Curtinhas

Sábado, 14 de Dezembro de 2019, 17h:54 | Atualizado: 14/12/2019, 18h:20

DEM busca regras sobre Senado

julio campos 400 curtinha

 

Atendendo orientação da Nacional do DEM, na luta para ampliar bancada no Congresso, o diretório regional do partido vai apostar todas as fichas na disputa suplementar ao Senado. E, antes de avançar na definição de nome, o partido decidiu encaminhar consulta ao TSE para saber se quem concorreu em 2018 poderá entrar no páreo novamente na briga pela cadeira de Selma. Alguns ministros entendem que, como se trata do mesmo sufrágio, candidatos das urnas de 2018 não poderiam concorrer de novo, a não ser os que tentaram o Senado. De qualquer maneira, a cúpula do Democratas aguardará resposta do TSE para lançar candidatura. Se prevalecer a tese do veto a candidatos de 2018, ficariam impedidos de pleitear o Senado, pelo DEM, por exemplo, os deputados Botelho e Dilmar. Por outro lado, Júlio Campos (foto) ganharia chance. Há outros fora do DEM e dispostos a entrar, inclusive de olho no Senado, como Mauro Carvalho, secretário da Casa Civil.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Margarida Alves | Segunda-Feira, 16 de Dezembro de 2019, 16h53
    1
    2

    Se o Júlio candidatar para o Senado tá eleito. E' o melhor doque essas outras tranqueiras que querem disputar Apoio o Júlio. ..

  • marta | Segunda-Feira, 16 de Dezembro de 2019, 10h27
    2
    1

    mauro mendes te mque ser menos duro, e abrir espaço no governo politicamente, pois esta quase uma empresa, tem que ser mais politico.

  • adair ferreira | Segunda-Feira, 16 de Dezembro de 2019, 07h29
    5
    0

    quero que esse Mauro carvalho entra na disputa ao senado, so pra ele ver o pau que vai levar

  • Aldo | Domingo, 15 de Dezembro de 2019, 14h04
    6
    4

    Júlio Campos, de novo! É o fim da picada, Mato Grosso nunca vai melhorar elegendo esse tipo de político. É desanimador ver esse tipo de notícia.

Sem alarde, vereador muda de partido

viniciys clovito curtinha   De última hora e sem alarde, o vereador pela Capital Vinicyus Hugueney (foto) resolveu deixar o PP e se filiou ao Solidariedade. Com isso, o PP não se torna o único com a maior bancada. Está com três vereadores, assim como o PV e o PSDB. No SD, Vinicyus vai concorrer internamente com...

Irmão de Thelma na lista dos traidores

ronaldo pimentel 400 curtinha   Na carta aberta assinada por Ricardo Saad, que preside o PSDB cuiabano, ele reclama de dívidas milionárias herdadas de antecessores, inclusive dos R$ 4 milhões de pendências somente do pleito de 2016, e menciona, entre outras coisas, que "(...) há correligionários, que estavam...

A bronca de Saad com Wilson Santos

ricardo saad curtinha 400   O vereador Ricardo Saad (foto), presidente do PSDB da Capital, resolveu disparar a metralhadora verbal contra colegas tucanos. Sobre o ex-prefeito e hoje deputado Wilson Santos, considera que este nada fez para ajudar o partido a se reestruturar, visando as eleições de outubro. Mesmo sendo vice-presidente...

Janela tira muitos políticos do calvário

gilberto figueiredo curtinhas   O fechamento da janela partidária, que encerrou-se no último sábado, dia 4, marcou o fim de um longo calvário aos partidos, que tiveram que suportar em seus quadros políticos que não estavam mais de “alma”, mas somente de “corpo”. Na Câmara...

Só 2 vereadores não vão à reeleição

felipe wellaton curtinha 400   Apenas dois entre os 25 parlamentares cuiabanos não vão buscar a reeleição. O licenciado Gilberto Figueiredo, que trocou o PSB pelo DEM, quer concorrer a prefeito, assim como Felipe Wellaton (foto), que até trocou de partido, saindo do PV e agora no Cidadania. Pretende disputar...

4 fora da reeleição em Rondonópolis

thiago muniz 400 curtinha   Dos 21 vereadores de Rondonópolis, somente quatro não vão à reeleição, sendo eles Thiago Muniz (foto), agora no DEM, Hélio Pichioni (PSD), Jailson do Pesque-Pague e Rodrigo da Zaeli (ambos do PSDB). Eles garantem se tratar de um caminho sem volta. Destes, dois tentam...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você concorda com a decisão de prefeitos, que começam a decretar estado de emergência, fechando comércio, serviços públicos e o transporte coletivo?

sim

não

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.