Oi!

 

sandra_artigo_segunda.jpg

Sandra Alves

O sorriso escancara no rosto, os olhos brilham, uma vermelhidão assedia as bochechas, junto com o calor na ponta das orelhas. Pode até fazer com que o coração dispare, mas o comum é a ansiedade que agita o ser até que a mensagem chegue: Oi!

   A revista de algumas semanas atrás falava sobre felicidade. A sensação de felicidade não depende somente do momento atual, mas de toda a história de sua vida. Quantas vezes você esteve feliz?! Quando se apaixonou a primeira vez, no dia de seu casamento, durante as férias... Será que a felicidade só existe se for plena? Não é bom nem pensar nisto: pense na exígua probabilidade de ter o par perfeito, a família perfeita, o trabalho perfeito e ainda se sentir perfeito, já que essa tal de realização pessoal é a verdadeira caminhada ao inferno!

   Você não estudou, queria ter estudado. Você estudou, mas preferia não ter estudado. Você não tem um grande desenvolvimento de inteligência, este é seu defeito! Você é intelectual, mas isso também é defeito! Pobre, rico, bonito, feio, casado, solteiro, não interessa, está sempre faltando alguma coisa.

   E filhos? Uns têm demais, outros de menos. Crianças abandonadas, mortas no nascimento, condenadas por ritmos de vida de pais que não se importam, enquanto outros pais realizam tratamentos e mais tratamentos tentando o sonhado herdeiro. Em regra, os filhos se tornam os grandes responsáveis por muitas escolhas de seus pais, sendo no futuro cobrados por isso de forma cruel.

   Quer ver outro tema de arrepiar?! Sexo! Casados, descasados, não casados, quantas obrigações e cobranças. O homem não pode chegar cansado de viagem; a mulher com as eternas dores de cabeça. Um desviozinho do olhar quando o corpo perfeito passa ao lado. E hoje são tantos os corpos esculturais que é difícil até saber qual deles é representado naquele sonho mais oculto. Não suportar o trabalho, detestar o chefe, realizar-se nas tarefas que desempenha, ganhar o suficiente, ganhar o insuficiente. O posto ocupado sempre foi o idealizado por seus pais ou idealizado por você? Está apenas no campo da idealização, ter um bom emprego e não estar feliz lá. Qual é o preço da mudança? Vale a pena sair do comodismo para buscar a concretização de um sonho?

   Quer fazer concurso público? Quer escrever um livro? Quer ser intelectual? Um grande ator de cinema? Tudo bem. Primeiro, conscientize-se: algumas buscas são um verdadeiro martírio, haja persistência, dedicação, os custos a serem pagos com seu tempo de vida são altos. É um sonho? Sonhar não precisa ter limite. O sonho pode ter a altura que quiser. A consciência acerca dele ser ou não possível, é algo que necessariamente deve-se levar com um pouco mais de cuidado.

   Religião?! Tudo na vida tem realmente uma finalidade, que um dia será compreendida. Entretanto, quanto sofrimento para chegar até sua compreensão. Vida injusta. Bem, ao menos não se vê ninguém defendendo por aí a justiça da vida. A vida é injusta. Conforme-se! Ou não! Ah, seres humanos, limitados! Limitados e eternamente insatisfeitos. A profissão, o relacionamento afetivo, a confiança, a fé, a injustiça, os filhos, os pais, o trabalho, os amigos, o dinheiro: feliz a revista que afirma que a felicidade varia de acordo com os momentos vividos por toda a vida, porque conciliar todos este fatores, de fato é difícil!

   O sinal de mensagem do celular ativou, nova mensagem: Oi! Alguém que se importa, uma pessoa que lhe ama, um amigo, um colega precisando de ajuda. Não importa. Concentre-se na felicidade do momento. Em poder retribuir a alegria embutida nestas duas vogais. Uma vida perfeita é difícil, mas isso não significa que você não tenha uma vida feliz!

   Sandra Cristina Alves é tabeliã e registradora de imóveis, ex-analista do Tribunal de Justiça de MT e escreve exclusivamente para este Blog toda segunda-feira. (sandrac.alves@terra.com.br)

Postar um novo comentário

Queda-de-braço em Alto Araguaia

gustavo melo 400 curtinha   O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (foto), enfrenta uma queda-de-braço com os vereadores. Recentemente, oito dos 11 parlamentares encaminharam ofício ao chefe do Executivo, inclusive com cópia para o MPE, considerando inoportuna, descabida e suspeita, neste momento de pandemia, fazer obra...

Estado amplia leitos de UTI no Sul

gilberto figueiredo 400 curtinha   O secretário estadual de Saúde Gilberto Figueiredo (foto) reclama, sem citar nome, da forma como a prefeitura rondonopolitana está encarando a pandemia da Covid-19. Mesmo o governo federal já tendo pago diárias antecipadamente e, inclusive por três meses, de 10 leitos de...

Briga inconsequente com Santa Casa

z� do patio 400 curtinha   Acuado pela consequência da falta de planejamento e de gestão, o prefeito Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, está numa luta descabida de tentar encontrar culpados pelo avanço da Covid-19 no município. A prefeitura não construiu, sequer,...

2 secretários acionados sobre compras

ozenira 400 curtinha   Os secretários municipais de Cuiabá, Luiz Antonio Possas de Carvalho (Saúde) e Ozenira Félix Soares (foto), de Gestão, têm 48 horas para prestar esclarecimentos sobre compras, sem licitação, de óculos de proteção e macacões destinados a...

Valdir, conta rejeitada e pedido negado

valdirzinho 400 curtinha   Valdir Pereira de Castro, o Valdirzinho (foto), prefeito de Santo Antonio de Leverger, ingressou com pedido de revisão no TCE sobre o parecer contra aprovação das contas de 2018. O Tribunal apontou uma série de irregularidades, entre elas registros contábeis incorretos, abertura de...

Stopa vira trunfo do prefeito Emanuel

jos� roberto stopa 400   Filiado histórico do PV, José Roberto Stopa (foto) se tornou espécie de trunfo do prefeito Emanuel Pinheiro. Se o emedebista resolver buscar a reeleição, o que seria o caminho natural, Stopa pode entrar na chapa como candidato a vice ou simplesmente ficar de fora do...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.