Cidades

Sábado, 08 de Fevereiro de 2014, 08h:01 | Atualizado: 10/02/2014, 13h:49

Legislativo

Secretária crê que mudanças feitas por Percival vão melhorar a gestão


de Rondonópolis

Rdnews

ana_carla_interna.jpg

Secretária de Educação de Rondonópolis, Ana Carla

A secretária de Educação de Rondonópolis, Ana Carla Muniz (PPS), defendeu as mudanças propostas pelo prefeito, Percival Muniz (PPS), para diminuir a quantidade de secretarias que fazem parte atualmente da administração municipal. No novo contexto, a secretária não ficaria somente à frente da Educação, mas ganharia ainda as pastas de Cultura – criada recentemente e que já deve ser dissolvida – e de Esporte. As duas secretarias seriam incorporadas à de Educação. 

Segundo Ana Carla, a medida vem modernizar a administração pública e enxugar a máquina. “Parabenizo Percival pela iniciativa. Tudo isso partiu de um estudo realizado pelas equipes da prefeitura e tenho certeza de que a sociedade vai concordar e apoiar as mudanças, uma vez que deixarão a administração mais enxuta”, disse. 

A secretária afirmou também que, mesmo com uma maior responsabilidade, se assumir a Cultura e o Esporte contará com equipes capacitadas para auxiliá-la nos trabalhos. “Não estarei sozinha para executar essa demanda. Virão equipes treinadas das duas pastas para trabalharmos em conjunto e desenvolver um bom serviço à população de Rondonópolis”, frisou.  

Na última semana, Percival propôs uma série de mudanças a fim de cortar gastos, solicitando – inclusive – que todos os secretários colocassem os cargos à disposição. As alterações são em decorrência da elevação dos gastos públicos no último ano e do pequeno crescimento da receita do município, que subiu apenas 7,01%. Em 2013, a prefeitura gastou R$ 40 milhões acima do que foi arrecadado. Agora, o Executivo municipal terá que atingir R$ 4 milhões em cortes de pessoal, o que começou a ser feito de “cima para baixo”.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • NILIS MARQUES | Segunda-Feira, 10 de Fevereiro de 2014, 10h10
    1
    0

    Eu como cidadão aprovo essa mudança do Prefeito em enxugar a máquina, pois compreendo que não há necessidade de haver tantas secretarias em um Município, isso cabe ao Governo do Estado que trabalha com os 141 Municípios, e não a uma cidade em que as demandas não são tantas; e no fundo no fundo; acaba virando um cabide de emprego. Parabéns ao prefeito pela iniciativa, e que outros tenham a mesma coragem de valorizar cada centavo que o município gasta com: saúde, educação e segurança e etc...

Prefeito e sobrepreço em álcool gel

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), e sua secretária de Saúde, Manoela Nunes, têm cinco dias para apresentar defesa prévia ao TCE sobre uma denúncia de superfaturamento na compra de materiais de higienização destinados à prevenção do...

Procon decide fazer audiências virtuais

rosamaria 400 curtinha   Por causa da pandemia, que levou à suspensão dos serviços presenciais, a secretária estadual Rosamaria Ferreira (foto), de Assistência Social e Cidadania, e o adjunto de Proteção e Defesa dos Direitos do Consumidor, Edmundo da Silva Taques, decidiram que agora o Procon-MT...

Empolgado e já morando em VG

emanuelzinho 400   O deputado federal Emanuelzinho (foto), do PTB, está tão empolgado com a possibilidade de concorrer a prefeito de Várzea Grande que não só transferiu o domicílio eleitoral de Cuiabá para o município vizinho, ainda no ano passado, como também alugou um apartamento...

Prorrogação de mandatos até 2022

Muitos prefeitos e vereadores já trabalham com a hipótese de ganharem mais dois anos de mandato, "esticando" o atual para 2022. O Senado está prestes a aprovar uma PEC para tornar coincidentes os mandatos eletivos. Nesse caso, mandato dos prefeitos, vice e dos vereadores, eleitos em 2016, teria duração de seis anos. E, a partir das urnas de 2022, as eleições passariam a ser gerais para presidente, governadores, prefeitos, senadores, deputados e...

"Cenário apocalíptico" e respiradores

z� do patio 400 curtinha   Um mês depois do escândalo sobre a compra e pagamento de quase R$ 4 milhões por 22 respiradores falsificados, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, tomou duas decisões, mas nenhuma delas no sentido de investigar eventuais falhas de servidor da...

Binotti, a popularidade e a oposição

luiz binotti 400 curtinha   O grupo político do hoje vice-governador Otaviano Pivetta, que comandou Lucas do Rio Verde por mais de duas décadas, terá dificuldades para reconquistar o comando local no pleito deste ano. O pré-candidato Marino Franz, que foi vice de Pivetta e depois prefeito, será o...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.