Coronavírus

Quarta-Feira, 08 de Abril de 2020, 14h:27 | Atualizado: 08/04/2020, 14h:30

SEM PROTOCOLO

Secretário de Saúde de MT afirma que Rondonópolis não notificou caso de morte

Gcom

Gilberto Figueiredo

Secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, em uma das entrevistas pelas redes sociais. Agora, ele comenta estatíticas apenas 3 vezes na semana

O secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, afirma que casos confirmados de morte por coronavírus (Covid-19) como o registrado pela Prefeitura de Rondonópolis, não entram nas estatísticas oficiais porque não estão sendo notificados como manda o protocolo. No final da manhã desta quarta (08), o município divulgou em seu site o falecimento de um idoso de 75 anos, que fazia tratamento para câncer, como uma possível vítima da Covid-19.

“Qualquer óbito que o médico coloca no atestado como suspeita, ele continuará não entrando nas estatísticas. Encontramos dificuldades para que hospitais privados façam a notificação prevista em lei”, afirmou o secretário em entrevista no final da manhã ao MT1, da TV Centro América.

De acordo com o titular da pasta, o Governo do Estado tem um controle dos dados e se os municípios não cumprirem o que manda as regras e os protocolos, os números serão divergentes.

“Tanto que temos um número para Rondonópolis (6 casos) da doença e a cidade tem outro (8 casos). De duas, uma: ou não estão notificando, ou tem alguém supondo casos que não são oficiais”, criticou.

O secretário disse que inclusive já teve contato com o Ministério Público estadual para assegurar que todas as unidades de saúde, das redes pública e privada, façam o registro no intuito de que Mato Grosso tenha um panorama correto da doença e seus avanços.

“Temos perspectivas de que em alguns municípios (polos) vão começar a aparecer ocorrências de morte como no caso de Rondonópolis, Sinop, Tangará da Serra, Cuiabá e Várzea Grande, porque são onde têm mais registros”, revelou ele, dizendo que por isso a notificação é importante.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Selma deve mesmo deixar o Podemos

selma arruda 400 curtinha   Para evitar um novo pedido de expulsão do Podemos, Selma Arruda dá sinais de que deixará o partido nos próximos dias. A ex-senadora, que preside o Podemos de Cuiabá, foi "convidada" a deixar a sigla após demonstrar resistência em apoiar a pré-candidatura do deputado...

Arco de alianças define vice de Eliene

eliene liberato 400 curtinha   A professora e vice-prefeita de Cáceres, Eliene Liberato (foto), pré-candidata do PSB à sucessão municipal, disse que a definição do nome para vice de sua chapa só sairá na pré-convenção. Até lá, o amplo arco de alianças...

Pesquisa derruba discurso de Jayme

jayme campos 400 curtinha   O resultado da pesquisa Analisando, que traz Emanuelzinho com boa vantagem nas intenções de voto sobre todos os pré-candidatos a prefeito de Várzea Grande, está provocando uma reviravolta nos bastidores. Os dados vieram a público nesta quinta, em publicação no...

Tucano dá título a Bolsonaro em Sinop

dilmair callegaro 400 curtinha   O presidente Jair Bolsonaro, que comanda o país desde janeiro do ano passado, irá receber o título de Cidadão Sinopense, mesmo sem previsão de pisar os pés, por enquanto, ao município considerado Capital do Nortão. A homenagem partiu do vereador do PSDB Dilmair...

Ação pró-Thiago, mas Luizão resiste

carlos bezerra 400   Com uma pesquisa debaixo do braço, cujo resultado traz Thiago Silva na dianteira na corrida à Prefeitura de Rondonópolis, inclusive na frente do prefeito Zé do Pátio (SD), o MDB de Carlos Bezerra (foto) tenta convencer o empresário Luizão (PRB) a recuar para apoiar o...

Padrinho político de Fabio a prefeito

mauro mendes 400 curtinha   Após se reunir com o governador Mauro Mendes (foto) na sexta (14), o suplente de senador Fabio Garcia, presidente regional do DEM, deve oficializar sua pré-candidatura à Prefeitura de Cuiabá. Fabinho quer discutir com Mauro, que é seu padrinho político, o arco de aliança e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.