Cidades

Segunda-Feira, 16 de Setembro de 2019, 07h:15 | Atualizado: 16/09/2019, 15h:15

SOBREVIVENTE

"Saí de casa escondida dos pais para comer baguncinha e quase morri" - relato

bárbara

Bárbara teve traumatismo craniano e ficou em coma por 1 mês 

Bárbara Braun, de 25 anos, cuiabana, estudante de Medicina, não costumava mentir para os pais, mas naquela noite de 27 de janeiro de 2012 ela fez isso pela primeira vez. Saiu escondida de casa, à noite, com dois amigos, de carro, para comer um baguncinha. Estava chuviscando.

Passando pela avenida Miguel Sutil, perto do Comper e da Todimo, o carro, um Chevrolet Ágile, sofreu aquaplanagem, ou seja, deslizou na pista e bateu em uma árvore. O impacto foi tão grande que arrancou a árvore do chão.

Bárbara estava no banco do carona ao lado do motorista, de cinto. Mas, mesmo assim, com a batida forte, sofreu traumatismo craniano, contusão pulmonar e ficou em coma por 1 mês. O estado era grave, havia o temor dela morrer. Mas, contrariando a previsão, sobreviveu.

Quando acordou do coma, sem sequelas, sentiu-se agraciada por um milagre de Deus.

“Vejo casos de acidentes muito mais amenos do que o meu foi e as pessoas acabam ficando sequeladas e muitas vezes morrem e cheguei muito perto da morte”.

Além de Bárbara, seguiam no Ágile Alexandre Campos Furlan Filho, na época com 17 anos, filho do ex-secretário de Estado, Alexandre Furlan, ao volante, e uma amiga no banco de trás, sem cinto. Alexandre não se machucou. A carona de trás fraturou os fêmures, que são ossos da coxa, e os punhos, mas não correu risco de morte.

Pedindo punição ao motorista, por ser menor de idade, o Ministério Público representou contra Alexandre e, no Judiciário, ele ficou obrigado a fazer serviços comunitários, entre eles limpeza no zoológico da UFMT.

Midianews

Ágile acidente

Ágile conduzido por um amigo de Bárbara ficou muito amassado do lado em que ela estava

Reavaliação

O tempo voa. Já se passaram 7 anos desde aquela noite...Bárbara está mais madura e prestes a se formar médica. Além de alguma perda de memória, saiu praticamente ilesa do acidente.

“Nada é em vão, serviu para me mostrar que realmente tenho uma missão na vida e só tenho a agradecer por tudo”, avalia. “Não me arrependo de nada, porque cresci muito. Depois disso, minha vida mudou completamente”.

Descobriu o “amor de Deus”. Aproximou-se da família, que “é tudo na vida da gente, o bem mais precioso”. Ficou mais atenta ao que realmente importa. “Sofri muito, mas sei o quão abençoada sou, então só tenho a agradecer”.

Casos fatais

Em Cuiabá, são registrados em média 20 acidentes por dia, de menor e maior gravidade, com ou sem vítimas, incluindo atropelamentos. O caso de Bárbara se enquadra aí e ela escapou de uma estatística mais preocupante, que são os casos com óbitos.

Dados do Boletim Epidemiológico Programa Vida no Trânsito 2018, diagnóstico elaborado pela Prefeitura, mostram que, em média, a cada 4 dias uma pessoa morre desta maneira inesperada na Capital. Sai de casa, por um motivo ou outro, e não volta mais. O somatório do ano passado foi 108 perdas humanas. Pessoas, em tese, saudáveis, que, da hora para hora, dão adeus a parentes e amigos.

O infográfico abaixo mostra que ocorrências fatais aumentaram nos 2 últimos anos - 2017 e 2018 - em 20%. Morrem mais vítimas jovens de 18 a 25 anos, homens de moto, em dias de sábado e domingo.

Rodinei Crescêncio

info trânsito

Mensagem

A mensagem de alerta que Bárbara e os dados confirmam é que o veículo poder ser uma máquina mortífera, se usado sem responsabilidade.

Não usar cinto de segurança, para ela, é um erro imperdoável. “Protege, salva vidas, graças ao cinto estou vida, ele não está lá à toa. Entrou no carro? Coloque o cinto por favor”, aconselha.

Aos 17 anos, ela se importava muito com as amizades, gostava muito de sair, queria ter uma vida legal, pensamento comum quando se é jovem. “Hoje vejo que tudo isso não é tão importante. O que realmente importa vai muito além de aparência e bem-estar momentâneos”.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Alison Souza | Segunda-Feira, 16 de Setembro de 2019, 12h48
    3
    12

    Vale a pena ressaltar que é muito importante ter um bom seguro de proteção pessoal, caso fique incapacitado de trabalhar por conta de uma invalidez acidental ou por conta de uma doença grave, este tipo de seguro irá manter sua renda por um período determinado. Alison Souza, Especialista em Proteção de Renda.

  • Anastácio | Segunda-Feira, 16 de Setembro de 2019, 09h51
    18
    13

    Comer baguncinha?! Çei...

  • vladimir palma | Segunda-Feira, 16 de Setembro de 2019, 09h29
    11
    1

    graças a deus não houve sequelas a vida nós prega cada situação.

Matéria(s) relacionada(s):

Will sai do PSDB e adere ao Podemos

itamar Will 400   O líder comunitário do bairro Pedro 90 Itamar Will, conhecido por fazer a defesa apaixonada do ex-governador Pedro Taques nos grupos de Whatsapp, apresentou carta de desfiliação do PSDB após 22 anos de militância  e está aderindo ao Podemos. Agora, passa a ser...

Advogado de MT toma posse no CARF

thiago dayan curtinha advogado 400   O advogado Thiago Dayan (foto) tomou posse no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (CARF), em Brasília, na última terça (15). Ele se tornou o único representante de Mato Grosso no Conselho Federal, responsável por julgar decisões de instância administrativa,...

Dutrinha será reinaugurado só em abril

francisco vuolo curtinha 400   Convocado a comparecer nesta quarta à reunião da Comissão de Trabalho, Administração, Serviços e Obras da Câmara Municipal, para explicar sobre a situação do estádio Dutrinha, especialmente em relação ao andamento das obras, o...

Botelho, vaidade e implante capilar

Eduardo Botelho _ 400   Vaidoso, o presidente da AL Eduardo Botelho vai se submeter a um procedimento estético. Se afasta por uma semana para realizar um implante capilar. Bem humorado, anunciou que ficará fora alguns dias para atender pedidos femininos. Depois, disse que vai usar boné e pediu para não ser fotografado...

CPI da Energisa e resultado incerto

elizeu_curtinha_400   O deputado de primeiro mandato Elizeu Nascimento (foto) vai presidir os trabalhos da CPI da Energisa, que realiza a sua primeira reunião nesta 4ª. Thiago Silva, Paulo Araújo e Carlos Avalone vão atuar ativamente nas investigações, sendo membros titulares, mas o resultado ainda é...

Prefeito Pátio tira verba da Santa Casa

jose medeiros 400 curtinha   O ex-senador e deputado federal José Medeiros (foto) reclama da postura oportunista do prefeito Zé do Pátio, de Rondonópolis. Explica que, por meio de emenda de bancada, foram destinados R$ 12,9 milhões para a Santa Casa atender pacientes do SUS da região Sul, compreendendo 20...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O que você acha das denúncias, principalmente sobre pagamento de propina, feitas pelo ex-presidente da AL José Riva, que tenta fechar delação?

São verdadeiras

Nem tudo é verdade

Acho que ele está mentindo

Não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.