CULTURA

Quarta-Feira, 08 de Maio de 2019, 09h:11 | Atualizado: 09/05/2019, 17h:02

Triatleta

Tetracampeão, triatleta se recupera de lesão e busca patrocínio para disputa

O triatleta Otávio Menezes de Sousa Cândido, o Gigante, uma das maiores promessas do esporte Mato-grossense, está de volta às competições de Triathlon, esporte que o tornou tetracampeão da modalidade nos anos de 2014/2015/2016/2017.

Divulgação

Triatleta Ot�vio Menezes de Sousa C�ndido, apelidado de Gigante

Triatleta de Mato Grosso Otávio Menezes de Sousa Cândido, o Gigante, quer voltar a sentir o "gostinho" do pódio

Depois de sofrer uma séria lesão no fêmur (perna direita), que o levou a ficar parado por um ano, Otávio retornou às atividades em março, vencendo a 1ª Etapa do Mato-grossense Cuiabá e no último dia 14 de abril, participando da 1ª Etapa do Brasileiro de Triathlon, realizada em Maceió (AL).

O barra-garcense ficou na 3ª colocação, categoria 14/15 anos, mostrando todo o seu potencial nesse esporte.

Neste final de semana, Gigante participará de outra competição, contudo, enfrenta dificuldades de patrocínio para bancar as despesas.

O jovem esportista embarca nesta sexta (9) com destino ao Rio de Janeiro para participar de mais essa etapa do Brasileiro de Triathlon, no domingo (12) e das demais que acontecem a partir de agosto, num total de cinco etapas, Florianópolis, São Paulo e Brasília.

Contudo, para participar dessa competição, Otávio precisa de apoio para o deslocamento e, consequentemente, custear as despesas. Várias empresas e pessoas físicas estão colaborando com patrocínios, porém, os recursos ainda são poucos para garantir a participação do triatleta.

“Estamos enfrentando muitas dificuldades para manter o Otávio nessas competições, representando Barra do Garças e Mato Grosso, justamente por falta de recursos. Empresas e pessoas individuais estão colaborando, mas a luta é árdua para bancar essas despesas, pois, são passagens de avião, hospedagem, alimentação, ou seja, são várias despesas”, ressalta o pai do triatleta, o policial militar Wanderlan Nery Cândido.

Você pode patrocinar esse talento entrando em contato pelo WhatsApp do Otávio (66) 99622-7200.

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Vander forte pela oposição em Tangará

vander masson curtinha   O nome mais forte hoje da oposição em Tangará da Serra, do ponto de vista da densidade eleitoral, é do empresário Vander Masson (foto), que ficou em terceiro lugar para prefeito em 2016 e, no pleito do ano passado, concorreu e perdeu para deputado federal. Filho do ex-prefeito e...

Prefeito de Tangará prepara sucessor

wesley torres curtinha tangara   Em Tangará da Serra, cidade pólo do Médio-Norte, o prefeito emedebista Fábio Junqueira, que está no segundo mandato, quer lançar à sucessão Wesley Torres (foto), diretor do Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae). Em...

Ex-tucano histórico agora reforça PSB

aparecido alves curtinha   O ex-deputado por alguns meses e ex-presidente do Intermat na época do Governo Dante, Aparecido Alves, o Cido (foto), se filiou neste sábado ao PSB, um mês depois de ter deixado os quadros do PSDB, do qual era considerado militante histórico, inclusive desde a década de 1990. Sua ficha...

França vira Plano B do PSB a prefeito

roberto franca curtinhas   O PSB, comandado no Estado pelo deputado Max Russi, tinha esperanças de lançar a prefeito de Cuiabá o hoje presidente da Câmara Municipal, vereador Misael Galvão. Mas frustrou-se. O próprio Misael, governista de carteirinha e já comprometido com o projeto de...

MM cancela visita para evitar grevistas

mauro mendes curtinha   Precavido, Mauro Mendes cancelou de última hora a presença no encontro do PSB neste sábado, no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá. É que em um outro auditório, mas dentro do mesmo hotel, acontecia, em paralelo, o encontro estadual do PT e com participação de...

TCE livra delator de pagar R$ 412 mil

junior mendon�a curtinha   O delator premiado e encrencado com a Justiça em vários processos Gércio Marcelino Mendonça Júnior, o Júnior Mendonça (foto), da Comercial Amazônia Petróleo, conseguiu perdão do TCE de R$ 412,5 mil, bem como de uma multa proporcional...

MAIS LIDAS

ENQUETE

Tramita na Câmara Federal o projeto 832/2019, do deputado José Medeiros, requentando uma proposta de 2007 do então deputado Jair Bolsonaro, propondo extinguir o Exame da Ordem como exigência para inscrição na OAB e, assim, poder exercer a profissão. O que você acha disso?

Concordo - esse Exame tem de acabar

Discordo - bacharel precisa, sim, se submeter ao Exame

Sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.