Coronavírus

Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 07h:00 | Atualizado: 01/03/2021, 10h:00

Luto

Após 10 dias internado com Covid, morre ex-governador e ex-prefeito Frederico

Após 10 dias internado, o ex-governador e ex-prefeito Frederico Campos, de 93 anos, morreu na noite deste domingo (28), vítima da Covid-19. Ele estava na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital Amercor, e há 7 dias atrás os sintomas não eram considerados graves.  A princípio, Frederico estava hospitalizado por conta da idade avançada, mas seu quadro piorou e ele não resistiu. 

Ele chegou a receber a primeira dose da vacina uma semana antes de ser internado. Embora Frederico tenha tomado a primeira dose, a imunização acontece só acontece após duas etapas (2 doses), conforme recomendado pelos órgãos de saúde.

Ex-governador 79/83, chegou a gravar um vídeo em novembro do ano entusiasmado em apoio à reeleição do prefeito emedebista Emanuel Pinheiro. Para Frederico, "Emanuel está sendo o melhor prefeito da história da Capital". Durante o período que esteve internado, parentes ocuparam as redes sociais, com pedidos de orações para Campos. A família seguiu firme na fé até o fim,  acreditando na sua  reabilitação.

Davi Valle

frederico campos_Entrevista

Frederico assumiu o governo ao ser indicado pelo presidente Ernesto Geisel. Antes, conduzia a secretaria de Obras do governo Garcia Neto (75-78). Assim, seu primeiro mandato não foi definido por voto popular, mas durante a Ditadura.

Sobrinho do general Dilermano Gomes Monteiro, Frederico foi nomeado prefeito de Cuiabá (67-69) pelo então governador Pedro Pedrossian. Somente no seu terceiro mandato é que Frederico Campos conquista mandato por votação nas urnas. Foi eleito prefeito da Capital em 88 pelo já extinto PFL (hoje DEM). Comandou o Palácio Alencastro de 89 a 93. Em 2006, pelo PTB, tentou retornar ao cenário político como deputado estadual, mas não se elegeu. 

Aos 84 anos, exerceu o cargo de diretor-financeiro da extinta Companhia de Saneamento de Cuiabá (Sanecap). Em 2014, Frederico concedeu entrevista especial ao e falou sobre a sua atuação na política e também sobre a divisão do Estado - leia aqui a entrevista.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Brasileiro | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 12h52
    4
    2

    Dra Edna de Oliveira, a senhora deve ser uma petista frustrada na vida sem competência nem para entender o tanto que Lula e seus comparsas prejudicaram o Brasil.

  • Xomano | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 12h49
    3
    1

    Tive a honra de conhecer Dr. Frederico Campos. Homem probo, trabalhador, honesto e competente. Que Deus o tenha entre os seus.

  • Dra Edna de Oliveira | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 11h56
    1
    13

    Homem público ético? Kkkkk . Filho de militar, governador biônico? Ético era Lula, injustamente perseguido. Moro e Dallanol serão punidos Deus há de fazer justiça .

  • Eduardo De Lamonica Freire | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 10h47
    6
    1

    Homens públicos éticos, honestos, dedicados ao bem coletivo não morrem, Governador Frederico Campos: vivem pelos seus bons exemplos.

  • Bainho | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 09h12
    5
    7

    OD, não houve ditadura militar, mas um período de governos militares.

  • jj | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 07h49
    8
    1

    Deus que conforte a alma dele, esse sim foi um gestor honesto e trabalhador, não por que morreu que estou falando isso, verifique a historia desse cidadão, limpa. pelo contrario de alguns ex governadores, conselheiro, deputadoss e por ai vai.... respeito e honestidade é tudo!

  • Benedito costa | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 07h16
    8
    1

    Uma pena lamentável perder-mos Dr Frederico Campos que na minha opinião foi o político mais correto, honesto que nosso Estado já teve. Homem ímpar, família, morreu pobre e ainda tiraram sua aposentadoria mais adquirida que a lei poderia lhes garantir. Morreu sofrendo em enfrentar a justiça pelo seus direitos. Foi ele e Pe Pombo os dois homens símbolos no Estado. À família enlutada, nossos sinceros votos de pesar.

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...

Promotor recebe medalha do Exército

Mauro Zaque curtinha   O promotor de Justiça Mauro Zaque (foto) foi condecorado com a medalha do Exército Brasileiro na manhã desta segunda (19), no dia da instituição. A solenidade é considerada a segunda maior do Exército Brasileiro, foi reservada por conta da pandemia e contou com a...

Sema reabre os parques em Cuiabá

mauren lazzaretti sema 400   Fechados desde 1º de abril, em obediência às regras de decreto municipal, que suspendiam as atividades coletivas, os parques estaduais urbanos de Cuiabá reabrem nesta segunda (19) para utilização pelo público. Será possível acessar as tradicionais trilhas...

MAIS LIDAS