Coronavírus

Sexta-Feira, 22 de Maio de 2020, 09h:39 | Atualizado: 22/05/2020, 10h:30

LIVE

Kit com Cloroquina e testes rápidos não são seguros, critica secretário, em live

secretário gilberto figueiredo cloroquina testes rápidos

O secretário de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo, criticou, veementemente, tanto o "Kit Covid-19", que está sendo distribuído em Barra do Garças (a 516 Km de Cuiabá), quanto a testagem em massa, como a que está sendo feita no Ceará, por exemplo, usando testes rápidos. "Não vamos queimar dinheiro com isso", disse o secretário em live nesta manhã (22) sobre a escalada da pandemia em Mato Grosso.

No Ceará, já foram feitos mais de 60 mil testes rápidos em esquema de drive thru e em Mato Grosso apenas 5 mil. O secretário afirma que aqui não estão deixando de testar quem procura hospitais sob suspeita e não estão sendo contigenciados materiais laboratoriais. O que ocorre, segundo ele, é uma estratégia de diagnóstico, que não está sujeita a uma "febre" no país para vender tais kits de testes rápidos. "Testaremos todos que julgarmos necessário, no modelo padrão, que é o PCR (adotado pelo Lacen e laboratórios de referência). Um exame seguro, que não tem erro. Já estes testes rápidos têm um custo alto e pouca resolutividade".

Sobre a distribuição de "Kit Covid-19" à população, inclusive com Cloroquina, ele disse que isso "parece uma brincadeira". Se fosse simples assim, de acordo com o secretário, era só deixar preparados kits para todas as doenças. "Ninguém precisava nem fazer curso de medicina, para analisar sintomas do paciente e prescrever medicamento ideal para ele.  Não concordo com isso", critica.

O secretário afirma que o kit passa a "imagem de solução segura e não é".

Questionado em entrevista nesta manhã se permitiria uso de Cloroquina para salvar um filho infectado, o secretário disse que sim, autorizaria, se houvesse indicação médica e que prescrever é responsabilidade somente dos médicos.

A Cloroquina, ainda de acordo com o secretário, está a disposição de toda a rede hospitalar e Mato Grosso recebeu 9 mil pacotes do remédio. Reforçou porém que só deve ser usado de forma segura sob prescrição.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Dorner vai tentar prefeitura de novo

roberto dorner 400 curtinha   Em Sinop, o empresário e ex-deputado federal por alguns meses Roberto Dorner (foto), que deixou o PSD e aderiu ao Republicanos, está disposto a encarar de novo a disputa a prefeito. Em 2016, ele perdeu para Rosana Martinelli (PR) por uma diferença de 3.388 votos. É possível que ambos...

Um líder sob insatisfação dos colegas

dilmar dal bosco curtinha 400   O líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco (foto), tem enfrentado crítica velada e insatisfação dos colegas, principalmente dos deputados da base. Reclamam que o interlocutor do governador Mauro não move uma palha em defesa da liberação das emendas e, nas...

Jogada do prefeito Francis em Cáceres

paulo donizete 400 curtinha caceres   A sete meses de concluir o mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (PSDB) lançou uma jogada estratégica para ver se "cola". Apoia publicamente para prefeito o seu diretor da autarquia Águas do Pantanal, Paulo Donizete (foto), do mesmo partido, inclusive participou da reunião...

Luta por mais leitos de UTI em Sinop

rosana martinelli 400 curtinha   A prefeita de Sinop, cidade pólo do Nortão, Rosana Martinelli (PR), demonstra preocupação com os poucos leitos de UTI do Hospital Regional no município. A unidade atende moradores de mais de 30 municípios da região e só dispõe de 10. Rosana diz esperar...

Priminho Riva deve disputar em Juara

priminho riva 400 curtinha   Dezesseis anos depois de comandar Juara por dois mandatos (1997 a 2004), Priminho Riva (foto) está de volta. Filiado ao PR, ele deve concorrer a prefeito. Político bastante popular e carismático, tende a enfrentar um páreo duro com dois nomes considerados fortes, o do ex-vice e que se tornou...

Contas de prefeita são reprovadas

thelma 400 curtinha   As contas de 2018 da prefeita chapadense Thelma de Oliveira (foto), do segundo ano de mandato, foram reprovadas pelo TCE-MT. Agora, cabe à Câmara Municipal aprová-las ou rejeitá-las. Em seu parecer, o conselheiro interino João Batista apontou 15 irregularidades, sendo 11 delas sobre...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.