Cidades

Sábado, 22 de Fevereiro de 2014, 17h:43 | Atualizado: 22/02/2014, 18h:52

Chapada dos Guimarães

Prefeito acredita que pedágio lesa população e se diz contra implantação

Divulgação

pedagio_mt_251.jpg

A Prefeitura de Chapada dos Guimarães também não quer pedágio em Rodovia

O prefeito de Chapada dos Guimarães, José Neves (PSDB), afirma que é contra o pedágio da MT-251, que está nas últimas fases de discussão para abrir processo de licitação. Segundo ele, pelas conversações e reuniões que vêm acontecendo, é unânime o desagrado da comunidade chapadense. O gestor conta que tem participado de discussões e audiências públicas. “O clima é de revolta. Vou fazer tudo ao meu alcance para tentar impedir”, garante.

Neves explica que há três motivos principais para a reclamação contra o pedágio. O primeiro é que o município não possui universidades, por isso, diariamente, muita gente vai até Cuiabá para frequentar as aulas. Com as taxas, três no trecho entre as duas cidades, o estudante teria que desembolsar R$ 24,60 por dia para ir e voltar de Cuiabá a Chapada, isso durante a semana. No final de semana o valor subiria para R$ 34,60.

Outro ponto a ser considerado é o fato de pequenos produtores usarem a rodovia para escoar produção para venda e o pedágio encareceria consideravelmente a mercadoria. E, por último, o prefeito, comerciantes e hoteleiros acreditam que o fluxo de turistas diminuiria muito com a instalação das praças, o que causaria impacto na economia local, que sobrevive de turismo.

A forma de combater a instalação do pedágio, segundo Neves, é a movimentação dele e da população junto à Assembleia, assim como manifestações sociais. “Se tiver possibilidade de lutar juridicamente contra isso, nós também vamos fazer”, acrescenta. 

Há movimentação em várias Câmaras de Vereadores do Estado que se juntam contra a instalação da cobrança, além de mobilização da sociedade organizada. Os grupos já chegaram a fechar rodovia em protesto, na última semana.

MT-130 é fechada por manifestantes que pedem fim do pedágio

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Câmara cassará 3º eleito em 11 anos

ricardo saad 400   O emblemático e inconsequente Abílio Júnior (PSC) caminha para entrar para os anais da Câmara de Cuiabá como o terceiro vereador a ter o mandato cassado nos últimos 11 anos. Parecer da Comissão de Ética, sob relatoria de Ricardo Saad (foto), é pela perda da cadeira...

Apto, ex-prefeito vai disputar Chapada

gilberto mello 400 curtinha   O ex-prefeito de Chapada dos Guimarães, Gilberto de Mello (foto), contesta registro no Curtinhas, citando que ele estaria inelegível por responder a alguns processos e ter amargado condenações pela Justiça - saiba mais aqui. Filiado ao PL e disposto a ir à...

PT-Cuiabá sugere disputa ao Senado

bob pt 400 curtinha   Em resolução do diretório de Cuiabá, aprovada nesta quinta após discussões ampliadas, o PT municipal, presidido por Bob Almeida (foto), decidiu recomendar à Executiva Estadual o projeto de candidatura própria ao Senado. O documento dispara críticas tanto ao Governo...

Prefeituras agora pagam 27% de TIP

neurilan fraga 400 curtinha   A reforma tributária do governo estadual, aprovada pelos deputados, incluiu 27% de taxa de iluminação pública. Antes eram isentos. Com a cobrança do tributo, a conta de energia das prefeituras vai às alturas. A fatura de Cuiabá vencida em 28 de dezembro, por exemplo, foi...

Vereadores, Tapurah, reajuste e férias

odair tapurah vereador curtinha 400   Em Tapurah, no Nortão, com menos de 15 mil habitantes, seus nove vereadores iniciam o 2020 com salário reajustado em 4,48%, seguindo a tabela do INPC. Mesmo ainda em férias, eles vão receber já na folha de janeiro R$ 5,8 mil cada. No caso do presidente Odair César Nunes...

Vereador, reunião e apoio a músicos

diego guimaraes curtinha 400   Músicos e representantes da Prefeitura de Cuiabá sentaram à mesa nesta quinta, na Câmara Municipal, para tentar resolver impasse sobre horário de funcionamento e volume do som nos estabelecimentos e também estudar ajustes na lei do Disk-Silêncio. O presidente da...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.