Coronavírus

Sexta-Feira, 05 de Março de 2021, 17h:25 | Atualizado: 06/03/2021, 19h:28

FIM DE SEMANA

Supermercados poderão abrir até às 19h e restaurantes têm que fechar às 14h - veja

Reprodução

Supermercado funcionamento cuiaba decreto

O Governo decidiu alterar as medidas restristas contra o contágio da Covid-19 (a doença causada pelo coronavírus) e estendeu os horários de funcionamento permitidos para supermercados nos sábados e para restaurantes aos finais de semana.

As alterações do novo decreto serão publicadas em edição extra do Diário Oficial desta sexta-feira (05). 

De acordo com o novo decreto, os supermercados e estabelecimentos que vendem produtos alimentícios poderão ficar abertos nos sábados até às 19h, “vedado o consumo de bebidas alcoólicas no local”. Antes, a permissão desse ramo nos sábados era das 5h às 12h. No domingo, segue igual com abertura até às 12h.

Já os restaurantes, inclusive os localizados em shoppings, que poderiam atender até o meio-dia nos sábados e domingos, agora poderão funcionar até às 14h no final de semana. A alteração não se aplica às demais lojas dos shoppings.

As medidas restritivas, que impuseram toque de recolher das 21h às 5h e restrição no horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais, começaram a valer nesta quarta e têm validade de 15 dias.

Confira como ficaram as novas regras, válidas para os 141 municípios de Mato Grosso:

- De segunda à sexta, proibição de todas as atividades econômicas das 19h às 5h. Aos sábados e domingos, a proibição será após o meio-dia. A exceção fica por conta das farmácias, imprensa, hospedagem, serviços de segurança e vigilância privada, serviços de saúde, funerárias, postos de gasolina (exceto conveniências), indústrias, transporte de alimentos e grãos, e serviços de manutenção de atividades essenciais, como água, energia, telefone e coleta de lixo.

- Supermercados poderão funcionar nos sábados das 5h às 19h. Aos domingos até ao meio-dia

- Restaurantes, inclusive os localizados em shoppings, poderão atender nos sábados e domingos até às 14h.

- Nos horários permitidos, as atividades econômicas deverão respeitar as medidas de segurança, como o uso de máscara, distanciamento e limitação de 50% da capacidade máxima do local.

- Eventos podem ocorrer dentro do horário permitido, respeitado o limite 30% da capacidade do local, e número máximo de 50 pessoas.

- Os serviços de entrega por delivery seguem autorizados até às 23h.

- O transporte coletivo e congêneres (Uber, 99, etc) podem funcionar normalmente.

- Toque de recolher a partir das 21h até às 5h, com proibição de circulação.

- Nos órgãos públicos estaduais, fica suspenso o atendimento presencial em todas as secretarias e órgãos do governo, com exceção das unidades finalísticas. Quanto a jornada de trabalho, cada secretaria/autarquia vai disciplinar medidas para redução do fluxo de pessoas. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Januário | Sábado, 06 de Março de 2021, 13h22
    0
    0

    Vai aprendendo com o Mané, pau rodado despreparado.

  • Juvenal | Sábado, 06 de Março de 2021, 12h56
    0
    0

    Se máscara, álcool em gel e medidor de temperatura nos mercados são obrigatórios pois dizem que evitam o contágio, porque entao restringir o horário de funcionamento do estabelecimento comercial? Funciona ou não funciona mascara e álcool em gel? Se não funciona para que a obrigação de usar. Se funciona para que fechar o estabelecimento comercial. E ai, explica ai governadores.

  • Teka Almeida | Sábado, 06 de Março de 2021, 10h55
    2
    1

    Ai está o GRANDE entendido de tudo especialista de nada. Determina uma coisa e depois retira o que disse. Isso só prova e comprova o que importa é a sua DETERMINAÇÃO, ou seja, façam o que eu mando, não o que os meus façam, no caso o filho o dono de boate multado pela Prefeitura por aglomeração e até mesmo ele no aeroporto em SP com máscara no queixo e até mesmo, após assinar esse ultimo decreto ir a casa do Fávaro fazer aglomeração, amplamente divulgado na mídia.. O Mauro MENTE governo FAKE NEWS só tem sucesso na canetada de AUMENTO DE IMPOSTO, de resto como se vê é um VERDADEIRO FRACASSO. Eu só espero e quero acreditar que o povo de Mato Grosso o DEMITA em 2022. Pois hoje temos um presidente de cemitério e um governador a caminho do extermínio. A cada um cabe fazer as suas avaliações.

  • Juca Pirama | Sexta-Feira, 05 de Março de 2021, 17h58
    2
    2

    O arroz, feijão e bife que você comeu hoje, é da IRRESPONSABILIDADE de um empresário que abriu sua empresa e foi trabalhar.

  • joao | Sexta-Feira, 05 de Março de 2021, 17h29
    3
    3

    Mais 1 ponto para Emanuel. Eita. Manoel é inteligente. Merece ser governador a partir de 2023. Parabéns Emanuel.

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...