Cidades

Sábado, 25 de Janeiro de 2014, 07h:15 | Atualizado: 25/01/2014, 07h:23

Prefeito diz ter cortado boquinha

Francis diz que é um gestor impopular porque cortou benefícios ilegais

Gláucia Colognesi

buracos desvio- copa

Prefeito Francis acredita que acabou com caos em Cáceres

Após pouco mais de ano à frente da gestão de Cáceres, o prefeito Francis Maris Cruz (PMDB) -  alvo de duras críticas, especialmente por parte dos servidores, atribui a instabilidade política vivida ao fato dele ter “retirado a boquinha” de muitos servidores e funcionários da prefeitura e de secretarias.

Uma das medidas que mais causaram polêmica, segundo ele, foi a reforma administrativa de incorporações indevidas. De acordo com o gestor, graças a medida, a administração vai economizar R$ 10 milhões até o fim do seu mandato.

"Mudou da água para o vinho, garante gestor"

Os cortes provocaram descontentamento por parte dos servidores que fizeram uma série de greves. “Foi um remédio amargo para a sociedade”, comenta o prefeito. Ele faz questão de frisar ainda que todas as paralisações foram julgadas e sentenciadas como ilegais.

O prefeito lembra ainda que, quando assumiu o cargo em janeiro de 2013, a situação da prefeitura era caótica e que hoje “mudou da água para o vinho”. Pondera que uma das suas primeiras medidas foi pagar os salários atrasados dos servidores.

Entre os avanços elencados por Francis neste primeiro ano está a modernização da saúde por meio da compra de um software que liga hospitais e postos de saúde, além da chegada de médicos por meio do Programa Mais Médicos, do governo federal. Ele cita também melhorias na infraestrutura por meio de pavimentação e patrolamento.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Erasmo Cabreira dos Santos | Sábado, 25 de Janeiro de 2014, 13h45
    0
    0

    Prefeito, hoje 25/01/2014 não tem médico no Pronto Atendimento Municipal de Cáceres, e conforme informações amanhã também não terá médico no pronto socorro municipal, esta é a saúde moderna? sem médicos? sem medicamentos?, e as ruas da cidade, cheias de buracos, onde alguns desses buracos já estão subindo nas árvores aguardando espaço para cair, onde será que estão essas obras de pavimentação asfaltica? senhor prefeito pagar salário do servidor em dia uma obrigação. Se Cáceres mudou da água para o vinho, só se for vinho azedo. Ministério público com a palavra!!!

Matéria(s) relacionada(s):

Apto, ex-prefeito vai disputar Chapada

gilberto mello 400 curtinha   O ex-prefeito de Chapada dos Guimarães, Gilberto de Mello (foto), contesta registro no Curtinhas, citando que ele estaria inelegível por responder a alguns processos e ter amargado condenações pela Justiça - saiba mais aqui. Filiado ao PL e disposto a ir à...

PT-Cuiabá sugere disputa ao Senado

bob pt 400 curtinha   Em resolução do diretório de Cuiabá, aprovada nesta quinta após discussões ampliadas, o PT municipal, presidido por Bob Almeida (foto), decidiu recomendar à Executiva Estadual o projeto de candidatura própria ao Senado. O documento dispara críticas tanto ao Governo...

Prefeituras agora pagam 27% de TIP

neurilan fraga 400 curtinha   A reforma tributária do governo estadual, aprovada pelos deputados, incluiu 27% de taxa de iluminação pública. Antes eram isentos. Com a cobrança do tributo, a conta de energia das prefeituras vai às alturas. A fatura de Cuiabá vencida em 28 de dezembro, por exemplo, foi...

Vereadores, Tapurah, reajuste e férias

odair tapurah vereador curtinha 400   Em Tapurah, no Nortão, com menos de 15 mil habitantes, seus nove vereadores iniciam o 2020 com salário reajustado em 4,48%, seguindo a tabela do INPC. Mesmo ainda em férias, eles vão receber já na folha de janeiro R$ 5,8 mil cada. No caso do presidente Odair César Nunes...

Vereador, reunião e apoio a músicos

diego guimaraes curtinha 400   Músicos e representantes da Prefeitura de Cuiabá sentaram à mesa nesta quinta, na Câmara Municipal, para tentar resolver impasse sobre horário de funcionamento e volume do som nos estabelecimentos e também estudar ajustes na lei do Disk-Silêncio. O presidente da...

Antes, durante e depois de Bolsonaro

wilson kero-kero 400 curtinha   O vereador pela Capital, Wilson Kero-Kero (foto), que era do SD e se filiou ao PSL em 2015, muito antes da chegada do hoje presidente Bolsonaro, vai aproveitar a janela de março e pular para o Podemos. Isso não quer dizer que ele deixará de defender o governo do capitão. Assegura que...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.