Sirlei Theis

Luto do fim de um relacionamento

Por 18/01/2021, 08h:32 - Atualizado: 18/01/2021, 08h:40

Arte/Dayanne Dallicani

Colunista Sirlei Theis

Muitas são as razões que levam ao fim de um relacionamento e da mesma forma muitos são os motivos para dor e sofrimento, principalmente para a pessoa que não tomou a iniciativa da separação.

Costumo dizer que o fim de um relacionamento representa muito mais que o fim de um casamento, de um namoro ou noivado. Representa o fim de sonhos sonhados junto com a outra pessoa, o fim do modelo ideal de família ou até do desejo de construir uma família, viagens e projetos em comum para o futuro.

Com o fim do relacionamento, além da própria relação, encerra-se também todo o restante.

De repente percebe-se que está sozinha, como se tudo que tivesse vivido era uma ilusão e aquela pessoa que até pouco tempo era seu parceiro começa a mostrar um lado que até então não conhecia.

Quando casados é ainda mais difícil, principalmente se tiverem filhos, com o fim vem a partilha de bens, a guarda das crianças, dentre outras questões. Tudo isso em meio a um turbilhão de sentimentos que sufoca, muitas vezes levando a sensação de que vai enlouquecer e que não vai conseguir passar por aquilo porque a dor é muito forte e acaba por despertar ainda outros sentimentos de rejeição ou abandono que estão guardados lá no subconsciente, como dos seus pais ou de outros relacionamentos, que acaba por intensificar todo aquele sofrimento.

O sofrimento vivido pela pessoa no fim de um relacionamento é tão grande que já foram feitos estudos que demonstram que para algumas pessoas pode ser ainda maior que aquele vivido no luto pela morte de algum ente querido. Isso acontece porque a morte é algo inevitável e está no subconsciente das pessoas, sendo mais fácil lidar com a saudade e lembranças da pessoa que morreu do que de uma pessoa viva. Saber que a pessoa continua viva e que foi uma decisão dela ficar longe de você, é a mais pura rejeição e se a pessoa já traz memórias de rejeição no seu subconsciente fica ainda mais difícil passar pela dor do fim de um relacionamento.

De acordo com o ensinamento de Hellinger, a pior coisa a se fazer nesse momento é tentar excluir a pessoa ou o sentimento. O que é preciso fazer nesse caso é incluir a pessoa e o sentimento. Dar um lugar para eles dentro do seu sistema, mas se permitir seguir sem eles

Sirlei Theis

Muitas das pessoas na tentativa de passar pela dor desejam intensamente que a outra pessoa tivesse morrido, pois assim não teria que além de tudo vê-lo com outra pessoa, como se dessa forma poderia arrancar aquela dor que a sufoca.

Desconhecem elas que em vez de rejeitar a dor é preciso ressignifica-la, pois quanto mais rejeitá-la mais ligada ficará a ela.

Berth Hellhinger disse que “Existe na família uma consciência comum e inconsciente, um profundo movimento na alma, que não permite que alguém seja excluído, rejeitado ou esquecido.”

De acordo com o ensinamento de Hellinger, a pior coisa a se fazer nesse momento é tentar excluir a pessoa ou o sentimento. O que é preciso fazer nesse caso é incluir a pessoa e o sentimento. Dar um lugar para eles dentro do seu sistema, mas se permitir seguir sem eles.

Se permitir passar pelo processo de luto é o melhor a se fazer, por isso é importante conhecer as 5 fases até para compreender o que está acontecendo e saber que não está enlouquecendo. De acordo com pesquisas cada fase dessas pode durar até 6 meses, mas depende de pessoa para pessoa.

As 5 fases do luto são a negação, raiva, barganha, depressão e aceitação. Vou falar um pouco sobre cada uma dessas fases para melhor compreensão dos sentimentos e lembrando que elas necessariamente não acontecem na ordem que vou colocar. Em algumas pessoas essas fases podem ir e vir mais de uma vez e outras podem fixar em determinada fase.

NEGAÇÃO: Dificuldade em aceitar que a relação realmente acabou é natural, por isso no início, é comum a pessoa rejeitar essa ideia e agir como se nada tivesse acontecido, escondendo dos familiares e amigos e tentar manter contato com o ex como se nada tivesse acontecido.

RAIVA: Depois que a ficha cair o sentimento de negação é substituído pelo sentimento de raiva e sofrimento que o outro está causando. Neste momento a pessoa é capaz de fazer coisas que jamais pensaria que seria capaz de fazer. Tem necessidade de mostrar para os outros que não está sofrendo.

BARGANHA: Quando a raiva vai passando pode surgir uma vontade louca de tentar novamente. Neste momento a pessoa começa a barganhar para tentar voltar, desbloqueia as mídias sociais, manda mensagens, pede para voltar, entre tantas outras coisas.

DEPRESSÃO: Quando a pessoa percebe que de fatos as suas tentativas não tiveram resultados e passa a acreditar que nada mais tem sentido na sua vida. Sente como se nunca tivesse vivido sem o outro e que não vai suportar. Nesta fase a pessoa costuma se enterrar dentro de casa e se afastar dos amigos.

ACEITAÇÃO: Enfim, quando chega a aceitação a pessoa percebe que é muito mais forte do que imaginava e começa a perceber que aquele pode ser uma oportunidade para recomeçar.

Se você porventura estiver passando pelo fim de um relacionamento e se identificou com qualquer uma dessas fases, procure ajuda. Berth Hellhinger mostrou de forma clara e inequívoca que a constelação familiar é uma ferramenta que pode te auxiliar nesse processo.

Sirlei Theis é advogada, especialista em gestão pública, palestrante e treinadora comportamental e escreve com exclusividade para esta coluna às segundas. E-mail: sirleitheis@gmail.com. Instagram: @sirleitheis. Facebook: sirleitheisoficial

Postar um novo comentário

Cuiabá paga fevereiro aos servidores

emanuel pinheiro 400   A Prefeitura de Cuiabá quitou nesta sexta (26), último dia útil do mês, a folha de fevereiro. Desde quando assumiu o Palácio Alencastro, em janeiro de 2017, o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) tem conseguido pagar o funcionalismo dentro do mês trabalhado. Aliás, essa prioridade,...

3 deputados sob certa cordialidade

janaina riva 400 curtinha   Max Russi, Eduardo Botelho e Janaina Riva (foto), que mandam na Assembleia, demonstram entre eles um certo clima de cordialidade, mas chegaram a entrar em queda-de-braço até fechar um novo acordo político sobre a Mesa Diretora. Com a decisão do Supremo de veto a Botelho no comando do...

Expediente na AL só a partir do dia 8

max russi 400   Por causa do aumento da taxa de incidência de Covid-19 entre servidores e parlamentares, as atividades presenciais da Assembleia foram suspensas na quinta (25). O expediente só retoma em 8 de março. Neste período, estão sendo mantidas somente as atividades estritamente essenciais para o...

Estado paga os servidores nesta 6ª

mauro mendes 400 curtinha   Servidores do Estado recebem salário de fevereiro hoje, dentro do mês trabalho. É a sexta vez seguida que o governador Mauro Mendes consegue pagar a folha dos ativos, inativos e pensionistas antes da virada do mês, depois de promover reformas, redução da máquina e...

Sistema de saúde sob colapso em ROO

Em Rondonópolis, cidade-polo da região Sul, que abrange 17 municípios, não há mais leitos de UTI para socorrer pacientes em quadro grave de Covid-19. Todos os 30 do hospital Santa Casa estão ocupados, inclusive um leito de UTI reservado para atender outros casos, acabou destinado para paciente com o novo coronavírus. Há 10 leitos de UTI no Hospital Regional e todos também estão lotados. Várias pessoas em...

Deputado, Mesa da AL e incoerência

claudinei 400   Claudinei Lopes (foto), delegado de polícia que, na onda Bolsonaro, se elegeu deputado pelo PSL, em 2018, se mostra cada vez mais incoerente. É daqueles que gostam de levantar polêmicas e críticas, mas sem consistência. Ele se manifestou, por exemplo, contra a reeleição à Mesa...