Cidades

Quinta-Feira, 12 de Dezembro de 2019, 10h:02 | Atualizado: 12/12/2019, 10h:12

Fim da novela

Nomeação de reitora conclui criação da Universidade Federal de Rondonópolis

Assessoria

no,meadareitora_ufr

Reitora Analy Castilho ao lado de Wellington e de outras autoridades de Rondonópolis 

O Ministério da Educação nomeou a professora Analy Castilho Polizel como reitora pro tempore da recém-criada Universidade Federal de Rondonópolis (UFR). A publicação ocorreu ontem (11) e marca o último ato de criação da instituição de ensino. “Agora será possível determinar os atos necessários para que a UFR passe a existir de fato e de direito”, disse o senador Wellington Fagundes (PL-MT), que tem base eleitoral em Rondonópolis.

Autor do primeiro projeto de criação da UFR, ainda em 2005, ele destaca que a nomeação da reitora não encerra quase 15 anos de muita luta de toda a comunidade rondonopolitana. Foi aprovado na Comissão de Ciência e Tecnologia do Senado um requerimento para realização de audiência pública para tratar dos projetos que possam evidenciar a implantação de uma universidade voltada ao desenvolvimento regional.  

“Queremos ofertar as condições e oportunidades para a população do Sul e Sudeste de Mato Grosso, especialmente para os jovens”, acrescentou. Para a audiência, foram convidados os ministros Marcos Pontes, de Ciência; e Abraham Weintraub, de Educação; e os presidentes das duas comissões, senadores Dario Berger (SC) e Vanderlan Cardoso (GO).

Para o presidente da Comissão de Educação do Senado, a implantação da UFR “é uma conquista de valor imensurável” já que representa a implantação de “um polo irradiador de cultura, de educação, de ciência, de tecnologia, do desenvolvimento e de formação de pessoas, especialmente de jovens que representam o futuro do nosso país”.

A UFR já possui 19 cursos de graduação para atender Rondonópolis e região: Pedagogia, História, Matemática, Geografia, Ciências Biológicas, Ciências Econômicas, Medicina, Sistemas de Informação, Letras (com Habilitação em Português e em Inglês), Ciências Contábeis, Biblioteconomia, Licenciatura em Informática, Zootecnia, Psicologia, Enfermagem, Engenharia Mecânica, Engenharia Agrícola e Ambiental, e Administração (modalidade EAD).

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Partidos com 2 ou mais pré ao Senado

margareth buzetti 400 curtinha   Dirigentes partidários estão passando apurado, nesta fase de pré-campanha, para conduzir o processo de escolha de candidatura ao Senado para a vaga de Selma Arruda, cassada por crimes eleitorais. Mesmo sabendo que as chances são remotíssimas de êxito nas urnas, alguns...

Muitos cuiabanos votam em Chapada

thelma de oliveira 400 curtinha   A ex-deputada federal Thelma de Oliveira (PSDB), que em 2016 transferiu o domicílio eleitoral de Cuiabá para Chapada dos Guimaráes, já está trabalhando nos bastidores o projeto de reeleição. E, agindo nos bastidores e de forma estratégica, ela conseguiu um...

Câmara cassará 4º eleito em 11 anos

ricardo saad 400   O emblemático e inconsequente Abílio Júnior (PSC) caminha para entrar para os anais da Câmara de Cuiabá como o quarto vereador a ter o mandato cassado nos últimos 11 anos. Parecer da Comissão de Ética, sob relatoria de Ricardo Saad (foto), é pela perda da cadeira...

Apto, ex-prefeito vai disputar Chapada

gilberto mello 400 curtinha   O ex-prefeito de Chapada dos Guimarães, Gilberto de Mello (foto), contesta registro no Curtinhas, citando que ele estaria inelegível por responder a alguns processos e ter amargado condenações pela Justiça - saiba mais aqui. Filiado ao PL e disposto a ir à...

PT-Cuiabá sugere disputa ao Senado

bob pt 400 curtinha   Em resolução do diretório de Cuiabá, aprovada nesta quinta após discussões ampliadas, o PT municipal, presidido por Bob Almeida (foto), decidiu recomendar à Executiva Estadual o projeto de candidatura própria ao Senado. O documento dispara críticas tanto ao Governo...

Prefeituras agora pagam 27% de TIP

neurilan fraga 400 curtinha   A reforma tributária do governo estadual, aprovada pelos deputados, incluiu 27% de taxa de iluminação pública. Antes eram isentos. Com a cobrança do tributo, a conta de energia das prefeituras vai às alturas. A fatura de Cuiabá vencida em 28 de dezembro, por exemplo, foi...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.