Cidades

Quarta-Feira, 12 de Junho de 2019, 10h:06 | Atualizado: 12/06/2019, 10h:20

Prestes a serem demitidos, motoristas de Rondonópolis entram em greve nesta 4ª

AgoraMT

Greve Cidade de Pedra

Trabalhadores da Cidade de Pedra realizam protesto no pátio da empresa na manhã desta terça; eles temem a perda de emprego e querem solução

Após receber o aviso prévio de demissão, cerca de 150 trabalhadores da empresa Cidade de Pedra, responsável pelo transporte coletivo em Rondonópolis (a 218 km de Cuiabá), cruzaram os braços na manhã desta quarta (12). Todas as frotas estão paradas e quase 17 mil pessoas foram afetadas. Os funcionários buscam na prefeitura uma solução para os problemas.

A paralisação não partiu de uma organização ou reunião sindical, mas o Sindicato dos Transportes Terrestres de Rondonópolis (STTR) apoia o movimento. Como adiantado no Blog do Romilson, a decisão partiu da empresa e dos próprios trabalhadores. A Cidade de Pedra é a única responsável pelo transporte coletivo no município e mantém um contrato emergencial com o Executivo municipal desde 2014.

A cidade pode ainda ficar sem o transporte a partir de julho, conforme adianta pela reportagem do . Isto pelo fato de a empresa já ter avisado a prefeitura que vai deixar o município no dia 30 deste mês. A solução seria o prefeito Zé Carlos do Pátio (SD) lançar uma licitação para conceder o serviço a uma nova empresa, mas três certames já foram elaborados e não apareceu ninguém.

Segundo o presidente sindical Luiz Gonçalves da Costa, os trabalhadores reivindicam uma solução do transporte por meio da licitação e também para eles próprios, já que ficarão sem emprego a partir de julho. É esperado que o secretário Rodrigo Metello de Oliveira, responsável pelo transporte e trânsito em Rondonópolis, vá conversar com os motoristas ainda nesta quarta para convencê-los a voltar a trabalhar. Mas, para o presidente sindical, o único argumento capaz de mudá-los de idéia é em relação aos seus empregos. “Garantir a eles os postos de trabalho”, disse.

Em nota, a Prefeitura de Rondonópolis pontuou que "não havia sido comunicada sobre a paralisação dos funcionários" e disse que, foi feito acordo no dia 28 de fevereiro, em que "a empresa atuaria em Rondonópolis até que fosse feita nova licitação".

"Para que isso fosse possível, ficou definido que a passagem passasse de R$ 3,80 para R$ 4,10, levando-se em conta que não havia reajuste há mais de um ano e meio. Já o repasse da prefeitura para a empresa referente ao passe-livre estudantil que era de 38% no valor da passagem, subiu para 50%", explica.

A paralisação não afetou os estudantes da rede pública da qual é responsável (crianças de seis meses até três anos, além da educação infantil), segundo a prefeitura. Os alunos da zona rural e urbana são transportados em ônibus da frota municipal de educação. "Não houve nenhum tipo de informação de escolas e creches municipais com relação a faltas resultadas pela paralisação do transporte coletivo", aponta.

A reportagem tentou entrar em contato com a empresa Cidade de Pedra, mas não obtivemos retorno até a publicação.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Jackson, enfim, nomeado ao TRE-MT

jackson 400 curtinha tre   O presidente Bolsonaro, enfim, escolheu, de uma lista tríplice, quem passa a compor o Pleno do TRE-MT no cargo de juiz titular, na categoria jurista, para dois mandatos de mandato. Trata-se de Jackson Francisco Coutinho (foto), que desde o ano passado já atua como juiz-membro substituto no Tribunal. Nos...

Com mais de 60 prefeitos e esposas

mauro mendes virginia 400   Acompanhado do governador e esposo Mauro, a primeira-dama Virginia Mendes recebeu para um jantar no Palácio Paiaguás, na segunda, mais de 60 primeiras-damas, além de prefeitos e outras autoridades. O governador, que promoveu o encontro, aproveitou para expor números, ações e...

UPA do Verdão vai ser entregue - veja

emanuel pinheiro 400 curtinha   O prefeito Emanuel Pinheiro programa inaugurar na primeira quinzena de dezembro a UPA do Verdão (próximo à Arena Pantanal), uma nova e moderna estrutura que terá capacidade de atendimento de cerca de 12 mil pessoas por mês - veja aqui o vídeo que mostra a obra em fase...

Capital transmite final da Copa Verde

O Cuiabá Esporte Clube enfrenta o Paysandu hoje, às 20h, pela final da Copa Verde, no estádio Mangueirão. O Dourado precisa vencer por dois gols de diferença para ficar com o título. Caso a vitória seja por um gol de diferença, a decisão vai para os pênaltis. A Capital FM 101.9, que acompanha o futebol regional desde início do ano, será a única rádio de Cuiabá que fará a...

Um dos cuiabanos na final Fla x River

leonardo campos curtinha 400   O presidente da OAB-MT, Leonardo Campos, o Leo Capataz, é um dos flamenguistas de Cuiabá que já estão em Lima ou que ainda vão embarcar rumo à capital do Peru para assistir a final da Copa Libertadores entre Flamengo e o argentino River Plate. O confronto será...

Políticos em peso em evento do HMC

A solenidade que marcou a entrega do HMC em Cuiabá, nesta segunda (19), está sendo considerada o evento do ano para o prefeito Emanuel. Ele conseguiu motivar a presença de diversas lideranças políticas, empresariais e de diferentes setores. Para se ter uma ideia, dos 11 membros da bancada federal, 8 estavam presentes, assim como 16 dos 24 deputados estaduais e 17 dos 25 vereadores. Também marcaram presença dezenas de prefeitos e outros...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.