Cidades

Segunda-Feira, 07 de Abril de 2014, 09h:05 | Atualizado: 07/04/2014, 10h:47

Cáceres

Mais 3 presos na Operação Fidare são soltos; Justiça vê arbitrariedade

Mais três presos na Operação Fidare da Polícia Federal em Cáceres foram soltos no domingo (6). Os empresários Lirio Beber, Celia Regina Pacheco Beber e Willian Pacheco Beber conseguiram Habeas Corpus concedidos pelo Tribunal Regional Federal da 1ª região.

Os alvarás de soltura já foram cumpridos e os empresários estão em casa. Caso não conseguissem o HC, eles só sairiam em 1º de maio, com o cumprimento da prisão preventiva de 30 dias.

A Justiça Federal considerou que o encarceramento arbitrário, por isso adiantou a análise dos HCs, inicialmente prevista para hoje (07).

A Operação foi deflagrada na semana passada para desmantelar esquema de desvio de dinheiro de três programas federais Assistência Farmacêutica, de Saúde da Família e Piso de Atenção Básica à Saude, destinados à aquisição de medicamentos.

As irregularidades teriam ocorrido durante a gestão Túlio Fontes (DEM) e as investigações partiram de denúncia feita pelo prefeito Francis Maris (PMDB). Calcula-se que o rombo aos cofres públicos tenha sido de R$ 2,5 milhões.

Além dos empresários, também foram alvos dos mandados de prisão servidores e ex-secretários de saúde Arlene Alcântara, Luiz Landim e Jaqueline Souto Faria Navarro, o secretário municipal de Finanças Odiner Gonçalves, totalizando 113 mandados expedidos. Deste total, 30 são de prisão preventiva, 17 de prisão temporária, 13 de conduções coercitivas e 53 de busca e apreensão. Muitos já estão soltos.

Também foram presos, mas já estão soltos a procuradora e ex-secretária de Saúde, Maria Luiza Vila Ramos de Faro, o servidor do Pronto-Socorro, Diego Antonini dos Santos, o chefe de Gabinete do prefeito Francis Maris, Edson Flávio Santos, além de Jaqueline, recorreram e estão em liberdade.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • pedro paulo | Segunda-Feira, 07 de Abril de 2014, 13h00
    2
    1

    Deve existir algum equívoco em relação ao Odiner, colegas de trabalho de outros órgãos no Governo do Estado, o temos como pessoa íntegra e correta, mas o tempo dirá quem está com a verdade, o ruim disso é que depois que se prova a inocência, nenhuma linha é publicada pela imprensa, a arbitrariedade supera a justiça, primeiro se aplica a pena para depois julgar, esse é o Brasil.

  • marta | Segunda-Feira, 07 de Abril de 2014, 09h55
    4
    0

    esta é a lei no brasil, culpado dessas leis estarem do jeito que estam são os nossos parlamentares em brasilia, que legislam pra eles......e culpado deles estarem la, de quem é?

Candidatos, tensão, debate e bate boca

antoniocarlos   Em debate tenso, na TV Vila Real (do grupo Gazeta) e, após troca de acusações sobre atos de corrupção e servidores fantasmas, os candidatos à Prefeitura de Cuiabá Abílio Júnior (Pode) e Emanuel Pinheiro (MDB) protagonizaram bate boca por mais de uma vez. O clima ficou...

Abílio contrata 400 fiscais para eleição

A campanha do candidato Abílio Júnior (Pode) decidiu contratar 400 fiscais para atuar nesta eleição de domingo. Isso derruba o discurso do candidato do Podemos de que todos atuam de forma voluntária em prol da sua vitória. Aliás, quando questionado sobre a grande estrutura que montou neste segundo turno, inclusive sobre a equipe de marketing, disse que todos são colaboradores. Na sua versão, ninguém recebe pelo trabalho,...

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...

Com Paccola, Câmara terá polêmicas

paccola 400 curtinha   O vereador eleito pela Capital, tenente-coronel PM Marcos Eduardo Ticianel Paccola (foto), do Cidadania, promete levar muitas polêmicas para os embates que pretende travar no Legislativo. Ele é daqueles sem papas na língua. Defende, por exemplo, que a população tenha direito de se armar. Em...

Esposa de deputado na 2ª suplência

maria avalone 400   Não foi só o deputado estadual Wilson Santos que frustrou-se na tentativa de eleger membro da família à cadeira de vereador. O também parlamentar Carlos Avalone, presidente regional do PSDB, apostou todas as fichas na esposa Maria Avalone. Mas ela só chegou à...

Neurilan e apoio de Botelho à AMM

eduardo botelho 400 curtinha   Em busca de apoio de lideranças políticas para permanecer no comando da AMM por mais três anos, Neurilan Fraga foi pedir socorro para o presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho (foto). Quer que o parlamentar seja o presidente de honra de sua chapa. Neurilan tem se articulado como pode e,...