Coronavírus

Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2021, 11h:06 | Atualizado: 14/01/2021, 15h:34

PRESENCIAL

Com vacina atrasada, secretário diz que volta às aulas é temerária - ouça íntegra

O secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, que já contraiu o coronavírus duas vezes e sofreu com a Covid-19, disse que é contra o retorno às aulas presenciais na rede estadual, diante desta segunda onda da doença.

Após longa internação, na UTI em São Paulo, e correr risco de morte, ele voltou a trabalhar somente nesta segunda (11) e acha temerário, neste cenário de crescimento dos registros de contágio e mortes, aglomerar alunos, professores e funcionários em escolas, mesmo com esforço de garantir distanciamento social, uso de máscara e higienização com álcool em gel.

"Entendemos que, com o crescimento dos casos no Estado e da taxa de ocupação de UTI, é uma temeridade neste momento voltar às atividades presenciais, mas não queremos tomar decisão isolada", diz o secretário. "À luz dos dados epidemiológicos", ele entende que as aulas devem permanecer on-line.

Secom-MT

Gilberto Figueiredo

Ele explica que a decisão é do Governo e os prefeito devem se orientar por ela. "Eu, como secretário de Estado, entendo que por mais que o município não esteja neste momento enquadrado no quadro crítico, o indicador taxa de ocupação de UTI é primordial, porque pode este município ter necessidade de um leito de UTI e não vai ter para os demais, então temos que tomar uma decisão um pouco mais ampliada, com mais segurança, já que há a perspectiva de começar lá pelo dia 25 a vacinação e aí esse cenário pode ser alterado, mas sem vacinação, sem remédico específico para doença e sem leito suficiente é meio temeroso permitir a concentração nas escolas".

O secretário reforçou que o país está atrasado com o plano de vacinação embora veja esforço do Ministério da Saúde para agilizar a campanha de imunização. O governador Mauro Mendes (DEM) havia reclamado disso nesta quarta (13) em entrevista na rádio. 

Figueiredo já adiantou que não haverá vacina suficiente para todos e terão de priorizar grupos de risco.

Haverá uma reunião ampliada hoje com Governo, Assembleia, Sintep e o Comitê de Operações Emergenciais (COE) e o Governo deve divulgar a qualquer momento a decisão tomada em ambiente colegiado sobre o retorno às aulas e vacinação.

Desde dezembro de 2020, foi registrado um aumento considerável nos casos de novo coronavírus em Mato Grosso. O Estado já acumula 194.113 casos da doença, além de 4.727 mortes. As aulas estão suspensas desde o início da pandemia, em março do ano passado.

Ouça a entrevista com o secretário

 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Rosi Tomba | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2021, 12h55
    4
    0

    Se Lula fosse presidente ,estaríamos recebendo vacina desde dezembro. Bolsonaro além de inútil, é corrupto, e só se preocupa em blindar filhos também corruptos. Enquanto isso, morremos.

  • Juca | Quinta-Feira, 14 de Janeiro de 2021, 11h47
    5
    1

    Pergunta que não quer calar. Cadê os hospitais de campanha e respiradores cobrados em Março de 2020? É falta de UTI? 10 meses se passaram. Dinheiro foi repassado pelo Governo Federal, cadê os hospitais de campanha e respiradores secretário?

Emanuel no PTB e reeleição do filho

emanuelzinho 400   O PTB está sendo preparado para receber a filiação do prefeito Emanuel Pinheiro, que iniciou o segundo mandato em Cuiabá. Sem ambiente para seguir no MDB, onde passou a enfrentar resistência de toda a bancada do partido na Câmara Federal e na Assembleia, Emanuel recebeu convite de...

Ex-deputado "detona" Aliança por MT

victorio galli 400 curtinha   As deputadas federais Carla Zambelli e Bia Kicis, que estão na linha de frente pela criação do Aliança pelo Brasil, partido idealizado por Bolsonaro e ainda na fase de coleta de assinaturas para ser formalizado, foram informadas de que o ex-deputado federal Victório Galli...

Saúde em MT sob iminente colapso

Os números da pandemia da Covid-19 em MT são alarmantes. Entre sexta e este sábado foram registrados 1.050 novos casos de pessoas infectadas com o vírus e mais 21 mortes. Desde o início da pandemia, quase 5 mil mato-grossenses já morreram da doença. Em Cuiabá, o índice de ocupação de UTIs chega a 69%, superando o pior período da pandemia, registrado em agosto do ano passado. Em outras regiões do Estado, a...

Prefeito já teve 2 aliados executados

ze do patio 400 curtinha   O prefeito de terceiro mandato Zé do Pátio (foto), de Rondonópolis, já teve dois assessores próximos e de extrema confiança assassinados. Em setembro de 2012, João César Domingos, que era muito próximo de Pátio, havia atuado no Instituto de Pesquisa e...

Pascoal entre preferidos para o TCE

pascoal santullo 400   Assim como a Assembleia, que tem vários deputados de olho no cargo vitalício no TCE, o Palácio Paiaguás vai brigar pelo direito à indicação à cadeira de conselheiro, caso seja homologado e autorizado o pedido de aposentadoria já feito por Waldir Teis, que...

Governo vai ter consultoria hospitalar

gilberto figueiredo 400 curtinha   O governo estadual terá consultoria em assistência hospitalar. O processo de contratação é tocado pela secretaria de Saúde, sob Gilberto Figueiredo (foto). A ideia é buscar melhorar o atendimento à população e os índices de...

MAIS LIDAS

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT optou pela implantação do BRT em Cuiabá-VG em detrimento do VLT. O que você acha disso?

Estou de acordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.