atualizado: 26/02/2014, 16h:25

Rondonópolis

Liminar proíbe prefeitura de destruir casas dos anos 40 com valor histórico

Prefeitura de Rondonópolis

Casario rondonopolis.jpg

Prefeitura não poderá mexer na estrutura de prédio com valor histórico

A Justiça acatou pedido do Ministério Público e proibiu a Prefeitura de Rondonópolis de realizar quaisquer obras no complexo arquitetônico conhecido como Casario devido ao seu valor histórico e cultural. Também foi requerido o tombamento definitivo do monumento, pois ainda não é oficialmente um patrimônio histórico. A determinação consta em liminar pleiteada por meio da 2ª Promotoria de Justiça Cível da Comarca.

O espaço cultural foi construído na época da fundação da cidade e possui arquitetura dos anos 40. Localizado à margem do rio Vermelho, o Casario é um conjunto de 24 casas feitas de adobe e de alvenaria. Há pouco tempo a prefeitura adquiriu o imóvel por R$ 950 mil e pretendia construir uma cobertura no local, o que alteraria completamente o aspecto visual e histórico. A obra custaria R$ 1,5 milhão.

Na decisão, a juíza Maria Mazarelo Farias Pinto destaca que o pedido trata-se de defesa ao patrimônio cultural da cidade, já que não se pode negar o valor histórico do complexo. O julgamento sobre a importância cultural do prédio foi realizado por historiadoras ouvidas no Inquérito Civil Público. "Ademais, a suspensão da realização de quaisquer obras que modifiquem a estrutura do prédio não está condicionada à prévia existência de tombamento do imóvel. Como ainda não é oficialmente tombado, um novo proprietário poderia promover a ocupação irregular do Casario e até mesmo a sua demolição", diz trecho do parecer. (Com assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Guapo | Quarta-Feira, 26 de Fevereiro de 2014, 09h24
    0
    0

    Parece que esses bando de especuladores imobiliários vieram de outro planeta, sempre querem destruir a historia e a cultura de todos os povos pra colocar um bando de "ser humano que não vale um pequi ruído" dentro de apartamento olhando o Rio Vermelho, sem o mínimo de consciência ecológica. Valeu Ministério público e juíza Maria Mazarelo.

Beto decide em maio quem vai apoiar

beto farias 400 curtinha   O prefeito barra-garcense e empresário Beto Farias (foto), que conclui neste ano o segundo mandato consecutivo, não sabe ainda quem apoiar à sucessão municipal. E só tomará uma decisão em maio, já faltando dois meses para as convenções. Até...

Lucas impõe regras pra cortar energia

luiz binotti 400 curtinha   Em Lucas do Rio Verde, a Energisa está proibida de interromper o fornecimento de energia elétrica, mesmo por inadimplência, sem informar ao consumidor, por escrito e com antecedência de 15 dias, sobre a suspensão dos serviços. O projeto aprovado pelos vereadores se transformou na...

Cidinho declina do convite à suplência

cidinho 400 curtinha   O ex-senador e empresário Cidinho Santos (foto), do PL, declinou do convite para compor uma das suplências da chapa ao Senado de Otaviano Pivetta (PDT). Em princípio, ele havia aceitado ser o primeiro-suplente. Mas questões empresariais não permitem que neste ano Cidinho concorra a cargo...

Conselhos, o populismo e a reeleição

ze do patio 400 curtinha   Em Rondonópolis, o prefeito Zé do Pátio (foto), bastante conhecido pelo perfil populista, busca se apegar cada vez mais às massas. Até para inaugurar um posto de saúde, Pátio, estrategicamente, aproveita para criar, ali na comunidade, os chamados conselhos. Busca debater...

Educação Inclusiva no Nilo Póvoas

marioneide 400 curtinha   A Seduc, sob Marioneide Kliemaschewsk (foto), decidiu desativar a tradicional escola estadual Nilo Póvoas, que funcionava há 50 anos no bairro Bandeirantes, em Cuiabá, o que acabou gerando protesto de pais e alunos. O prédio agora vai abrigar o Centro de Referência em...

Partidos com 2 ou mais pré ao Senado

margareth buzetti 400 curtinha   Dirigentes partidários estão passando apurado, nesta fase de pré-campanha, para conduzir o processo de escolha de candidatura ao Senado para a vaga de Selma Arruda, cassada por crimes eleitorais. Mesmo sabendo que as chances são remotíssimas de êxito nas urnas, alguns...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.