COPA-2014

Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 15h:39 | Atualizado: 22/02/2014, 08h:17

COPA 2014

As obras não deveriam ser feitas com chuva, mas tem a Copa, diz Avalone

Rdnews

avalone_interna.jpg

Carlos Avalone diz que chuva atrapalha andamento das obras

O empresário do ramo da construção e suplente de deputado estadual, Carlos Avalone (PSDB), lamenta que as obras da Copa estejam sendo realizadas no período chuvoso. “Para as empresas, o ideal seria parar as intervenções e voltar só quando acabar as chuvas, mas não podemos fazer isso porque a Copa está bem aí”, reconhece. 

De acordo com ele, muitos dos serviços executados pelas empreiteiras não são apropriados para a chuva, já que há riscos de problemas como terraplanagem e afundamentos. O próprio Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-MT) assegura que o período chuvoso pode interferir diretamente na qualidade das obras. A pouco mais de 100 dias para os jogos, no entanto, o Governo parece ignorar as condições climáticas e as obras, ainda que atrasadas, continuam. Para Avalone, os trabalhos deveriam ter começado há pelo menos 4 anos, logo depois de Cuiabá ter sido escolhida como sede da Copa.  

Nesta terça (18) parte do asfalto da Rua Antonio Dorileo, no Coxipó, cedeu, podendo ter causado o desmoronamento da via. A Secopa e a empresa Três Irmãos, da qual Avalone é um dos donos, negam o incidente e justificam que a cratera, na verdade, foi aberta pela própria empresa para solucionar afundamento que surgiu na pista na semana passada. A empreiteira é responsável por essa e pela obra da ponte Engenheiro Quidauguro Fonseca, que liga o bairro Coophema a avenida Beira Rio. Foram feitas ao custo de R$ 13 milhões e inauguradas há 4 meses.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • pica | Sábado, 22 de Fevereiro de 2014, 13h26
    0
    1

    não da para aguentar tamta canalhisse e mentira e mentira e mentira e desculpa e desculpa da nojo.

  • antonio carlos | Sábado, 22 de Fevereiro de 2014, 09h47
    1
    0

    O nobre deputado diz que as obras não deveriam ser feitas em período chuvoso, mas mesmo assim fizeram. Ora que elas foram lançadas atrasadas todos sabemos disso, mas houve um edital e nele continham esses dados. Esse é o problema do RDC, só os cumpadres pegaram as obras, e é notória a falta de capacidade dos mesmos para fazer algo com qualidade.

  • Gean | Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 22h10
    3
    0

    Empresinha merreca, isso sim, em grandes centros se fazem na época de chuva, granizo, neve, sol, tem gente competente e profissionais gabaritados, porque japoneses constroem pontes imensas em grandes canais, estas conversas fiadas são de fracos e sempre ruins no que fazem, porque esta Construtora Três Irmãos sempre dá problema nas obras que constroem, sempre!!!

  • Enrico | Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 20h44
    3
    0

    Desculpe de incompetentes - não tem planejamento - não sabe o período de chuvas????????????????????

  • CARLOS | Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 20h36
    1
    0

    PALHASADA SABEM DISSO MAS COMENTE ESTAS BURRICE, O PIOR É QUE ENROLARAM E AGORA VEM COM ESTA CONVERSA FIADA., O POVO DEVE RESPONDER NAS URNAS DR

  • Leandro Leal Costa | Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 20h01
    2
    0

    Ah !!! tenha dó Sr. Avalone, estás a pensar que todos nós somos burros ??? A partir desta eleição verás que o povo já está mudando a sua compreensão das coisas. A mudança será gradativa, mas o Sr. verá a que nível chegará. Espero que o Sr. esteja vivo até lá para testemunhar.

  • marcos | Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 19h31
    0
    0

    olhe esta eu saind odo shopes pantanal, e entrei no veaduto da ferradura, ai, não sei o por que trabalhadores da olbra se é que tem obras ali, tem é confusão de transito, e 2 operarios colocando aquelas blocos vermelhos de plasticos , impedindo os motoristas de prosseguir, o que é isso? qq um pode fazer isso, ou tinha que providencias amarelinhos eou guarda de transito? ou tem malandragem ali ? acho e achei estranho, sem agente de transito pra fazer isso...

  • Zé | Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 17h51
    4
    0

    Isso é desculpa de incompetente, se andar pela cidade verás muitas obras em andamento, até de maior porte e mais complexas. Sugiro que Faça faculdade de novo, senhor. Culpar a chuva pelas péssimas obras de vossa empresa (e muitas outras também) é chamar o cidadão (eleitor) de otário.

  • João de Deus | Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 17h49
    4
    0

    O que esta acontecendo é desrespeito com o dinheiro publico, desrespeito com o eleitor, pois todos nós estamos vendo a qualidade das obras entregues, obras que não são baratas, sendo entregue com materiais de dúbia qualidade. Tivemos tempo mais que suficiente para já te-las terminado, mas Deus sabe lá o que aconteceu, para que elas se arrastassem até esse período. Todos os cidadãos mato-grossenses estão vendo também a "competência" do secretario extraordinário da Secopa e todas suas promessas de entregas das obras ai nos perguntamos o que esta acontecendo com nosso Governante será que não esta vendo? ou esta achando bom? Temos uma Secretaria extraordinária que de nada vale pois até agora só estamos vendo dinheiro indo para o ralo, ralo que todos nós sabemos qual é. Que Deus nos ajude depois dessa " C O P A", copa da vergonha da incompetência e do descaso e de outras coisas mais que se falarmos sem a devidas provas o comentário não é publicado.

  • zé ricardo Neves | Quinta-Feira, 20 de Fevereiro de 2014, 17h49
    5
    0

    E o que o nobre avalone diz de construir uma ponte, tem que esperar o rio secar ?????????????????

Matéria(s) relacionada(s):

Beto decide em maio quem vai apoiar

beto farias 400 curtinha   O prefeito barra-garcense e empresário Beto Farias (foto), que conclui neste ano o segundo mandato consecutivo, não sabe ainda quem apoiar à sucessão municipal. E só tomará uma decisão em maio, já faltando dois meses para as convenções. Até...

Lucas impõe regras pra cortar energia

luiz binotti 400 curtinha   Em Lucas do Rio Verde, a Energisa está proibida de interromper o fornecimento de energia elétrica, mesmo por inadimplência, sem informar ao consumidor, por escrito e com antecedência de 15 dias, sobre a suspensão dos serviços. O projeto aprovado pelos vereadores se transformou na...

Cidinho declina do convite à suplência

cidinho 400 curtinha   O ex-senador e empresário Cidinho Santos (foto), do PL, declinou do convite para compor uma das suplências da chapa ao Senado de Otaviano Pivetta (PDT). Em princípio, ele havia aceitado ser o primeiro-suplente. Mas questões empresariais não permitem que neste ano Cidinho concorra a cargo...

Conselhos, o populismo e a reeleição

ze do patio 400 curtinha   Em Rondonópolis, o prefeito Zé do Pátio (foto), bastante conhecido pelo perfil populista, busca se apegar cada vez mais às massas. Até para inaugurar um posto de saúde, Pátio, estrategicamente, aproveita para criar, ali na comunidade, os chamados conselhos. Busca debater...

Educação Inclusiva no Nilo Póvoas

marioneide 400 curtinha   A Seduc, sob Marioneide Kliemaschewsk (foto), decidiu desativar a tradicional escola estadual Nilo Póvoas, que funcionava há 50 anos no bairro Bandeirantes, em Cuiabá, o que acabou gerando protesto de pais e alunos. O prédio agora vai abrigar o Centro de Referência em...

Partidos com 2 ou mais pré ao Senado

margareth buzetti 400 curtinha   Dirigentes partidários estão passando apurado, nesta fase de pré-campanha, para conduzir o processo de escolha de candidatura ao Senado para a vaga de Selma Arruda, cassada por crimes eleitorais. Mesmo sabendo que as chances são remotíssimas de êxito nas urnas, alguns...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.