CULTURA

Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019, 09h:03 | Atualizado: 19/11/2019, 09h:16

Clichês na Rua realiza desfile e arrecada alimentos para comunidade carente - veja

A marca social Clichês na Rua, em parceria com o Sesc Arsenal, promove nesta quinta (21), o 1º Desfile Solidário com o tema “UNICIDADE”. Na passarela, haverá a participação especial de jovens das comunidades Rio dos peixes e Aguaçu em Cuiabá. A entrada solidária é 1 kg de alimento não perecível que deve ser entregue no local.

Clichês na Rua

Cliches na Rua

Grupo Clichês na Rua promove desfile solidário no Sesc Arsenal e chama a atenção para a Unicidade de cada pessoa

O intuito principal do evento é a arrecadação de alimentos, mas também a promoção da marca social Clichês na Rua. As doações serão destinadas para às famílias da comunidade em Aguaçu, a 40 km da Capital.    

O 1º Desfile Solidário tem como objetivo gerar oportunidades para jovens de comunidades carentes. Nessa primeira edição, os jovens das comunidades participarão do desfile. Em contrapartida, a organização visa impactar a sociedade como um todo, trazendo públicos diversificados.

A ideia é mostrar a coleção de roupas por meio do desfile e também fazer uma intervenção face a face com as pessoas que estarão assistindo o evento. A dinâmica vai usar vários espelhos espalhados ao redor da passarela para demonstrar que cada ser humano é insubstituível para o mundo e diretamente o quão importante ele é.

O tema "UNICIDADE" significa a qualidade de alguém ser único, de ser diferente de qualquer outro com que seja comparado, de se distinguir dos demais. “Acreditamos que nada como conversar com a auto-estima do público para abordar o assunto e nisso motivar a transformação social” afirmou Talissa Briante, criadora da marca e cofundadora do grupo de voluntários.

No evento vai ocorrer o lançamento da música do grupo, com o nome de Antidepressivo Ambulante, com uma banda formada com os próprios voluntários do Clichês na Rua, a banda Clichês Music. Além deles, o evento contará com outras atrações musicais.

A escolha do Sesc Arsenal como local de realização foi justamente porque a instituição promove responsabilidade social. Tratando-se de um espaço cultural, onde é disponibilizado diversos tipos de serviços para sociedade, assim como Clichês Na Rua que, por meio de mensagens motivacionais, transforma o dia das pessoas e contribui para o bem-estar pessoal.

Clichês na Rua

O grupo Clichês na Rua é dividido em duas atribuições, o movimento social e a marca social, juntos contêm mais de 120 voluntários de várias idades. O movimento social surgiu em 2015, com o trabalho de voluntariado e ações sociais com o intuito de contribuir motivacionalmente para o bem-estar pessoal e da sociedade.

O movimento utiliza da arte do lambe-lambe para espalhar mensagens de motivação que são coladas pelos postes da cidade com o objetivo da transformação social por meio do amor. A ideia é que uma mensagem alegre te motive a melhorar e torne seu dia feliz ou ainda mais.

Já a marca social surgiu em 2016 com o objetivo de arrecadar dinheiro para viabilizar os projetos do grupo Clichês na Rua. As ações e materiais usados pelo voluntários são mantidos pelos recursos oriundos das vendas dos produtos criados pela marca.

Talissaé umas das cofundadoras e a criadora da marca que surgiu depois que ela começou a investir na moda sustentável como investimento em solidariedade. Ela presta serviços voluntários a comunidades carentes desde de 2011. No entanto, o sonho dela sempre foi unir à moda com à solidariedade.

Com a venda dos produtos, como camisetas, canecas, adesivos e mini blocos de mensagens, uma parte do dinheiro que é adquirido é destinado às ações sociais. O restante é reinvestido na marca social. Agradecemos a oportunidade. Será uma honra contar com à sua presença e parceria neste evento que, assim como você, é único e insubstituível!

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Galli espalha "fake"; Medeiros rebate

victorio galli 400 curtinha   O ex-deputado federal Victorio Galli (foto), presidente do Patriota-MT e primeiro-suplente da chapa de Fernanda ao Senado, começou a espalhar que José Medeiros (Podemos) irá desistir da corrida para senador porque não terá o apoio que tanta esperava do presidente Bolsonaro. Medeiros,...

PSDB joga pesado pra atrair Valdeníria

carlos avalone 400 curtinha   O PSDB de Cáceres acionou até o presidente estadual do partido, deputado Carlos Avalone (foto), para tentar convencer a vereadora de cinco mandatos Valdeníria Dutra Ferreira, que hoje está no PSC, a apoiar o tucano Paulo Donizete para prefeito. Ela poderia entrar de vice da chapa ou...

Barbudo apoia Fernanda para Senado

nelson barbudo 400 curtinha   Nelson Barbudo (foto), o deputado youtuber, anunciou que vai trabalhar o nome da tenente-coronel Rúbia Fernanda (Patriota) ao Senado. Perguntado se Bolsonaro garantirá mesmo o apoio à militar, assim como fez no início do ano, bem antes da pandemia da Covid-19, Barbudo afirmou que...

Licença da PRF para disputar eleição

Arthur Nogueira_400_curtinha   As eleições municipais e ao Senado continuam inflacionando o número de pré-candidatos. O ex-superintendente da PRF, Arthur Nogueira (foto), anunciou que se afastou das atividades policiais para colocar o seu nome à disposição da Rede para concorrer a vaga da senadora...

Possível recuo de Fábio pra prefeito

fabio garcia 400 curtinha   O ex-deputado federal, primeiro-suplente do senador Jayme e presidente estadual do DEM, Fábio Garcia (foto), faz mistério sobre encarar ou não a corrida pela Prefeitura de Cuiabá. Empurrou a decisão para a próxima semana, sem precisar data e horário. O dirigente do...

Fórum aponta traição de 3 deputados

joao batista 400 curtinha   Fórum Sindical está na bronca com os deputados que aprovaram a reforma da Previdência, mas voltam seus canhões com mais força contra 3 deles: João Batista (ex-presidente do Sindispen), Delegado Claudinei e Faissal Calil. Em nota, o Fórum dispara que se elegeram com os votos...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.