Edésio Adorno

Baixaria em baixa na política

Por 23/10/2020, 08h:15 - Atualizado: 23/10/2020, 08h:22

Dayanne Dallicani

Colunista Ed�sio Adorno

Foi-se o tempo em que baixarias, ofensas e ataques a adversários no horário gratuito no Rádio e na TV rendiam dividendos eleitorais. Apostar nessa estratégia é certeza de caixão e vela preta. O eleitor está de olho mesmo é no ‘prontuário’ do candidato, nas propostas que apresenta e em seu histórico de interação com a comunidade.

Aparecer apenas em época de eleição e se apresentar como salvador da pátria é tática ultrapassada. Uma candidatura majoritária não se constrói da noite para o dia na base da bravata, da falácia. É possível que o arranca-rabo e as refregas mais acaloradas ainda surtam algum efeito nos grandes centros urbanos, onde o sentimento de coesão social é menos consistente.

No entanto, nas cidades interioranas, de pequeno e médio portes, onde as pessoas se conhecem e se inter-relacionam no dia-a-dia, a regra de ouro continua sendo a de jogar limpo e respeitar o adversário. O debate político não pode ganhar contornos de briga de rua.  Aquele que ofende gratuitamente um adversário político, por vias obliquas, desrespeita, desmerece e falta com o respeito para com o eleitor.

Marqueteiros da velha guarda, que não se adaptaram aos novos tempos, não se reciclaram e continuam soprando brasa e levando tudo a ferro e fogo, podem ser bons de serviço, mas o resultado de seu serviço será sempre catastrófico para seus contratantes e para a edificação da sociedade que todos almejamos.

Em Tangará da Serra, o debate político mostra a maturidade dos protagonistas do pleito. O clima nas redes sociais e no horário reservado a propaganda eleitoral no Rádio e na TV ainda reflete serenidade, equilíbrio e cordialidade entre os candidatos a prefeito.

É provável que nos próximos dias, com o Dia D se avizinhando, esse ambiente de civilidade sofra alteração e alguém resolva adotar o estilo mata cachorro e partir para o confronto direto ... consigo mesmo, porque candidato preparado e inteligente não cai em provocação.

O eleitor está de olho mesmo é no ‘prontuário’ do candidato

Edésio Adorno

Em Campo Novo do Parecis, o dono do trono, que tudo faz para não perder seu domínio, ordenou que seus áulicos e capachildos ocupem as redes sociais e disseminem com força total fake news contra seus opositores. Enquanto os mercenários digitais realizam o trabalho sujo, o reizinho do Chapadão do Parecis se apresenta como vestal da moralidade. A possibilidade de atuar na sombra e sob o anonimato encoraja os covardes.

Observando como está sendo conduzido o enfrentamento político em outros municípios de Mato Grosso, é possível deduzir que certos marqueteiros e alguns aloprados da política ainda não conseguiram fazer a leitura da mensagem inserida na eleição do presidente Jair Bolsonaro: o povo exige ética, honestidade e moralidade na política.

Ninguém sai de casa e vai às urnas para escolher quem xinga mais, quem ofende mais ou quem é bom de lábia. O eleitor busca segurança, paz social e um gestor que trate os munícipes com respeito e tenha sensibilidade humana para ouvir e apresentar solução para os problemas da cidade.

O candidato que tem esse perfil, não precisa usar flechas ou estilingue, não precisa atacar e nem tentar desconstruir o adversário. Ele constrói a si mesmo, dignifica sua história, trabalha pela união da sociedade e, naturalmente, conquista o respeito, o coração e o voto do eleitor. A Baixaria, de fato, está em baixa na política. Quem duvidar disso, será rebaixado também. Aguarde o resultado das urnas e confira.

Edésio Adorno é advogado em MT e escreve exclusivamente nesta coluna toda sexta-feira. E-mail: edesioadorno@gmail.com​

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Zuleide Magrid Rippel | Sexta-Feira, 23 de Outubro de 2020, 11h45
    1
    0

    A conduta desvenda o caráter do ser humano...

Entrando na briga à AMM muito tarde

maurao curtinha 400   Mauro Rosa, o Maurão (foto), que está encerrando o segundo mandato como prefeito de Água Boa, é o único candidato no duelo com Neurilan Fraga, que busca mais um mandato no comando da AMM, entidade que representa as prefeituras mato-grossenses. O problema é que Maurão entrou...

Com Paccola, Câmara terá polêmicas

paccola 400 curtinha   O vereador eleito pela Capital, tenente-coronel PM Marcos Eduardo Ticianel Paccola (foto), do Cidadania, promete levar muitas polêmicas para os embates que pretende travar no Legislativo. Ele é daqueles sem papas na língua. Defende, por exemplo, que a população tenha direito de se armar. Em...

Esposa de deputado na 2ª suplência

maria avalone 400   Não foi só o deputado estadual Wilson Santos que frustrou-se na tentativa de eleger membro da família à cadeira de vereador. O também parlamentar Carlos Avalone, presidente regional do PSDB, apostou todas as fichas na esposa Maria Avalone. Mas ela só chegou à...

Neurilan e apoio de Botelho à AMM

eduardo botelho 400 curtinha   Em busca de apoio de lideranças políticas para permanecer no comando da AMM por mais três anos, Neurilan Fraga foi pedir socorro para o presidente da Assembleia, deputado Eduardo Botelho (foto). Quer que o parlamentar seja o presidente de honra de sua chapa. Neurilan tem se articulado como pode e,...

Candidato irritado chama EP de traste

abilio junior 400 curtinha   Abílio Júnior (foto), candidato do Podemos ao Palácio Alencastro, tem se mostrado mais irritado depois do debate promovido pela Fecomércio, na quarta à noite, quando, em vários momentos, se viu questionado e desqualificado pelo prefeito e candidato à...

Prefeito reeleito sob investigações

ze do patio 400 curtinha   A situação jurídica do prefeito populista e desgastado Zé do Pátio (foto), que acaba de ser reeleito para o terceiro mandato em Rondonópolis, sendo o segundo consecutivo, não é das melhores. Contra sua gestão tem pipocado denúncias sobre...