Eu não tenho tempo!

sandra_artigo_segunda

Sandra Alves

De quê? No meu caso, eu não tenho tempo de escrever este artigo. O computador está aqui me pressionando dizendo que a bateria irá acabar, atingiu o limite! Uma de minhas colegas de trabalho está tão atribulada que sua rotina histérica já faz com que sua filha vez por outra questione/afirme: estamos atrasadas, não é mamãe?

O despertador é impiedoso! No momento de êxtase daquele sonho que você sonhou ter a tanto tempo, ele não toca, grita escandalosamente. É este o primeiro momento do dia em que percebemos que não temos mais tempo. Acabou o tempo de sonhar, já estamos atrasados!

Acordar as crianças, colocá-las no banho, buscar algo na geladeira que substitua um delicioso, abundante e longo café da manhã! Mas, enfim, não temos tempo. Já faltam poucos minutos para o colégio, pegar todas as coisas para o trabalho e pegar o trânsito. “Ó meu Deus”! Engarrafamento, desvios, deseducados. Crianças no colégio. Sobrevivemos até chegar no trabalho. “Hum”, não tem lugar para estacionar. Relógio de ponto, oito minutos após o horário, dentro dos quinze de tolerância, ufa!

Após algum tempo deixando a adrenalina baixar, cumprimentando os colegas, resultado do futebol, amigo assaltado, conhecido bateu o carro, meninas falando de cirurgião plástico, dou-me conta de que se não começar meu trabalho desesperadamente não terminarei a tempo. Não consigo organizar tantas coisas que preciso terminar. Começo todas de uma só vez. Onde está aquele controle remoto do filme para pausar o tempo?!

Tenho que ligar na empresa de telefonia para cancelar uma linha – horas no telefone e vários atendentes; ligar na assistência técnica solicitar para verem por que o ar não está resfriando – eles vão agendar; ficar em casa na terça-feira à tarde para receber mercadoria – se a transportadora não ficar com a mercadoria retida no posto fazendário; consulta médica na quinta-feira às 16h – o médico sempre atrasa umas duas horas!

Final de expediente! Pegar as crianças, fazer compras, ir à academia. Dez horas da noite! Já posso ligar o computador e atualizar meu facebook. Um jurista renomado escreveu que estas pessoas que invadem nosso tempo indevidamente devem ficar sujeitas a nos pagar uma indenização. Quanto vale o tempo? Quanto é o suficiente para reparar a falta de tempo?

O menino tentando contar como foi o gol que fez no futebol, enquanto você dirigia imprudentemente e sem dar-lhe atenção; a menina que perguntou sobre a conjugação de verbos, enquanto você não se desligou da novela; o adolescente que queria lhe contar que “cancelou a amizade” com a colega, porque ela mudou, já não é mais a mesma garota inocente e confiável, mas você estava atrasado para sair!

Quanto custa “não ter tempo”? Se bem que, não ter tempo faz o tempo passar mais rápido e curar muitas feridas. Cicatriza coração, apaga mágoa, costura amizade, acalenta a alma, aumenta a fé, cria pessoas mais pacientes. O que eu não pagaria para poder ter mais uma hora, dez minutos com aquela pessoa que não está mais aqui?!

Tempo eu tenho! A resposta sobre a conjugação do verbo eu dei entre o terceiro e quarto parágrafo, foram alguns minutos, parei de escrever, olhei para ela, ouvi, respondi e sugeri uma estratégia para a prova. O “cancelamento da amizade” foi contado enquanto esperávamos pelo carro no lava-jato. E eu me lembro dos detalhes dos gols no futebol. Não é uma questão de tempo. Vida atribulada, trânsito, obrigações, são uma rotina que assolam todos os seres humanos do planeta.

A resposta de tudo está na intensidade. Não seja intenso na falta de tempo, seja intenso no instante que você tem com seu filho, mãe, enteado, tio, avô, amigo, parceiro, desconhecido! Pare e preste atenção. Não que eu não tenha gostado da tese jurídica da indenização pela falta de tempo, já devo ter umas quatro ou cinco ações em vista, só não sei se vou ter tempo de fazer. Afinal, a única certeza mesmo é a daquele cantor: “O tempo não para, não para, não, não para!”

Sandra Cristina Alves é tabeliã e registradora de imóveis, ex-analista do TJ/MT e escreve exclusivamente para este Blog toda segunda-feira. (sandrac.alves@terra.com.br)

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • cida | Terça-Feira, 01 de Abril de 2014, 18h44
    0
    0

    Sandra,mais uma vez,to lendo tua coluna,tão distante fisicamente de vc,mas,contigo eternamente no meu coração. Te amo querida amiga! Bjs!

  • SANDRA CRISTINA ALVES | Terça-Feira, 01 de Abril de 2014, 09h05
    0
    0

    Obrigada Roselma, por seu comentário! Beijos!

  • ROSELMA B. C. DA SILVA | Segunda-Feira, 31 de Março de 2014, 13h55
    0
    0

    Olha Sandra, achei perfeito seu artigo me vi em vários pontos, a nossa vida é mesmo assim, e ás vezes não nos damos conta o quanto o tempo passa rápido demais pra deixar pra depois tudo o que é importante na vida.

  • Dornele$ | Segunda-Feira, 31 de Março de 2014, 09h26
    0
    0

    A bebê, só ele? E tu, tatu? Rsrrssrr!

Punição a 2 ex-presidentes da Câmara

haroldo curtinha 400   Apesar de ter julgado regulares as contas de gestão de 2016 da Câmara de Cuiabá, ano em que teve dois presidentes, o já falecido Júlio Pinheiro, entre janeiro e junho e, depois, Haroldo Kuzai (foto), de 20 de junho a 31 de dezembro, o conselheiro interino João Batista Camargo, em...

Guiratinga, frota sucateada e a farra

sinval vilela 400 curtinha   O vereador Sinval Vilela (foto), do DEM, disse que em Guiratinga, administrada por Humberto Domingos, o Bolinha, está havendo farra com dinheiro público. E lista descasos e atos de incompetência do prefeito. Conta que a prefeitura possui um caminhão pipa, mas está encostado no...

Verba a quem não tem litígio à União

emanuel pinheiro 400 curtinha   Apesar do governo estadual anunciar que está recebendo os R$ 359 milhões da União, essa verba oriunda do chamado Orçamento da Guerra (Emenda Constitucional 106) para ajuda no combate ao coronavírus só será liberada a partir do próximo dia 9 e para quem, seja...

Salgadinhos sim; caminhão pipa, não

humberto bolinha 400 curtinha   Em Guiratinga, o prefeito Humberto Domingos, o Bolinha (foto), resolveu homologar na última segunda, 1º de junho, processo licitatório para contratar uma empresa com vistas a fornecer salgadinhos nas 11 secretarias municipais. Vão ser gastos com salgados R$ 21,7 mil. No mesmo dia, Bolinha...

Nepotismo e demissão na gestão Pátio

leandro junqueira 400   Acuado pela notificação recomendatória do Ministério Público Estadual, o prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, não teve outra saída senão exonerar a servidora Renata Castilho Moreno do cargo comissionado de gerente do Departamento de Engenharia e...

Candidatíssima à vereadora em Cuiabá

gisele almeida 400 curtinha   A apresentadora de TV, Gisele Almeida (foto), vai mesmo encarar o teste das urnas como candidata à vereadora em Cuiabá. Irmã do ex-vereador, ex-deputado e hoje conselheiro afastado do TCE, Sérgio Ricardo, ela não perde tempo nas articulações. Recentemente, recebeu no...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.