Coronavírus

Sábado, 06 de Março de 2021, 19h:30 | Atualizado: 07/03/2021, 17h:27

CONTRA COVID

Havan de VG desobedece ao decreto, abre à tarde e acaba autuada por fiscais- veja

Reprodução

Luciano Hang, dono da Havan

Empresário Luciano Hang, dono da Havan, se posiciona contra o fechamento do comércio

A filial da loja Havan da avenida da FEB foi autuada por fisciais da Vigilância em Saúde da Prefeitura de Várzea Grande após ser pega por descumprir o decreto do Governo do Estado e estar com o estabelecimento aberto durante o período da tarde, neste sábado (6).

O decreto do governador Mauro Mendes (DEM) proíbe o funcionamento do comércio não essencial depois das 12h do sábado.

Esta não é a primeira vez que a Havan da avenida da FEB descumpre uma medida para impedir a propagação do novo coronavírus. Em 2020, o estabelecimento foi autuada em R$ 1 milhão. Contudo, a empresa contestou o valor na Justiça.

A loja responderá um processo administrativo, de acordo com informações repassadas pela Prefeitura. Se for confirmada a autuação, o estabelecimento pode receber tanto uma simples advertência, como ser multada de R$ 1,3 mil a pouco mais de R$ 30 mil. Isso por que há possibilidade de direito a defesa.

A Havan pertence ao empresário Luciano Hang, por seus detratores de "Véio da Havan" e considerado um "grande patriota" pelos admiradores. Bilionário, Hang se posiciona fortemente contra o fechamento do comércio e toque de recolher como medidas de combate a pandemia.

Hoje (6), a Secretaria de Estado de Saúde (SES) aponta que 96,58% dos leitos de UTIs destinados para atender pacientes com coronavírus estão ocupados. Há apenas 20 leitos disponívies, que atendem somente casos da infecção.

O decreto do Governo é para tentar evitar um possível colapso. Por isso, é proibido abrir o comércio depois das 19h de segunda a sexta, e do 12h aos sábados e domingos. Durante a semana, o toque de recolher proíbe a circulação de pessoas das 21h às 5h.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Lucas Ferraz | Segunda-Feira, 08 de Março de 2021, 07h24
    5
    1

    Este Luciano da Havan, mais conhecido como Zé Carioca, na verdade é mais um Bozolóide, seguidor fanático do Bolsonaro Genocida, que incentiva a aglomeração, a não usar máscara e ainda fazem a difamação e sabotam a vacinação. O cara dá um tiro no próprio pé, sendo que está a Loja esta funcionando todos os dias, mas como ele não respeita as regras do horário reduzido, muitas pessoas não iram frequentar este estabelecimento, ai depois ele pede falência e coloca a culpa na Pandemia, igual faz o Bozonaro.

  • Juca PIRAMA | Domingo, 07 de Março de 2021, 19h45
    0
    0

    Juca PIRAMA , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Dra KELLEN CPA 2 | Domingo, 07 de Março de 2021, 11h57
    13
    3

    Neto é boçal. Acabou vaga em UTI. Isso é desrespeito. Coisa de matogrossense que vota no negacionista genocida Bolsonaro. Só aprendem no chicote. Economia se recupera. Vida não.

  • Neto | Domingo, 07 de Março de 2021, 10h23
    5
    10

    Não vejo erro em querer trabalhar para comprir com suas obrigações. Errado e nojento é esses drogados e piriguetres que ficam fazendo festa e espalhando virus e dsts pra todo lado.

  • Tom | Domingo, 07 de Março de 2021, 09h37
    10
    6

    Bom , todo mundo vai pegar A NOVA VARIANTE E ..............VAI MORRER ! SIMPLES ASSIM, OS FUNCIONÁRIOS, CLIENTES, TODO MUNDO..........E O CARECA PALHAÇO, CONTINUARÁ , INFELIZMENTE, POR AÍ, FALANDO SUAS BOBAGENS.......ABRA, DEIXA ABRIR.....TODOS TEM PAX NACIONAL ??????

  • aloisio | Sábado, 06 de Março de 2021, 20h51
    23
    11

    Luciano Hang ultrapassou os limites do capitalismo. Topa tudo por dinheiro.

  • Juvenal | Sábado, 06 de Março de 2021, 20h11
    17
    23

    Se máscara, álcool em gel e medidor de temperatura nos comercios são obrigatórios pois dizem que evitam o contágio, porque entao restringir o horário de funcionamento do estabelecimento comercial? Funciona ou não funciona mascara e álcool em gel? Se não funciona para que a obrigação de usar? Se funciona para que fechar o estabelecimento comercial? E ai, explica ai governadores, MP e prefeitos.

  • Mariana filha de Jurema | Sábado, 06 de Março de 2021, 19h43
    45
    20

    Esse empresário me dá ânsia de vômito . Ele e Bolsonaro debochando passeando de jet ski em SANTA CATARINA terão que prestar contas à Deus. Fecha tudo. Economia se recupera vida não.

  • alexandre | Sábado, 06 de Março de 2021, 19h36
    17
    32

    Absurdo, as pessoas precisam trabalhar...

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...