A África de Mandela é o futebol do Brasil

 

gilson_colunista.jpg

Gilson Nunes

Alguns acontecimentos na última semana deixaram o mundo perplexo, embora completamente distintos: a morte do líder Nelson Mandela e a vergonhosa briga das torcidas do Atlético paranaense e Vasco da Gama pela última rodada do Campeonato Brasileiro, na Arena Joinville. Um caso nada tem a ver com o outro senão o paradoxo de sentimentos que eles provocaram: enquanto a morte de Mandela ganhou repercussão mundial, transformando-o definitivamente em sinônimo de idolatria e orgulho para a África, o futebol brasileiro ganhou expressões de vergonha. Durante toda semana circularam pelas redes sociais os mais tristes comentários a respeito das cenas de barbárie entre as duas torcidas: a batalha sangrenta sem limites e nem piedade.

   As cenas são tão fortes que levaram as TVs de todo o mundo exibi-las a partir das 22 horas, mesmo assim, por meio de aviso às famílias, evitando que crianças as vejam. As cenas são, de fato, muito fortes. A brasileira Amanda Nunes Holzer, natural de Montes Claros, Minas Gerais, mora na Alemanha e postou no Facebook que as cenas não lhe saem da cabeça, e que até chorou. Segundo ela, a reportagem feita pelo repórter da TV Alemã foi dramática ao extremo. “O repórter não conteve a emoção e foi às lágrimas”, escreveu Amanda.

   Do outro lado do mundo a morte de Nelson Mandela provocou reações completamente opostas: um pesar seguido de dança que caracterizava a alegria do carisma e do legado deixado por ele: lutar contra a segregação racial, pela liberdade e pela democracia, dentre outras.

   Os fatos que aqui coloco merecem uma reflexão mais profunda. Por que é que as torcidas dos clubes estão se enfrentando como se fossem verdadeiros bandidos, assassinos inescrupulosos? Não é novidade para nós brasileiros que o futebol é um dos esportes mais contagiantes no que diz respeito ao lazer. Foi através dele que o Brasil tornou-se respeitado e admirado por todo o mundo. Fizemos do futebol a arte da bola, imortalizando craques, como Pelé, Zico, Reinaldo, Gerson e Ademir da Guia.

   Voltando à página, a morte de Nelson Mandela, em contrapartida, fez o mundo inteiro ver e se impressionar com uma cena inimaginável: os Estados Unidos de mãos dadas com Cuba. O orgulho americano cedeu espaço para um país que se constrói conforme seus ilimitados limites.  Falar de dois assuntos completamente diferentes dentro de um mesmo artigo não é conveniente, porém, quando se tratam de atitudes comportamentais de animais que se dizem racionais, faz-se necessário exigir que o Brasil reveja os seus conceitos e valores, para que, um dia, o amanhã seja também de orgulho para os brasileiros, assim como o povo africano o é.

   Gilson Nunes é jornalista e funcionário público e escreve neste Blog todo sábado. E-mail: gnunes01@yahoo.com.br

Postar um novo comentário

Fazendo politicagem sobre Covid-19

rubia fernanda 400 curtinha   A tenente-coronel Rúbia Fernanda, pré-candidata ao Senado pelo Patriota, não só ignora medidas protetivas em relação à Covid-19, como isolamento social, mantendo agenda de visitas e reuniões, como passou a fazer politicagem com coisa séria. Numa...

Punição a 2 ex-presidentes da Câmara

haroldo curtinha 400   Apesar de ter julgado regulares as contas de gestão de 2016 da Câmara de Cuiabá, ano em que teve dois presidentes, o já falecido Júlio Pinheiro, entre janeiro e junho e, depois, Haroldo Kuzai (foto), de 20 de junho a 31 de dezembro, o conselheiro interino João Batista Camargo, em...

Guiratinga, frota sucateada e a farra

sinval vilela 400 curtinha   O vereador Sinval Vilela (foto), do DEM, disse que em Guiratinga, administrada por Humberto Domingos, o Bolinha, está havendo farra com dinheiro público. E lista descasos e atos de incompetência do prefeito. Conta que a prefeitura possui um caminhão pipa, mas está encostado no...

Verba a quem não tem litígio à União

emanuel pinheiro 400 curtinha   Apesar do governo estadual anunciar que está recebendo os R$ 359 milhões da União, essa verba oriunda do chamado Orçamento da Guerra (Emenda Constitucional 106) para ajuda no combate ao coronavírus só será liberada a partir do próximo dia 9 e para quem, seja...

Salgadinhos sim; caminhão pipa, não

humberto bolinha 400 curtinha   Em Guiratinga, o prefeito Humberto Domingos, o Bolinha (foto), resolveu homologar na última segunda, 1º de junho, processo licitatório para contratar uma empresa com vistas a fornecer salgadinhos nas 11 secretarias municipais. Vão ser gastos com salgados R$ 21,7 mil. No mesmo dia, Bolinha...

Nepotismo e demissão na gestão Pátio

leandro junqueira 400   Acuado pela notificação recomendatória do Ministério Público Estadual, o prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, não teve outra saída senão exonerar a servidora Renata Castilho Moreno do cargo comissionado de gerente do Departamento de Engenharia e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.