Coronavírus

Quarta-Feira, 25 de Março de 2020, 18h:20 | Atualizado: 25/03/2020, 18h:19

DETERMINAÇÃO JUDICIAL

Secretário reforça isolamento e manda 500 da Saúde sob risco trabalhar em casa

Tchélo Figueiredo - Secom-MT

Secret�rio estadual de Sa�de, Gilberto Figueiredo

Secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, concede entrevista todos os dias no fim da tarde por meio de live nas redes sociais do Governo do Estado

O secretário estadual de Saúde, Gilberto Figueiredo, reforçou a determinação da Organização Mundial de Saúde (OMS) para que, aqueles que possam, não saiam de casa para evitar que a pandemia causada pelo novo coronavírus (Covid-19) seja agravada. Gilberto ainda falou que cerca de 500 servidores da saúde que, por fazerem parte do grupo de risco, cumprirão a jornada de trabalho em home office, durante transmissão ao vivo nas redes sociais nesta quarta (25).

A pasta prevê edital de contratação para suprir as necessidades de profissionais nas unidades de saúde, conforme o avanço da Covid-19 em Mato Grosso.

A decisão veio após determinação da juíza Deizimar Mendonça Oliveira, da 4ª Vara do Trabalho de Cuiabá, que pediu ao Governo do Estado que dispensasse ou coloquesse em regime de teletrabalho todos os servidores da saúde que estejam incluídos nos grupos de risco do novo coronavírus.  O parcer foi dado na terça (24) em resposta à ação civil pública movida pelo Sisma, que representa os trabalhadores.

Em boletim informativo divulgado hoje, Cuiabá tem seis confirmações, Várzea Grande, na região metropolitana, tem duas - uma delas registrada em uma jovem de 26 anos, e Nova Monte Verde aparece com um teste positivo para a doença. 

Fala do presidente

Gilberto também repercutiu o pronunciamento do presidente da República, Jair Bolsonaro, na noite de ontem (24), que afirmou que apenas o grupo de risco precisava cumprir quarentena, além de se referir a Covid-19, como uma "gripezinha". 

"Talvez, se não tivessemos feito nenhum isolamento social teríamos número de casos ainda maior. Quanto mais isolamento, menos pessoas circulando,  menor número de casos graves", avaliou. 

O secretário ainda afirmou que o Governo Estadual segue as premissas estabelecidades pelo Ministério da Saúde para o enfrentamento da pandemia causada pelo novo coronavírus. Sobre a reabertura de comércios, restaurantes ou bares, Gilberto ressaltou que, enquanto houver lei vigente pelo Município ou pelo Estado, a população deverá cumprí-las. 

"Não é uma fala do presidente que muda tudo do dia para noite. Estamos seguindo as orientações do Ministério da Saúde, que tem um ministro em quem confiamos", afirmou. 

Ele ainda ressaltou que em cidades sem casos confirmados da doença, determinações como toque de recolher são "exageros". Sobre a alta no número de desempregos que pode ser causada pela recessão econômica que acompanha o novo coronavírus, Gilberto afirmou que acredita que "ninguém vai perder o emprego" em um momento crítico como a pandemia da Covid-19. 

"Existe solidariedade entre empresas e empresário. Se você não é um profissional essencial neste momento, pense primeiro na sua família. Isso [a pandemia] não é invenção, cientistas e especialistas sugerem isso [o isolamento social]. Pessoas que tomam decisões que não são orientadas por especialistas assumem o risco que estão correndo", disse. 

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Câmara de Barra devolve R$ 100 mil

joao rodrigues 400 presidente c�mara barra do gar�as   A Câmara Municipal de Barra do Garças devolveu à prefeitura R$ 100 mil para serem investidos em medidas de combate ao novo coronavírus. O presidente do Legislativo, vereador João Rodrigues de Souza, o doutor...

Auditor assume Secretaria de Controle

demilson nogueira 400   O auditor Newton Gomes Evangelista, servidor de carreira, é o novo secretário de Controle Interno da Assembleia. Ele já respondeu também pela Auditoria-Geral da Casa. Newton assumiu a Controladoria Interna no lugar do ex-prefeito de Ponte Branca, Demilson Nogueira (foto), que deixou o posto...

Cuiabá é a unica com tudo fechado

emanuel pinheiro curtinha   A pressão sobre o prefeito Emanuel Pinheiro (foto) fica agora mais forte para flexibilizar logo o decreto restrito por causa do coronavírus. Ele é o único dos gestores das maiores cidades mato-grossenses que ainda mantém decisão de fechar praticamente tudo na Capital, com...

Deputado põe aliado no lugar do irmão

ronaldo taveira 400 curtinha   Coube ao próprio deputado Wilson Santos indicar um nome para o lugar do irmão Elias Santos, que na última sexta (3) deixou a secretaria de Gestão de Pessoas da Assembleia para concorrer a vereador em Cuiabá. E o ex-prefeito emplacou no cargo que rende R$ 19,9 mil mensais o velho...

Sem alarde, vereador muda de partido

viniciys clovito curtinha   De última hora e sem alarde, o vereador pela Capital Vinicyus Hugueney (foto) resolveu deixar o PP e se filiou ao Solidariedade. Com isso, o PP não se torna o único com a maior bancada. Está com três vereadores, assim como o PV e o PSDB. No SD, Vinicyus vai concorrer internamente com...

Irmão de Thelma na lista dos traidores

ronaldo pimentel 400 curtinha   Na carta aberta assinada por Ricardo Saad, que preside o PSDB cuiabano, ele reclama de dívidas milionárias herdadas de antecessores, inclusive dos R$ 4 milhões de pendências somente do pleito de 2016, e menciona, entre outras coisas, que "(...) há correligionários, que estavam...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.