A tortura não acabou, mudou de estratégia

gilson_sabado_colunista

Gilson Nunes

O povo está de volta às ruas para manifestar sobre as mesmas insatisfações, que o levou no ano passado: aumento das tarifas de ônibus, assentamento de terra, investimento nas áreas de saúde, segurança, educação, etc..., etc... etc... Por que será que essas manifestações estão de volta e dão sinais de que, ao invés de acabarem, devem aumentar dia após dia, principalmente por conta do megaevento que é a Copa do Mundo? Creio que uma provável resposta a essa pergunta é: os governantes simplesmente ignoraram o clamor da sociedade e, aproveitando da oportunidade, passaram a chamar de vândalos os manifestantes mais exaltados e radicais. Realmente, partir para o quebra-quebra não é melhor solução, entretanto...

Tratar o povo como se ele fosse insignificante, com um desdém injustificável, não me parece inteligente por parte das instituições governamentais. Continuar tratando o povo como se ele fosse um... detalhe, a meu ver, é uma estratégia de muito mau gosto. O futuro não acontecerá por aí. Noutros tempos tal tratamento seria chamado de autoritarismo devido o regime do qual ninguém quer de volta. O povo não é tão tonto quanto parece. Ele acordou e brada com voz audaciosa o cumprimento absoluto do direito de exercer sua cidadania. Aliás, ele quer ir mais longe: exigir respeito dos governantes.

O povo, nas décadas de 60 e 70, também foi para as ruas. O regime ditatorial militar não permitia a ele o direito de ter direitos. Ele foi tratado de maneira infame, cruel, inescrupulosa e indigna. Para o regime militar, impor a mordaça era uma prática natural.

A falta de postura idealista dos políticos nos dias atuais tem motivado o povo a fazer com que eles, os governantes, que se dizem democráticos, façam valer em primeira ordem seus princípios. É preciso deixar de lado o discurso enganoso e cínico. O povo deseja a Copa do Mundo sim, mas deseja também que as promessas de palanque sejam transformadas em compromissos, e que esses compromissos sejam colocados em prática. Fato que pouco se vê.

A mídia tem mostrado, dia após dia, um escândalo atrás do outro. Os absurdos envolvendo desvio de verbas, de licitações fraudulentas, de superfaturamento, e tantas outras insípidas atitudes. Não queremos viver sob o engodo do faz de contas, pois tal postura é indigna de um governante, de um líder que ganhou a confiança de seus eleitores. Se os governos podem garantir a segurança de um megaevento, a exemplo da Copa, por que não poderiam manter o mesmo padrão, o mesmo tratamento para os setores de que necessitam o povo? A saúde e a educação devem ser tratadas com respeito, tal qual eles têm dado em nome do padrão Fifa.

Gilson Nunes é jornalista e funcionário público e escreve neste Blog todo sábado. E-mail: gnunes01@yahoo.com.br

Postar um novo comentário

Salgadinhos sim; caminhão pipa, não

humberto bolinha 400 curtinha   Em Guiratinga, o prefeito Humberto Domingos, o Bolinha (foto), resolveu homologar na última segunda, 1º de junho, processo licitatório para contratar uma empresa com vistas a fornecer salgadinhos nas 11 secretarias municipais. Vão ser gastos com salgados R$ 21,7 mil. No mesmo dia, Bolinha...

Nepotismo e demissão na gestão Pátio

leandro junqueira 400   Acuado pela notificação recomendatória do Ministério Público Estadual, o prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, não teve outra saída senão exonerar a servidora Renata Castilho Moreno do cargo comissionado de gerente do Departamento de Engenharia e...

Candidatíssima à vereadora em Cuiabá

gisele almeida 400 curtinha   A apresentadora de TV, Gisele Almeida (foto), vai mesmo encarar o teste das urnas como candidata à vereadora em Cuiabá. Irmã do ex-vereador, ex-deputado e hoje conselheiro afastado do TCE, Sérgio Ricardo, ela não perde tempo nas articulações. Recentemente, recebeu no...

Quebra-cabeça para definir a chapa

eduardo botelho 400 curtinha   Eduardo Botelho (foto) está postergando ao máximo a definição dos nomes de sua chapa ao comando da Mesa Diretora. A eleição já acontece no dia 10, na próxima semana. Como 12 dos 24 deputados brigam por espaço, o presidente da Assembleia sabe que, ao final,...

Secretário terá de explicar contrato

alex vieira 400 curtinha   O secretário de Educação de Cuiabá, Alex Vieira (foto), tem dois dias para apresentar defesa ao TCE sobre uma representação da empresa F. M Paragas, propriedade de Fernando Marcelo, que apontou supostas irregularidades na contratação, por dispensa de...

Presidente da OAB e péssimo exemplo

leonardo campos 400 curtinha   Continua repercutindo muito mal, inclusive em âmbito nacional, o escândalo em que se envolveu Leonardo Campos, o Léo Capataz (foto), que acabou se afastando da presidência da OAB-MT. Deu um péssimo exemplo à sociedade. Ele foi parar na Delegacia, na semana passada, sob...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.