Curtinhas

Peso político em novo partido

Sexta-Feira, 22/11/2019 11h:57

silvio favero 400   A definição pelo presidente Jair Bolsonaro para que Silvio Fávero conduza a Comissão Provisória em MT da Aliança pelo Brasil, partido que só será criado oficialmente no próximo ano ou em 2021, representa peso político importante para o deputado de primeiro mandato. Embora considerado inexpressivo, Fávero é considerado da turma do “barulho”. Partiu dele, por exemplo, a ideia de reforçar manifestações em MT nas defesas do próprio governo Bolsonaro, das posições do ministro Sérgio Moro e contra petistas. O federal Nelson Barbudo também tem sua proximidade com o capitão, mas, em termos de liderança partidária, Fávero passa a levar vantagem em MT. Ex-vice-prefeito de Lucas, ele já decidiu trocar o PSL pela nova sigla. Barbudo também seguirá o mesmo caminho.

Prefeito estoura limite; TC alerta

Quinta-Feira, 21/11/2019 19h:49

francis maris 400 curtinha   No sétimo e penúltimo ano de mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (foto) segue na mesma toada, de que a administração precisa continuar "enxugando" a máquina, embora já tenha conseguido o equilíbrio fiscal e que quem o suceder receberá uma gestão organizada tanto do ponto de vista financeiro quanto estrutural. Mas um alerta da Secretaria de Controle Externo de Receitas de Governo do TCE, após analisar relatório fiscal do segundo quadrimestre deste ano, derruba o discurso do prefeito. Descobriu que, de janeiro a abril, as despesas com folha de pessoal atingiram a 51,48% da Receita Corrente Líquida, percentual superior ao limite prudencial de 95% (51,30%), conforme preconiza a lei fiscal. Por causa disso, o TCE determinou que Francis não conceda vantagem, aumento, reajuste ou adequação de remuneração a qualquer servidor, a não ser caso de sentença judicial, determinação legal ou contratual. Também está proibido de criar cargo, emprego ou função, alterar estrutura de carreira que venha implicar em aumento de despesa e de pagar hora extra.

Vice, novo partido e candidatura

Quinta-Feira, 21/11/2019 17h:22

leandro felix 400 curtinha   O vice-prefeito de Nova Mutum e primeiro-suplente de deputado estadual, Leandro Félix (foto), pretende deixar o DC. Deve se filiar no Podemos ou no PRB. Vai depender da orientação política dos irmãos Adriano (Podemos) e Otaviano Pivetta (PDT), respectivamente, prefeito de Mutum e vice-governador. Leandro, que já teve oportunidade de assumir interinamente a prefeitura e é considerado gestor competente, será o candidato do grupo situacionista à sucessão municipal. E com grande chance de eleição, afinal, tem apoio irrestrito de Adriano, que se reelegeu em 2016 como candidato único. De quebra, a administração conta com bons índices de aprovação popular.

Câmara cumpre decisão judicial

Quinta-Feira, 21/11/2019 12h:25

misael partido 400 curtinha   Ao fixar o salário do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro em R$ 27 mil, a Câmara de Cuiabá, sob Misael Galvão (foto) não aumenta o subsídio de Emanuel de imediato, mas sim regulamenta o valor que já era pago desde dezembro de 2018. O imbróglio começou em setembro deste ano quando o TJ alegou ser inconstitucional uma emenda à Lei Orgânica, que vinculava o salário de Emanuel ao dos ministros do STF (70%), cabendo à Câmara regular a questão. Com isso, o subsídio foi “rebaixado” a R$ 23 mil. E, agora, com o projeto aprovado pelo Legislativo se corrige a questão. Misael optou por manter o que já era pago anteriormente e previsto no orçamento.

R$ 71 mi estão no caixa para 13º

Quarta-Feira, 20/11/2019 21h:32

rogerio gallo 400 curtinha   Após os primeiros meses de "choradeira", pintando cenário do caos financeiro e administrativo, o governo estadual consegue, pela primeira vez neste 2019, fechar o mês com recurso provisionado para pagar o 13º dos cerca de 100 mil servidores. O secretário de Fazenda, Rogerio Gallo (foto), avisou que já estão no caixa do Executivo R$ 71 milhões, que serão destinados para quitação da folha extra de dezembro. No balanço de outubro, apresentado pelo governador Mauro, o Estado arrecadou R$ 1,7 bilhão, o maior valor acumulado do ano. O Governo tinha um saldo na conta única em 1º de outubro de R$ 49,5 milhões e o total de despesas no mês foi de R$ 1,5 bilhão. No mês passado foi possível pagar R$ 152,1 milhões de despesas acumuladas de 2019 e ainda provisionar R$ 71 milhões para o 13º salário. Nas despesas fixas mensais, o Estado utilizou R$ 305,5 milhões para a folha salarial dos servidores ativos e R$ 180,7 milhões aos aposentados e pensionistas.

Jackson nomeado para TRE-MT

Quarta-Feira, 20/11/2019 14h:47

jackson 400 curtinha tre   O presidente Bolsonaro, enfim, escolheu, de uma lista tríplice, quem passa a compor o Pleno do TRE-MT no cargo de juiz titular, na categoria jurista, para dois mandatos de mandato. Trata-se de Jackson Francisco Coutinho (foto), que desde o ano passado já atua como juiz-membro substituto no Tribunal. Nos bastidores, Jackson fez uma forte articulação política, principalmente junto à bancada federal. A partir daí o seu nome passou a ser o mais cotado para preencher a vacância, aberta em julho com vencimento do mandato de Ricardo Almeida. Os outros da lista que concorreram ao mesmo posto foram os advogados Huendel Rolim e Ronimárcio Naves.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2256

Fávero e peso político em novo partido

silvio favero 400   A definição pelo presidente Jair Bolsonaro para que Silvio Fávero conduza a Comissão Provisória em MT da Aliança pelo Brasil, partido que só será criado oficialmente no próximo ano ou em 2021, representa peso político importante para o deputado de primeiro...

Prefeito estoura limite e TCE faz vetos

francis maris 400 curtinha   No sétimo e penúltimo ano de mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (foto) segue na mesma toada, de que a administração precisa continuar "enxugando" a máquina, embora já tenha conseguido o equilíbrio fiscal e que quem o suceder receberá uma gestão...

Vice muda de partido e vai a prefeito

leandro felix 400 curtinha   O vice-prefeito de Nova Mutum e primeiro-suplente de deputado estadual, Leandro Félix (foto), pretende deixar o DC. Deve se filiar no Podemos ou no PRB. Vai depender da orientação política dos irmãos Adriano (Podemos) e Otaviano Pivetta (PDT), respectivamente, prefeito de Mutum e...

Câmara só regulamenta salário de EP

misael partido 400 curtinha   Ao fixar o salário do prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro em R$ 27 mil, a Câmara de Cuiabá, sob Misael Galvão (foto) não aumenta o subsídio de Emanuel de imediato, mas sim regulamenta o valor que já era pago desde dezembro de 2018. O imbróglio começou...

R$ 71 mi já estão reservados para 13º

rogerio gallo 400 curtinha   Após os primeiros meses de "choradeira", pintando cenário do caos financeiro e administrativo, o governo estadual consegue, pela primeira vez neste 2019, fechar o mês com recurso provisionado para pagar o 13º dos cerca de 100 mil servidores. O secretário de Fazenda, Rogerio Gallo (foto),...

Jackson, enfim, nomeado ao TRE-MT

jackson 400 curtinha tre   O presidente Bolsonaro, enfim, escolheu, de uma lista tríplice, quem passa a compor o Pleno do TRE-MT no cargo de juiz titular, na categoria jurista, para dois mandatos de mandato. Trata-se de Jackson Francisco Coutinho (foto), que desde o ano passado já atua como juiz-membro substituto no Tribunal. Nos...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Como você avalia a decisão do Supremo de suspender prisão imediata após julgamento em segunda instância?

Concordo

Discordo

Tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.