Cidades

Quinta-Feira, 23 de Maio de 2019, 18h:28 | Atualizado: 23/05/2019, 19h:44

Professor que tentou "tirar demônio" de aluna é exonerado da Unemat após 7 anos

Reprodução

Unemat Alta Floresta

Docente exonerado da Unemat em Alta Floresta deixou o país em 2013, após polêmicas

Um professor do campus da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat) em Alta Floresta (a 803 km de Cuiabá) foi exonerado após permanecer seis anos sem aparecer na instituição de ensino. O docente, que é angolano, havia retornado ao seu país de origem em junho de 2013.

A exoneração do professor foi publicada no Diário Oficial de quarta (22). A Unemat havia aberto um procedimento para apurar o abandono de cargo.

A unidade alega que criou um processo de exoneração em junho de 2013, logo que foi informada que o docente havia deixado o país. No entanto, argumenta que como o servidor já não estava mais no Brasil, ele não assinou o documento para confirmar a saída do cargo. Desta forma, foram necessários quase seis anos para que representantes da universidade concluíssem o procedimento de exoneração e dessem o prazo necessário para atestar que ele não retomaria a função.

O angolano deixou o Brasil após se envolver em polêmicas enquanto lecionava no departamento de Ciências Biológicas de Alta Floresta. Conforme a Unemat, anos antes de deixar o Brasil, ele foi alvo de dois Procedimentos Administrativos Disciplinares (PAD): um por acusação de homofobia contra um estudante e outro por ter feito uma espécie de “tentativa de tirar demônio” de uma aluna que estava tendo convulsões.

Conforme notícia de 1° de março de 2012, no site MT Agora, uma universidade de 17 anos registrou boletim de ocorrência contra o professor. Ela relatou que teve uma crise convulsiva e ele começou a ridicularizá-la.

O irmão da universitária, que estudava na mesma turma que ela, relatou, na época, que o professor a apertou com força enquanto ela tinha a crise. "Nós pedimos para ele parar, porque estava machucando. Ele disse que tinha avisado que ela estava com o Demônio e o Satanás no corpo, que tinha que tirar isso, ali com ela se batendo no chão. Nós ficamos bravos com ele", relatou o rapaz, em 2012.

A Unemat instaurou um PAD para apurar o caso. No ano anterior, ele já havia sido alvo de outro procedimento, por um caso de suspeita de homofobia, relatado por um aluno – a universidade não deu detalhes sobre a situação. Os dois procedimentos, porém, foram arquivados desde que o angolano deixou o Brasil.

Em razão dos imbróglios com os alunos, o professor foi suspenso pela instituição de ensino por meses.

De acordo com a universidade, o docente não recebe salário desde junho de 2013. A instituição afirmou, por meio da assessoria de imprensa, que suspendeu os pagamentos desde a descoberta de que o angolano havia deixado o país.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • paulo roberto | Quinta-Feira, 23 de Maio de 2019, 19h37
    12
    0

    Isso é o que chamo de agilidade processual, levar 7 anos para concluir........kkkkkkkkkk

Matéria(s) relacionada(s):

Júlio, do DEM, vê boa gestão de EP

julio campos 400 curtinha   Júlio Campos (foto), uma das lideranças históricas do DEM, foi "apertado" nesta sexta, em entrevista a Antero de Barros, na rádio Capital FM, especialmente sobre o fato do ex-governador e ex-senador demonstrar simpatia e apoiar a gestão do prefeito Emanuel, enquanto outros do partido...

Empresário ensaia de novo em ROO

 luizao_curtinha400   Em Rondonópolis, o empresário Luiz Fernando de Carvalho, o Luizão, dono da Agro Ferragens Luizão, ensaia mais uma vez disputar a prefeitura. Como a sua pré-candidatura não é considerada novidade, ele é visto como uma espécie de "cavalo paraguaio", que tem arrancada...

2 governistas prontos para a briga

chico2000_curtinha400   O prefeito Emanuel tem 2 aliados de primeira hora na Câmara que não resistem a uma provocação. Tratam-se de Renivaldo Nascimento (PSDB) e Chico 2000 (foto), do PL. Sabendo do estopim curto, os vereadores de oposição, especialmente Diego e Abílio, não perdem a chance de...

Niuan agora sob rédeas do Podemos

niuan ribeiro curtinha 400   O vice-prefeito Niuan Ribeiro, agora no Podemos, se torna obrigado, conforme exigência estatutária, a contribuir com 5% dos R$ 15 mil que recebe mensalmente . Ou seja, vai ter que repassar R$ 750 para o seu novo partido. Considerado um partido com novas concepções, regras e exigências, o...

Efeito-senado e briga no ninho tucano

carlos-avalone_curtinha400   O deputado estadual Carlos Avalone não tem certeza de que o acordo pré-estabelecido para ele se tornar presidente do PSDB-MT, a partir de fevereiro, ou seja, daqui 5 meses, será cumprido. Pela costura entre a cúpula tucana, Paulo Borges renunciaria à presidência, abrindo assim...

Pivetta vai despachar em 2 gabinetes

otaviano pivetta 400 curtinha   O governador em exercício a partir desta quinta, empresário Otaviano Pivetta (foto), vai dividir o tempo no Palácio Paiaguás pelos próximos oito dias despachando em dois gabinetes. Ora sentará na cadeira do titular Mauro Mendes, que viajou numa comitiva para a Bolívia,...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.