Curtinhas

Quinta-Feira, 26 de Setembro de 2013, 11h:09 | Atualizado: 26/09/2013, 11h:22

Curtinhas

Luciane e vaga em UTI privada

  A deputada Luciane Bezerra (PSB) nega que tenha explorado com interesse eleitoreiro a morte da avó em discurso da tribuna da Assembleia, quando culpou o governo estadual pelo caos na saúde e por falta de vaga em UTI. Ela explica que buscou vaga também em UTI particular em Cuiabá e não a encontrou. Isso é grave porque mostra a falta de estrutura da saúde na capital em todos os níveis. Luciane reclama que foi mal interpretada ao levar para a discussão um drama pessoal. A parlamentar é uma das poucas que fazem oposição ao governo Silval. Esposa do polêmico Oscar Bezerra, ex-prefeito de Juara, ela busca a reeleição e tem base eleitoral no chamado Vale do Arinos, mesma região do cacique do PSD, deputado Riva.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • ALINE | Sexta-Feira, 27 de Setembro de 2013, 11h21
    0
    0

    ao invés de pagar salários abusivos aos seus assessores para reembolsar a metade para si, pague o que e certo, e o restante deixe para ser investido na saúde, nesse circo o palhaco e o povo e os deputados e afins dao risada, ipocritas, sao todos farinha

  • ALINE | Sexta-Feira, 27 de Setembro de 2013, 11h21
    0
    0

    ao invés de pagar salários abusivos aos seus assessores para reembolsar a metade para si, pague o que e certo, e o restante deixe para ser investido na saúde, nesse circo o palhaco e o povo e os deputados e afins dao risada, ipocritas, sao todos farinha

  • Ronaldo Bosco | Sexta-Feira, 27 de Setembro de 2013, 08h10
    0
    0

    Aqui se faz aqui se paga,a senhora agora esta dos dois lados, do lado que gasta dinheiro da saúde com fantasma e do lado dos que necessitam desses recursos para salvar vida

  • Lucia Helena | Sexta-Feira, 27 de Setembro de 2013, 08h05
    0
    0

    Nada como sentir na própria carne o caos da saúde,pergunta que não quer calar-Nobre deputada oque fez pela saúde de MT até a morte da sua amada avó?Tá vendo porque não podemos usar recurso da saúde para empregar fantasmas como seu filhos?

  • Marcelo | Sexta-Feira, 27 de Setembro de 2013, 00h43
    0
    0

    Voces acham que na condição de Deputado, com o salário que ganha, eu iria deixar minha Avó peregrinar por um leito público. Isso ou é eleitoreiro e misereza.

  • ROBERTO RUAS | Quinta-Feira, 26 de Setembro de 2013, 19h32
    0
    0

    Só por fazer oposição ao ( argh!) riva (minusculo mesmo ) , essa mulher já tem o meu respeito.

  • Léo Kuiabano | Quinta-Feira, 26 de Setembro de 2013, 16h00
    0
    0

    Outra pergunta, já que perguntar não ofende nem arranca pedaço, porque será que seu enteado um reles estudante de direito foi nomeado DAS na prefeitura de Cuiabá ao invés de estagiário?

  • Rose Maria | Quinta-Feira, 26 de Setembro de 2013, 15h52
    0
    0

    Pessoal não falem o que não sabem. Pra voce tirar um paciente de um hospital tem que ter uma autorização médica, ela estava esperando a UTI do Santa Rosa ficar vaga. O que acontece é que o povo não sabe o que quer. Não sabe como criticar, não sabe quem criticar. Ela pudia ter ficado quieta e não ter falado nada e ponto a saúde do MT ia continuar a mesma coisa e nenhum parlamentar teria a coragem q ela teve. Outro dia mesmo vi um comentário neste site dizendo que queria que um político usasse o SUS. Pronto ela usou, não fez nada errado, ela paga os impostos e tem direito de usar, rica ou pobre, ela paga por isso. Gente sejam inteligentes e critiquem com fundamento!

  • Simone Vargas | Quinta-Feira, 26 de Setembro de 2013, 13h19
    0
    0

    Nobre Dep., mal interpretada a senhora não foi, quis usar sim como eleitoreiro. Pois caso não tivesse UTI particular, poderia ter sido transferida para outra cidade, todavia, aproveitou a oportunidade para se lamentar., todavia não é somente o Silval que merece porrete, mas seu amigo pessoal prefeito Mauro Mendes, pois Pronto Socorro é administrado pela prefeitura e não pelo governo do Estado. Ficou parecendo que você e uma pobre coitada, mas não é, por sinal a mais rica da assembleia. Portanto, criticar, sem oposição tudo bem, mas coloque os pingo no i.

  • Marco | Quinta-Feira, 26 de Setembro de 2013, 12h46
    0
    0

    Só uma pergunta a Deputada? Porque a senhora não briga por uma vaga nas escolas publicas para os seus filhos?

Partidos com 2 ou mais pré ao Senado

margareth buzetti 400 curtinha   Dirigentes partidários estão passando apurado, nesta fase de pré-campanha, para conduzir o processo de escolha de candidatura ao Senado para a vaga de Selma Arruda, cassada por crimes eleitorais. Mesmo sabendo que as chances são remotíssimas de êxito nas urnas, alguns...

Muitos cuiabanos votam em Chapada

thelma de oliveira 400 curtinha   A ex-deputada federal Thelma de Oliveira (PSDB), que em 2016 transferiu o domicílio eleitoral de Cuiabá para Chapada dos Guimaráes, já está trabalhando nos bastidores o projeto de reeleição. E, agindo nos bastidores e de forma estratégica, ela conseguiu um...

Câmara cassará 4º eleito em 11 anos

ricardo saad 400   O emblemático e inconsequente Abílio Júnior (PSC) caminha para entrar para os anais da Câmara de Cuiabá como o quarto vereador a ter o mandato cassado nos últimos 11 anos. Parecer da Comissão de Ética, sob relatoria de Ricardo Saad (foto), é pela perda da cadeira...

Apto, ex-prefeito vai disputar Chapada

gilberto mello 400 curtinha   O ex-prefeito de Chapada dos Guimarães, Gilberto de Mello (foto), contesta registro no Curtinhas, citando que ele estaria inelegível por responder a alguns processos e ter amargado condenações pela Justiça - saiba mais aqui. Filiado ao PL e disposto a ir à...

PT-Cuiabá sugere disputa ao Senado

bob pt 400 curtinha   Em resolução do diretório de Cuiabá, aprovada nesta quinta após discussões ampliadas, o PT municipal, presidido por Bob Almeida (foto), decidiu recomendar à Executiva Estadual o projeto de candidatura própria ao Senado. O documento dispara críticas tanto ao Governo...

Prefeituras agora pagam 27% de TIP

neurilan fraga 400 curtinha   A reforma tributária do governo estadual, aprovada pelos deputados, incluiu 27% de taxa de iluminação pública. Antes eram isentos. Com a cobrança do tributo, a conta de energia das prefeituras vai às alturas. A fatura de Cuiabá vencida em 28 de dezembro, por exemplo, foi...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O governador Mauro Mendes acaba de encerrar o 1º dos quatro anos de mandato. Na sua opinião, como está indo a administração?

ótima

boa

regular

ruim

péssima

não sei

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.