Henrique Maluf

Bossa Nova, a refinada invenção de João Gilberto, Tom Jobim e Vinícius de Moraes

Por 16/07/2019, 07h:22 - Atualizado: 16/07/2019, 08h:10

Dayanne Dallicani

Colunista Henrique Maluf

 

Na semana passada vimos algumas pessoas lamentando a morte de João Gilberto nas redes sociais. Ele é considerado o papa da Bossa Nova e, ao lado de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, criou o estilo musical que representa o Brasil de forma mais elegante pelo mundo. Três grandes gênios, um maestro, Tom Jobim, um poeta, Vinicius de Moraes e um grande músico, João Gilberto, não havia como a união deles render outra coisa, a não ser um revolução musical, estética e cultural tão grande, como foi a Bossa Nova.

O estilo musical representa o Brasil de forma mais elegante pelo mundo

A Bossa nasce em Copacabana, zona sul da cidade do Rio de Janeiro, e é um movimento musical da classe média cultural da cidade, jovens burgueses músicos, compositores, cantores que viviam a badalada boemia carioca no final dos anos 50.

O ano foi 1958, com o lançamento do compacto de João Gilberto com nome de Chega de Saudade, homônimo da canção composta por Tom e Vinícius, ali se ouviu um nova batida de violão, suave e refinada, e um modo muito particular de se cantar, intimista, com pouca projeção vocal, quase um sussurro, somada a elegância dos ternos que João Gilberto usava, nascia ali a refinada e elitizada Bossa Nova. 

A primeira sensação ao ouvi-la era de que fosse uma maneira mais delicada de se tocar o samba carioca, e sim, a Bossa realmente traz essa impressão, pois sua rítmica é a do samba, porém sua maior influência é o Jazz norte americano e toda sua sofisticação e técnica, principalmente ao se tratar das harmonias, a Bossa se apropria de forma elegante os elementos do Jazz, com canções bem elaboradas tecnicamente, e suas letras abordavam temáticas leves e descompromissadas.

Entre outros importantes nomes da Bossa Nova podemos citar Carlos Lyra, Ronaldo Bôscoli, Roberto Menescal, Nara Leão, Marcos Valle, Dori Caymmi, Edu Lobo e Francis Hime, que desde o início movimentaram a cena com suas canções, além de reaproximar a Bossa com os compositores do morro, nisso foram feitas parcerias com Zé Ketti, Cartola e Nelson Cavaquinho.

O legado da Bossa é imenso e até hoje seu valor estético reverbera em composições novíssimas sendo uma grande influência para várias gerações de compositores e musicistas

O samba carioca e o jazz norte americano, a fusão entre essas ricos e únicos gêneros musicais resultaram na Bossa Nova, e não demorou muito para que a Bossa tomasse proporções mundiais, a primeira assimilação foi dos Estados Unidos, principalmente o saxofonista Stan Getz, que no ano de 1964 lança um álbum em parceria com João Gilberto, o “Getz/Giberto”, no ano seguinte o álbum ganha o Grammy de Melhor Disco do Ano e populariza a Bossa Nova em todo mundo, um fenômeno de popularidade, canções como “Garota de Ipanema”, “Corcovado”, “Desafinado”, surgiram para o mundo, e nomes como Sarah Vaughan, Frank Sinatra, Ella Fitzgerald gravaram suas versões de Bossas.

Mesmo com o grande sucesso mundial o movimento Bossa Nova teve seu fim, e o responsável foi um dos seus criadores, quando em 1965 Vinicius de Moraes compõe em parceria com Edu Lobo a canção Arrastão, a mesma foi defendida por Elis Regina no Festival de Música Popular Brasileira, da extinta TV Excelsior, era o fim da bossa nova e o início do que se rotularia MPB.

O legado da Bossa é imenso e até hoje seu valor estético reverbera em composições novíssimas sendo uma grande influência para várias gerações de compositores e musicistas, sem contar que as joias por ela produzidas até hoje ganham salas de teatro em tributos e homenagens, em bares pelo Brasil e pelo mundo sempre há alguém tocando uma bossa, de elevadores de shoppings a músicos de rua. Uma antiga e nova concepção, a Bossa Nova.

Henrique Maluf é músico, produtor cultural e pesquisador em Cuiabá. Escreve nesta coluna com exclusividade às terças-feiras. E-mail: herojama@gmail.com

Postar um novo comentário

Apoio entre opositores é pura falsidade

diego guimaraes 400 curtinha   O tão propagado apoio político recíproco entre os vereadores de oposição em Cuiabá, principalmente em relação ao futuro cassado Abílio Júnior, não é verdadeiro. Todos são concorrentes entre si. Tentam viabilizar suas...

Joaninha se afasta da Câmara de Sinop

joaninha 400 sinop vereador curtinha   O vereador por Sinop Joaninha (MDB), conforme a coluna Curtinhas adiantou, se licenciou do cargo por 60 dias para se recuperar do acidente que sofreu durante manobra na Competição Duelo de Motos, em Atibaia (SP). Enquanto isso, o suplente Mauro Garcia (MDB), ex-secretário de...

Manifestação de apoio deles para ele

elizeu nascimento 400 curtinha   Mesmo com o apoio dos deputados Elizeu Nascimento (foto), Xuxu Dalmolin e Ulysses Moraes que levaram até assessores, em pleno horário de expediente, a manifestação pró-Abílio na Câmara de Cuiabá foi considerada fraca. Investigado por quebra de decoro...

TCE cria estrutura para atender a AL

maluf 400 curtinha   A Assembleia Legislativa saiu de Guilherme Maluf (foto), mandando-o para o TCE, mas ele não saiu da AL. Alçado à presidência com menos de um ano na cadeira vitalícia, Maluf acaba de criar uma assessoria parlamentar para promover o intercâmbio com as comissões da AL e ainda um...

Cassação de Abílio depois do Carnaval

abilio junior 400 curtinha   Por mais que Abílio Júnior (foto) implore e grite por socorro, na esperança de escapar da cassação, inclusive se colocando como vítima de perseguição política, perderá mesmo mandato. Mas isso só vai ocorrer após o Carnaval. A...

PGR monitora delação de ex-deputado

jose riva 400 curtinha   Membros do alto escalão da Procuradoria-Geral da República, que rejeitou a proposta de delação de José Riva (foto) na esfera federal por causa de omissão de crimes, estão monitorando os bastidores do acordo de colaboração, agora entre o Ministério...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Bolsonaro...

excelente

bom

razoável

ruim

péssimo

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.