CULTURA

Sexta-Feira, 05 de Maio de 2017, 11h:52 | Atualizado: 05/05/2017, 13h:05

Daniela Freire lança Jeri Kurireu, livro sobre trajetória do Marechal Rondon

Dani Dias

Jeri Kurireu

As autoras Daniele Dias (esquerda) e Daniela Freire (direita) contam a trajetória do Marechal Rondon

Jeri Kurireu, O Menino Que se Reinventou, novo livro da escritora Daniela Freire, será lançado nesta sexta (5), às 19h, no Sesc Arsenal.

Texto e ilustrações delineiam a trajetória do Marechal Cândido Mariano da Silva Rondon, patrono das comunicações e talvez a figura mais eminente da história de Mato Grosso, sem dúvida o mais famoso do pequeno município de Mimoso, também denominada Sesmaria do Morro Redondo.

Ilustrado pela artista plástica e publicitária Daniele Dias, tem o objetivo declarado de apresentar aos mais jovens a biografia do mato-grossense que viajou por um Brasil (inclusive com o ex-presidente dos Estados Unidos, Theodore Roosevelt, nos anos de 1913 e 1914) ainda hoje desconhecido no começo do século XX para ajudar a traçar e mapear o país de mares de florestas densas e água doce. Naqueles tempos, ainda cheios de índios.

“À procura do menino que há tempos ouvi falar, encontrei essa história que começou lá na linha do horizonte da planície pantaneira, em 5 de maio de 1865”, escreve a autora no início da narrativa sobre Jeri Kurireu.

O livro sai pela Entrelinhas Editora e traz um texto leve, simples, dialógico para mostrar o caminho percorrido pelo personagem, seus valores, desafios, contradições e busca.

A data de lançamento coincide com o nascimento do Marechal Rondon.

 “Jeri Kurireu: o menino que se reinventou faz parte da coleção infanto-juvenil da Entrelinhas dedicada à biografia de personalidades mato-grossenses”, informa a editora Maria Teresa Carrión Carracedo.

A análise da obra anuncia grande potencial sobretudo para os campos educacional e cultural, uma vez que é fonte de informação de fatos históricos ao mesmo tempo em que convida o leitor ao exercício da reflexão, incentivando o protagonismo social, ao retratar o caminho percorrido por um menino saído de uma pequena localidade no interior do Brasil para alcançar uma das posições mais destacadas na história do mundo, reconhecido inclusive pelo maior gênio que a Terra já conheceu, o pai da Teoria Geral da Relatividade (ainda hoje não totalmente devassada), o judeu alemão Albert Einstein.

Considerado pelo Instituto de Geografia de Nova Iorque um dos cinco maiores exploradores do planeta, Rondon foi indicado ao prêmio Nobel da Paz em três ocasiões (1925, 1953 e 1957). A primeira indicação partiu, inclusive, de Einstein, “em reconhecimento à sua postura antirracista e pelo pioneirismo na luta para abolir as diferenças entre as nações indígenas e a cultura dos colonizadores, sejam eles militares, religiosos, fazendeiros, mineradores, seringueiros”, destaca a autora Daniela Freire, em trecho do livro.

São muitas as homenagens que o mato-grossense Rondon recebeu. Seu nome tornou-se o de uma cidade, Rondonópolis, e um Estado, Rondônia, e um meridiano, o 52, batizado de Meridiano Rondon. 

“A obra é uma narrativa que analisa a trajetória de vida do Marechal Cândido Mariano da Silva Rondon, levando em consideração a perspectiva das crianças e adolescentes. Caracteriza-se por ser um convite à reflexão sobre os valores que orientaram a infância, a adolescência e a vida adulta de Rondon, destacando a dimensão ética de sua relação com os povos indígenas e as transformações que sofreu, à medida que vivenciava os desafios que a vida lhe impôs logo na tenra idade”, explica a autora Daniela.

Albert Einstein foi o autor da primeira indicação de Rondon ao Nobel da Paz

Daniela Freire é psicóloga, nasceu e cresceu em Cuiabá e gosta de inventar novos jeitos de falar sobre a vida para as crianças. É professora do departamento de psicologia da UFMT, coordenadora do grupo de pesquisa de psicologia da infância e atua no programa de pós-graduação em Educação.

Daniela também escreveu para a editora, “Bugrinho: que menino é esse?”, com a biografia do seu pai, o poeta Silva Freire, para crianças, livro ilustrado pelo artista plástico Marcelo Velasco.

 

Daniele Dias é ilustradora nascida em 1981 na cidade de Cuiabá. Cresceu nas terras pantaneiras de São Pedro de Joselândia, distrito de Barão de Melgaço. “Dentro de Dani moram mil imagens que ganham contornos nas tintas de suas aquarelas. Elas dançam igual brincadeira de criança. Se você chegar bem perto, descobrirá o esconde-esconde que mora nas páginas deste livro”, disse. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Nelson | Sexta-Feira, 05 de Maio de 2017, 17h05
    0
    0

    Mimoso é no município de Santo Antonio de Leverger!!!

Nobres chora a morte de ex-prefeito

flavio dalmolin 400   A pequena e turística Nobres, de 16 mil habitantes, parou neste Feriado de Tiradentes em comoção pela morte, por Covid-19, do ex-prefeito Flávio Dalmolin (foto). Um cortejo percorreu ruas e avenidas, parou em frente ao estádio municipal Balizão e à prefeitura, onde...

Derrotado ensaia disputa ao Governo

reinaldo morais 400 curtinha   O empresário Reinaldo Morais (foto), o rei dos porcos, está disposto a gastar mais uns milhões com nova candidatura majoritária, agora para governador. No ano passado, concorreu ao Senado e obteve votação decepcionante. Foi o penúltimo colocado numa corrida com 11...

Sicredi recua de comprar praça pública

enilson rios 400 prefeito araputanga   A diretoria do Sicredi nem esperou ser votado na Câmara Municipal o polêmico projeto sobre negociação de uma praça pública no centro de Araputanga para cancelar o negócio. A cooperativa havia "amarrado" entendimento com o prefeito Enilson de Araújo...

Sessão, voto e namoro com cantora

ulysses moraes 400   Na sessão virtual da Assembleia desta segunda, o deputado Ulysses Moraes (foto), do PSL, estava demorando para computar o voto na apreciação de um veto do governador. O presidente Max Russi (PSB), então, cobrou agilidade do colega e brincou, dizendo que agora ele só tem olhos para a Maraisa....

Misal é reeleito para o 10º mandato

misael galv�o 400 curtinha   Após dois anos fora do comando do Shopping Popular, período em que respondeu pela presidência da Câmara da Capital, o ex-vereador Misael Galvão (foto) voltou à direção do empreendimento, que abriga 500 lojas. E, sob forte...

Oscarlino, Pros e "nocaute" em Gisela

oscarlino 400   Na queda-de-braço dentro do Pros por espaço político, o ex-sindicalista Oscarlino Alves (foto) nocauteou a ex-superintendente do Procon-MT, Gisela Simona. Ele foi um dos filiados que não aceitaram apoio a Abílio na disputa de segundo turno para prefeito de Cuiabá, se aliou ao projeto de...